Accessibility / Report Error

High bacterial carbon demand and low growth efficiency at a tropical hypereutrophic estuary: importance of dissolved organic matter remineralization

Mariana Guenther Eliane Gonzalez-Rodriguez Manuel Flores-Montes Moacyr Araújo Sigrid Neumann-Leitão Sobre os autores

Resumo

Medidas simultâneas de produção (PB) e respiração bacterianas (RB) são indispensáveis para o entendimento da magnitude do ciclo do carbono nos níveis tróficos mais basais dos sistemas aquáticos, mas são ainda escassas nos trópicos. O presente estudo foi realizado em um estuário extremamente produtivo (Porto do Recife, 08°03'S; 34°52'W, NE do Brasil), onde a demanda bacteriana por carbono (DBC=PB+RB) e a eficiência de crescimento bacteriano (ECB=PB/DBC) foram determinadas para estimar o principal papel do bacterioplâncton: fonte ou captador de carbono orgânico. Apesar das altas taxas de PB (0.03-0.4 µMC h-1), as taxas extremas de RB (0.5-4.1 µMC h-1) levaram a baixa ECB (0.02-0.29), provavelmente devido às altas temperaturas (>25ºC) e forte limitação por nitrogênio inorgânico (razão N:P) A alta DBC e a baixa ECB indicam que o bacterioplâncton esteja atuando principalmente como remineralizador da matéria orgânica dissolvida, alimentando a produção primaria do sistema. Esses resultados contradizem o que seria esperado baseado em estudos conduzidos em estuários eutróficos temperados (onde geralmente ECB > 0.30) e apontam para a importância de se aumentar estimativas in situ de PB e RB em sistemas estuarinos tropicais a fim de se promover um melhor entendimento do papel desses sistemas na ciclagem de carbono global.

Descritores:
Bacterioplâncton; Produção bacteriana; Respiração bacteriana; Alça microbiana; DBC; ECB

Universidade de São Paulo, Instituto Oceanográfico Praça do Oceanográfico, 191 , 05508-120 Cidade Universitária, São Paulo - SP - Brasil, Tel.: (55 11) 3091-6501, Fax: (55 11) 3032-3092 - São Paulo - SP - Brazil
E-mail: io@usp.br