O paradoxo da democracia: A participação política dos alunos da Universidade de Brasília

Paradox of democracy: The political participation of students from the University of Brasilia

Debora Messenberg Sobre o autor

Resumo:

É consenso entre os estudiosos da política que as formas de representação e participação nas democracias contemporâneas vêm sofrendo modificações profundas desde meados do século 20, não só no que diz respeito à pluralização dos atores políticos, mas também no que se refere aos espaços onde tais processos são exercidos. Entretanto, muito se tem investigado acerca do perfil dos atores e das instituições políticas em termos de sua caracterização ou sobre a intensidade da participação e da representação; porém poucos são os trabalhos que dirigem suas análises para a compreensão das avaliações subjetivas dos atores sociais a respeito de suas ações e instituições políticas. No sentido de trazer contribuição para esse debate, o artigo apresenta os resultados de pesquisa realizada, no último trimestre de 2013, junto aos alunos da Universidade de Brasília, sobre os seus interesses em participar ativamente ou não do universo da política. Trata-se de estudo que discute, fundamentalmente, a intensidade e a qualificação da participação política dos alunos da UnB, com destaque para a interpretação de suas motivações e de suas percepções acerca do fazer e do pensar a política no Brasil.

Palavras chave:
Participação política; Motivações políticas; Alunos da Universidade de Brasília

Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul Av. Ipiranga, 6681 - Partenon, Cep: 90619-900, Tel: +55 51 3320 3681 - Porto Alegre - RS - Brazil
E-mail: civitas@pucrs.br
Accessibility / Report Error