ASPECTOS FITOSSOCIOLÓGICOS DOS “CAPÕES” NA REGIÃO DE CAROVI E TUPANTUBA, EM SANTIAGO - RS

PHYTOSOCIOLOGICAL ASPECTS OF ‘CAPÕES’, IN THE REGION OF CAROVI AND TUPANTUBA, SANTIAGO, RS STATE

Solon Jonas Longui Sobre o autor

RESUMO

O trabalho descreve a composição florística e estrutura fitossociológica da floresta em forma de “Capões” na região de Carovi e Tupantuba, no município de Santiago, Estado do Rio Grande do Sul. A vegetação é relativamente heterogênea. Foram encontradas quarenta e uma espécies arbóreas, das quais a Styrax leprosus Hook. Et Arn., Lonchocarpus sp., Lithraea molleoides Engl., Myrciaria rivularis Camb. e Myrcia bombycina (Berg) Kiaersk., são as mais características e importantes da associação. Encontrou-se também, abundante regeneração natural.

Palavras-chave:
Fitossociologia; composição florística; estrutura da vegetação; espécies florestais

Universidade Federal de Santa Maria Av. Roraima, 1.000, 97105-900 Santa Maria RS Brasil, Tel. : (55 55)3220-8444 r.37, Fax: (55 55)3220-8444 r.22 - Santa Maria - RS - Brazil
E-mail: cienciaflorestal@ufsm.br