Accessibility / Report Error

Estabilidade de rendimento de grãos de trigo na região do vale do Paranapanema, SP

Stability of grain yield on wheat genotypes at the Paranapanema valley, state of São Paulo, Brazil

Resumos

Para o estudo da estabilidade da produção de grãos, utilizaram-se onze genótipos de trigo (Triticum aestivum L.) em dezesseis ambientes da região do Vale do Paranapanema, SP, em 1984-87. Através do modelo desenvolvido por Eberhart & Russel, foi possível detectar variabilidade entre os genótipos estudados em relação aos ambientes considerados. O melhor ambiente foi o de Pedrinhas Paulista, em 1985,e o pior, o de Assis, em 1984. 0 genótipo BH-1146 foi o mais estável e apresentou o maior rendimento de grãos. Os cuttivares Alondra-4546, IAC-5 e Paraguay 281 mostraram adaptação específica para bons ambientes. Esse modelo permitiu identificar os melhores ambientes e as variedades mais estáveis na recomendação de cultivares de trigo, justificando a sua utilização para o Vale do Paranapanema.

trigo; cuttivares; grãos; estabilidade de rendimento e rendimento médio; coeficiente de regressão; índice ambiental


The yield stability of eleven wheat genotypes was studied on sixteen localities with different environmental conditions at the Paranapanema Valley State of São Paulo, in the period 1984-87. Using Eberhart & Russel's model it was possible to detect variability among the genotypes considering the different localities. Pedrinhas Paulista showed to be the best one in 1985 and Assis the worst, in 1984. The genotype BH-1146 was the most stable for all considered environments with the highest yield. The cultivars Alondra-4546, IAC-5 and Paraguay-281 presented adaptation only under favorable growing conditions. The use of this model permitted to identify the best environments and the most stable varieties, justifying its use for wheat cultivar recommendations, on the present study.

wheat, cultivars; grain yield stability; average grain yield; environment index


II. GENÉTICA E MELHORAMENTO DE PLANTAS

Estabilidade de rendimento de grãos de trigo na região do Vale do Paranapanema, SP1 1 Com verba suplementar do Convênio do Trigo entre as Cooperativas dos Produtores Rurais do Vale do Paranapanema e a Secretaria da Agricultura - IAC. Apresentado na XV Reunião Nacional de Pesquisa de Trigo em Passo Fundo - RS, de 19 a 23 de setembro de 1988.

Stability of grain yield on wheat genotypes at the Paranapanema Valley, State of São Paulo, Brazil

Antonio Wilson Penteado Ferreira Filho2 2 Com bolsa de pesquisa do CNPq. ; Carlos Eduardo de Oliveira Camargo2 2 Com bolsa de pesquisa do CNPq. ; João Carlos Felício2 2 Com bolsa de pesquisa do CNPq. ; José Guilherme de Freitas2 2 Com bolsa de pesquisa do CNPq.

Seção de Arroz e Cereais de Inverno, Instituto Agronômico (IAC), Caixa Postal 28,13001 Campinas, SP

RESUMO

Para o estudo da estabilidade da produção de grãos, utilizaram-se onze genótipos de trigo (Triticum aestivum L.) em dezesseis ambientes da região do Vale do Paranapanema, SP, em 1984-87. Através do modelo desenvolvido por Eberhart & Russel, foi possível detectar variabilidade entre os genótipos estudados em relação aos ambientes considerados. O melhor ambiente foi o de Pedrinhas Paulista, em 1985,e o pior, o de Assis, em 1984. 0 genótipo BH-1146 foi o mais estável e apresentou o maior rendimento de grãos. Os cuttivares Alondra-4546, IAC-5 e Paraguay 281 mostraram adaptação específica para bons ambientes. Esse modelo permitiu identificar os melhores ambientes e as variedades mais estáveis na recomendação de cultivares de trigo, justificando a sua utilização para o Vale do Paranapanema.

Termos de Indexação: trigo, cuttivares, grãos, estabilidade de rendimento e rendimento médio; coeficiente de regressão, índice ambiental.

ABSTRACT

The yield stability of eleven wheat genotypes was studied on sixteen localities with different environmental conditions at the Paranapanema Valley State of São Paulo, in the period 1984-87. Using Eberhart & Russel's model it was possible to detect variability among the genotypes considering the different localities. Pedrinhas Paulista showed to be the best one in 1985 and Assis the worst, in 1984. The genotype BH-1146 was the most stable for all considered environments with the highest yield. The cultivars Alondra-4546, IAC-5 and Paraguay-281 presented adaptation only under favorable growing conditions. The use of this model permitted to identify the best environments and the most stable varieties, justifying its use for wheat cultivar recommendations, on the present study.

Index terms: wheat, cultivars; grain yield stability, average grain yield, environment index.

Texto completo disponível apenas em PDF.

Full text available only in PDF format.

Recebido para publicação em 6 de outubro de 1989 e aceito em 13 de março de 1990.

  • ALLARD, R.W. & FRADSHAW, A.D. Implications of genotype-environment interactions in applied plant breeding. Crop Science, Madison, 4:503-504, 1964.
  • BAKER, R J. Genotype-environment interactions in yield of wheat Canadian Journal of Plant Science, Ottawa, 49:743-751, 1969.
  • CARVALHO, F.I.F. Uma análise entre diversos parâmetros estimativos de estabilidade em trigo (Tritícum aestivum L.). Florianópolis, U.F.S.C.; Fac. Agr., 1980. 57p. Tese (Livre Docência).
  • __________ ; FEDERIZZI, L.C.; NODARI, R.O. & STORCK, L. Comparison among stability models in evaluation genotypes. Revista Brasileira de Genética, Ribeirão Preto, 4:667-691, 1983.
  • EBERHART, S.A. & RUSSEL, W.A. Stability parameters for comparing varieties. Crop Science, Madison, 6:36-40, 1966.
  • FINLAY, K.W. & WILKINSON, G.N. The analysis of adaptation in a plant breeding programme. Australian Journal Agricultural Research, Melbourne, 14:742-754, 1963.
  • PLAISTED, R.K. & PETERSON, L.C. A technique for evaluating the ability of selections to yield consistently in different locations and seasons. American Potato Journal, Maine, 36:381-385,1959.
  • VARELA, J.D. & FRANCO, J. Adaptabilidad de variedades promissoras de trigo, 1972. Revista ICA, Bogotá, 1:361-387, 1973.
  • WRICKE, O. Uber eine Methode zur Erfassung der ökologishen Streubreite in Feldversuchen. Zeitschuriftfür Pflanzenzüchtung, Berlin, 47:92-96, 1962.
  • 1
    Com verba suplementar do Convênio do Trigo entre as Cooperativas dos Produtores Rurais do Vale do Paranapanema e a Secretaria da Agricultura - IAC. Apresentado na XV Reunião Nacional de Pesquisa de Trigo em Passo Fundo - RS, de 19 a 23 de setembro de 1988.
  • 2
    Com bolsa de pesquisa do CNPq.
  • Datas de Publicação

    • Publicação nesta coleção
      19 Nov 2007
    • Data do Fascículo
      1990

    Histórico

    • Aceito
      13 Mar 1990
    • Recebido
      06 Out 1989
    Instituto Agronômico de Campinas Avenida Barão de Itapura, 1481, 13020-902, Tel.: +55 19 2137-0653, Fax: +55 19 2137-0666 - Campinas - SP - Brazil
    E-mail: bragantia@iac.sp.gov.br