Habermas: da globalização da economia à globalização da política

Habermas: from the globalization of economy to the globalization of politics

Habermas: de la mondialisation de l'économie à la mondialisation de la politique

O artigo discute a compreensão habermasiana do processo de globalização econômica, implicado na desestruturação de funções interventoras e regulatórias do Estado de bem-estar social. A partir disso, procura-se reconstruir sua defesa da necessidade de instaurarem-se instituições políticas supranacionais que pudessem, com suas funções regulatórias e interventoras, substituir algumas tarefas próprias ao Estado-nação. Para a realização dessas tarefas, a ação da social-democracia e a ênfase na União Europeia teriam papel destacado, o que conferiria à esquerda ocidental não comunista e à Europa uma oportunidade de realização de um projeto teórico-político emancipatório em nível supranacional, representando tanto uma possibilidade para a esquerda, neste início do século XXI, quanto uma segunda chance para essa mesma Europa. Finaliza-se o artigo tecendo considerações em relação à premência de consolidar-se uma diretiva política da evolução social, tanto em âmbito interno quanto, para o presente caso, em âmbito mundial, que se coloca, hodiernamente, como exigência fundamental.

Globalização econômica; Estado-nação; Social-democracia; Neoliberalismo; Política forte


Universidade Federal da Bahia - Faculdade de Filosofia e Ciências Humanas - Centro de Recursos Humanos Estrada de São Lázaro, 197 - Federação, 40.210-730 Salvador, Bahia Brasil, Tel.: (55 71) 3283-5857, Fax: (55 71) 3283-5851 - Salvador - BA - Brazil
E-mail: revcrh@ufba.br