Evolução da distribuição espacial dos casos novos de tuberculose no município de Patos (PB), 2001-2010

Evolution of the spatial distribution of tuberculosis cases in the city of Patos (PB), 2001-2010

Kleane Maria da Fonseca Azevedo Araujo Tânia Maria Ribeiro Monteiro de Figueiredo Lidiane Cristina Félix Gomes Mayrla Lima Pinto Talina Carla da Silva Maria Rita Bertolozzi Sobre os autores

A tuberculose configura-se como problema de saúde pública de relevância social e epidemiológica, presente na Agenda Estratégica da Secretaria de Vigilância em Saúde (SVS), cujas ações são gerenciadas pelo Programa Nacional de Controle da Tuberculose (PNCT), que prioriza a descentralização das ações de controle da doença para Atenção Primária à Saúde. Este estudo teve como objetivo analisar a distribuição espacial e a densidade de casos de tuberculose no período 2001 a 2010, na zona urbana do município de Patos (PB). O estudo, ecológico e descritivo, utilizou os casos novos de tuberculose notificados no Sistema de Informação de Agravos de Notificação, a técnica de geoprocessamento para localização dos casos e o software ArcGis 10.0 para o processamento dos dados. Observou-se distribuição da doença com predominância em áreas geográficas que apresentam carência socioeconômica. No período de 2006 a 2010 houve maior distribuição de abrangência geográfica da doença, comparada com o período de 2001 a 2005. Ações de saúde e condições coletivas podem ter influenciado a distribuição da doença no território. Identificou-se áreas geográficas prioritárias para o planejamento, o monitoramento e a avaliação das ações em saúde que vislumbrem o combate à tuberculose.

tuberculose; análise espacial; saúde pública


Instituto de Estudos em Saúde Coletiva da Universidade Federal do Rio de Janeiro Avenida Horácio Macedo, S/N, CEP: 21941-598, Tel.: (55 21) 3938 9494 - Rio de Janeiro - RJ - Brazil
E-mail: cadernos@iesc.ufrj.br
Accessibility / Report Error