Accessibility / Report Error

Variabilidade genética de genótipos elite de cevada com base em características morfo agronômicas avaliadas em sistema de produção irrigado

RESUMO

Recentemente, pesquisas tem demonstrado que o Cerrado tem grande potencial para suprir a demanda de cevada. O objetivo deste trabalho foi avaliar a variabilidade genética de 39 genótipos elite de cevada com base em características morfoagronômicas avaliadas em sistema de produção irrigado no Cerrado. O experimento foi conduzido num delineamento de blocos ao acaso com quatro repetições no Distrito Federal - Brasil. Avaliaram-se as características: distância do último nó à ráquis, distância da folha bandeira à ráquis, comprimento da espiga, número de grãos por espiga, área da folha bandeira, altura de plantas, espigamento, grau de acamamento, rendimento de grãos, peso de mil sementes, teor de proteína e classificação comercial de grãos. Após análise de variância as médias foram utilizadas para estimar a dissimilaridade genética, com base na distância generalizada de Mahalanobis. Utilizando a matriz de distâncias genéticas foram realizadas análises de agrupamento. Foram observadas diferenças altamente significativas entre os genótipos para todas as características avaliadas. O elevado coeficiente de variação genético evidencia a possibilidade de obter ganhos genéticos para todas características. Através das análises de agrupamento, verificou-se a formação de pelo menos três grandes grupos de similaridade. Houve tendência de agrupamento dos materiais dísticos e hexásticos. Os genótipos PFC 2005123, Antártica-1, Nandi e FM 404 foram os mais divergentes.

Termos para indexação:
Diversidade genética; Hordeum vulgare L.; recursos genéticos; Cerrado

Editora da Universidade Federal de Lavras Editora da UFLA, Caixa Postal 3037 - 37200-900 - Lavras - MG - Brasil, Telefone: 35 3829-1115 - Lavras - MG - Brazil
E-mail: revista.ca.editora@ufla.br