Compulsão alimentar em indivíduos com excesso de peso na Atenção Primária à Saúde: prevalência e fatores associados

Binge eating in overweight users of primary health care: prevalence and associated factors

Cristina Klobukoski Doroteia Aparecida Höfelmann Sobre os autores

Resumo

Objetivo

Objetivou-se verificar a prevalência de compulsão alimentar e os fatores associados em indivíduos com excesso de peso na Atenção Primária à Saúde.

Método

Estudo transversal, realizado com 360 adultos com excesso de peso, de ambos os sexos, usuários de cinco unidades de saúde, na área de abrangência de um Núcleo de Atenção à Saúde da Família de Curitiba, no Paraná. Adotaram-se a Escala de Compulsão Alimentar Periódica e um questionário com informações demográficas, socioeconômicas e comportamentais relacionadas à saúde. Ainda, foi realizada avaliação antropométrica. Razões de prevalência e intervalos de confiança de 95% foram calculados por regressão de Poisson.

Resultados

Compulsão alimentar foi identificada em 41,6% da amostra. Verificou-se que, na análise bruta, a prevalência do desfecho foi maior entre mulheres, em indivíduos que declararam não trabalhar de forma remunerada, em pessoas com obesidade e com circunferência da cintura muito aumentada. Após análise ajustada, apenas a variável sexo permaneceu significativamente associada ao desfecho (RP=2,43; IC95% 1,33-4,44).

Conclusão

Conclui-se que houve elevada prevalência de compulsão alimentar, principalmente entre mulheres. Não houve associação entre compulsão alimentar e demais variáveis socioeconômicas, comportamentais relacionadas à saúde e antropométricas.

Palavras-chave:
transtorno da compulsão alimentar; Atenção Primária à Saúde; obesidade; sobrepeso; estudos transversais

Instituto de Estudos em Saúde Coletiva da Universidade Federal do Rio de Janeiro Avenida Horácio Macedo, S/N, CEP: 21941-598, Tel.: (55 21) 3938 9494 - Rio de Janeiro - RJ - Brazil
E-mail: cadernos@iesc.ufrj.br