Patometria, parâmetros genéticos e reação de progênies de mamoeiro à pinta-preta

Pathometry, genetic parameters and papaya progenies reaction to black-spot disease

Marcelo Vivas Silvaldo Felipe da Silveira Janieli Maganha Silva Vivas Messias Gonzaga Pereira Sobre os autores

A resistência genética constitui-se em alternativa sustentável para o controle de doenças em culturas agrícolas, sendo esta, no entanto, dependente da avaliação de populações naturais ou tradicionais visando à ampliação da base genética. Este trabalho relata a avaliação fenotípica de 24 progênies de mamoeiro, oriundas de genótipos crioulos, cultivados por pequenos agricultores no sul do Estado do Espírito Santo. Avaliaram-se características associadas à resistência à pinta-preta, importante doença desta cultura, causada pelo fungo Asperisporium caricae. Para fins comparativos, foram incluídas uma variedade resistente ('Maradol') e uma suscetível ('Golden') à pinta-preta. Pelos parâmetros genéticos estimados, concluiu-se que na população estudada há variabilidade genética quanto à resistência à pinta-preta suficiente para indicar a seleção recorrente como método de melhoramento.

Asperisporium caricae; Carica papaya; herdabilidade; resistência genética; variabilidade genética


Instituto Agronômico de Campinas Avenida Barão de Itapura, 1481, 13020-902 Campinas SP - Brazil, Tel.: +55 19 2137-0653, Fax: +55 19 2137-0666 - Campinas - SP - Brazil
E-mail: bragantia@iac.sp.gov.br