Tradução, adaptação cultural e validação do questionário Sinonasal Outcome Test (SNOT): 22 para a Língua Portuguesa (BR)

Eduardo Macoto Kosugi Vitor Guo Chen Viviane Maria Guerreiro da Fonseca Milena Martins Pellogia Cursino José Arruda Mendes Neto Luís Carlos Gregório Sobre os autores

Os questionários de qualidade de vida têm sido utilizados para determinar o impacto promovido por uma intervenção ou avaliar os resultados dos serviços de saúde. Dentre os questionários específicos, o SNOT-22 foi considerado o mais adequado para avaliar pacientes com rinossinusite crônica (RSC) e polipose nasossinusal (PNS). OBJETIVO: Realizar a tradução, adaptação cultural e validação do SNOT-22 para o Português Brasileiro (BR). MATERIAL E MÉTODO: Estudo prospectivo com 89 pacientes no pré e pós-operatório de cirurgia endoscópica nasossinusal por RSC ou PNS e 113 voluntários sem doença nasossinusal. RESULTADOS: O escore médio no pré-operatório foi de 62,39 pontos; no pós-operatório, de 23,09 e dos sem doença nasossinusal, de 11,42 (p<0,0001), mostrando a validade e responsividade. A consistência interna foi alta (alfa de Cronbach de 0,9276). A reprodutibilidade foi suficiente na aplicação interentrevistadores (r=0,81) e intraentrevistadores com 10 a 14 dias de intervalo (r=0,72). O tamanho de efeito da cirurgia foi de 1,55. A diferença minimamente importante foi de 14 pontos e escores até 10 pontos foram considerados como normais. CONCLUSÃO: A versão para Português Brasileiro do questionário SNOT-22 é um instrumento válido para avaliar pacientes com RSC e PNS.

cirurgia endoscópica por orifício natural; pólipos nasais; qualidade de vida; questionários; sinusite


Associação Brasileira de Otorrinolaringologia e Cirurgia Cérvico-Facial. Sede da Associação Brasileira de Otorrinolaringologia e Cirurgia Cérvico Facial, Av. Indianópolia, 1287, 04063-002 São Paulo/SP Brasil, Tel.: (0xx11) 5053-7500, Fax: (0xx11) 5053-7512 - São Paulo - SP - Brazil
E-mail: revista@aborlccf.org.br