Infecção por virus sincicial respiratório: o papel dos anticorpos séricos específicos

INTRODUÇÃO: O vírus sincicial respiratório é um dos principais agentes etiológicos das infecções do aparelho respiratório inferior em lactentes. Os genótipos deste vírus e o papel dos anticorpos séricos ainda não estão esclarecidos. Este conhecimento é importante para o desenvolvimento de medidas terapêuticas e profiláticas. OBJETIVOS: Avaliar: os tipos e genótipos do vírus sincicial que causam infecção respiratória em lactentes e a associação dos anticorpos séricos subtipo-específicos com a ocorrência de infecção; a presença de anticorpos subtipo-específicos nas mães e sua associação com o perfil de anticorpos da criança. MÉTODOS: Estudo prospectivo incluindo lactentes hospitalizados com infecção respiratória. Foi coletada secreção de nasofaringe para investigação viral usando imunofluorescência indireta e cultivo viral. Foi coletado sangue para pesquisa de anticorpos usando o sistema Luminex Multiplex. RESULTADOS: Avaliados 192 lactentes: 60,9% com vírus sincicial (73,5% - A e 20,5% - B). Seis genótipos de vírus sincicial respiratório foram identificados: A5,A2,B3,B5,A7 e B4. A soroprevalência dos anticorpos subtipos-específicos foi alta. A presença e o nível de anticorpos subtipos-específicos foram semelhantes, independentemente da presença de infecção, tipo e genótipo do vírus. As mães e as crianças apresentaram perfis semelhantes de anticorpos. CONCLUSÕES: A prevalência dos anticorpos subtipos-específicos foi elevada mas estes anticorpos não conferiram proteção, independentemente do tipo/genótipo do vírus. A semelhança dos perfis de anticorpos das mães e das crianças foi compatível com transmissão transplacentária.

Respiratório; Sincicial; Anticorpo; Imunidade; Crianças


Faculdade de Medicina / USP Rua Dr Ovídio Pires de Campos, 225 - 6 and., 05403-010 São Paulo SP - Brazil, Tel.: (55 11) 2661-6235 - São Paulo - SP - Brazil
E-mail: clinics@hc.fm.usp.br