Comparação entre cinco diluidores na congelação de sêmen de cães

Foram utilizados ejaculados de 6 cães para comparar cinco diluidores no processo de congelação de sêmen. Cada ejaculado foi dividido em 5 partes e adicionadas aos diluidores tris-fructose-ácido cítrico, glicina, lactose, leite desnatado e tris-fructose-ácido cítrico. O sêmen foi diluído a 37°C sem adição de glicerol na proporção 1:1 (fração A) e refrigerado durante 60 minutos até atingir a temperatura de 5ºC, quando foi adicionada a fração dos diluidores contendo glicerol (fração B) na proporção 2:1, atingindo a concentração final de 4% de glicerol. O sêmen diluído permaneceu por 60 minutos em refrigeração para equilíbrio no glicerol, sendo envasado em palhetas de 0,5 ml, mantido por 30 minutos no vapor de nitrogênio e imerso e armazenado em nitrogênio líquido. Foram avaliados a motilidade progressiva retilínea, o vigor e os defeitos espermáticos antes da congelação e após a descongelação do sêmen em água a 37°C. Os resultados mostraram que os diluidores tris-fructose-ácido cítrico e glicina apresentaram as melhores médias de motilidade progressiva retilínea e de vigor espermático após a descongelação. A congelação aumentou a freqüência dos defeitos espermáticos maiores independente do diluidor.

Diluentes; Congelamento; Sêmen; Cães


Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia / Universidade de São Paulo Av. Prof. Dr. Orlando Marques de Paiva, 87, Cidade Universitária Armando de Salles Oliveira, 05508-270 São Paulo SP Brazil, Tel.: +55 11 3091-7636, Fax: +55 11 3031-3074 / 3091-7672 / 3091-7678 - São Paulo - SP - Brazil
E-mail: brazvet@edu.usp.br