A absorção de elementos minerais pelo fruto do cafeeiro durante sua formação

Absorption of mineral elements by coffee berries during their formation

Resumos

São apresentados dados da variação na concentração de nitrogênio, fósforo, potássio, cálcio e magnésio no fruto do cafeeiro durante a sua formação, bem como das quantidades dos elementos absorvidos pelo fruto e da acumulação de matéria sêca em diversos estágios de seu desenvolvimento. A concentração dos elementos dosados foi sempre maior na flor que em qualquer outro estágio da maturação. O inverso ocorreu com a concentração de matéria sêca, em conseqüência da redução progressiva do teor de água no fruto. A acumulação de matéria sêca no fruto intensificou-se a partir do início do 4.° mês após o florescimento. O mesmo ocorreu com a absorção de nitrogênio, fósforo e potássio. Nôvo incremento na absorção de nitrogênio e potássio e no aumento do pêso sêco foi observado no 6º e no 7º mês após o florescimento. Nos dois meses que antecedem o estado final de maturação, o fruto do cafeeiro acumula ou elabora 43% do seu pêso sêco, absorvendo 49% do nitrogênio, 36% do fósforo e 39% do potássio, relativamente às quantidades que contém quando da maturação completa.


In this paper data are presented relating the variation found in the concentration of nitrogen, phosphorus, potassium, calcium and magnesium in the coffee berries during their growing period as well as concerning the amounts of elements absorbed by the accumulation of dry matter. All these data are given for several stages of the development of the berries. The concentration of tested elements was always greater in the flower period than in any other stage of maturation. The reverse occurred with the concentration of dry matter, since there is a progressive reduction of the water content in the fruit. The accumulation of dry matter in the coffee berry became more intense from the beginning of the fourth month after the blooming season. The same happened with the absorption of nitrogen, phosphorus and potassium. In the 6th and 7th months after the blooming a new increase was observed in the absorption of nitrogen and potassium and in the dry weight as well. During the two months previous to the ripening stage the coffee fruit accumulates or elaborates 43% of its dry weight, through the absorption of 49% of nitrogen, 36% of phosphorus and 39% of potassium of the total amounts contained in it at complete maturity.


Ferdinando Roberto Pupo de MoraesI; Renato A. CataniII

IEngenheiro-agrônomo, Seção de Café, Instituto Agronômico

IIEngenheiro-agrônomo, Escola Superior de Agricultura "Luis de Queiroz"

RESUMO

São apresentados dados da variação na concentração de nitrogênio, fósforo, potássio, cálcio e magnésio no fruto do cafeeiro durante a sua formação, bem como das quantidades dos elementos absorvidos pelo fruto e da acumulação de matéria sêca em diversos estágios de seu desenvolvimento.

A concentração dos elementos dosados foi sempre maior na flor que em qualquer outro estágio da maturação. O inverso ocorreu com a concentração de matéria sêca, em conseqüência da redução progressiva do teor de água no fruto.

A acumulação de matéria sêca no fruto intensificou-se a partir do início do 4.° mês após o florescimento. O mesmo ocorreu com a absorção de nitrogênio, fósforo e potássio. Nôvo incremento na absorção de nitrogênio e potássio e no aumento do pêso sêco foi observado no 6º e no 7º mês após o florescimento.

Nos dois meses que antecedem o estado final de maturação, o fruto do cafeeiro acumula ou elabora 43% do seu pêso sêco, absorvendo 49% do nitrogênio, 36% do fósforo e 39% do potássio, relativamente às quantidades que contém quando da maturação completa.

SUMMARY

In this paper data are presented relating the variation found in the concentration of nitrogen, phosphorus, potassium, calcium and magnesium in the coffee berries during their growing period as well as concerning the amounts of elements absorbed by the accumulation of dry matter. All these data are given for several stages of the development of the berries.

The concentration of tested elements was always greater in the flower period than in any other stage of maturation. The reverse occurred with the concentration of dry matter, since there is a progressive reduction of the water content in the fruit.

The accumulation of dry matter in the coffee berry became more intense from the beginning of the fourth month after the blooming season. The same happened with the absorption of nitrogen, phosphorus and potassium. In the 6th and 7th months after the blooming a new increase was observed in the absorption of nitrogen and potassium and in the dry weight as well.

During the two months previous to the ripening stage the coffee fruit accumulates or elaborates 43% of its dry weight, through the absorption of 49% of nitrogen, 36% of phosphorus and 39% of potassium of the total amounts contained in it at complete maturity.

Texto completo disponível apenas em PDF.

Full text available only in PDF format.

LITERATURA CITADA

Recebido para publicação a 23 de abril de 1964.

  • 1.  ANSTEAD, R. E. & PITTOCK, C. K. The varying composition of the coffee berry at different stages of its growth and its relation to the manuring of coffee estates. Planters' Chronicle 8:[455]-460. 1913.
  • 2.  CARVAJAL, C. J. F. Estudio de las deficiências de nitrógeno, potasio, boro y manganeso - plantas de cafe (Coffea arabica var. typica). Rev. Biol. Trop. 8:[165]-179. 1960.
  • 3.  CATANI, R. A. & MORAES, F. R. P. A composição química do cafeeiro. Rev. Agric, Piracicaba 33: [45]-52. 1958.
  • 4.  DAFERT, F. W., BRAGA, T. (e outros) Experiências de adubação e estudos sôbre a cultura do cafeeiro. São Paulo, Secr. da Agricultura, 1929. 200p.
  • 5.  MALAVOLTA, E., GRANER, E. A. (e outros) Estudos sôbre a alimentação mineral do cafeeiro Turrialba 13:[188]-189. 1963.

  • A absorção de elementos minerais pelo fruto do cafeeiro durante sua formação
    Absorption of mineral elements by coffee berries during their formation

Datas de Publicação

  • Publicação nesta coleção
    19 Fev 2010
  • Data do Fascículo
    1964

Histórico

  • Recebido
    23 Abr 1964
Instituto Agronômico de Campinas Avenida Barão de Itapura, 1481, 13020-902 Campinas SP - Brazil, Tel.: +55 19 2137-0653, Fax: +55 19 2137-0666 - Campinas - SP - Brazil
E-mail: bragantia@iac.sp.gov.br