Accessibility / Report Error

A recepção brasileira de O nascimento da tragédia nos primeiros trinta anos de sua edição * * Agradeço a Tereza Calomeni o convite para participar do “Simpósio Nacional 150 de publicação de O nascimento da tragédia ”, bem como à Fundação Biblioteca Nacional pelo acervo de periódicos disponibilizados na Biblioteca Nacional Digital. O presente artigo é dedicado a Márcio José Silveira Lima.

The Brazilian reception of The Birth of Tragedy in the first thirty years after its publication

Resumo:

O presente artigo busca mostrar que a obra O nascimento da tragédia foi recepcionada no Rio de Janeiro (a “Meca dos Nortistas”, na expressão de José Veríssimo) a partir do final do século XIX, em particular entre alguns membros da Academia Brasileira de Letras e pelo renomado crítico musical Rodrigues Barbosa (nas dezenas de artigos sobre “Tolstói e Nietzsche”, publicadas no Jornal do Commercio ). Do mesmo modo, visa-se reconstruir com precisão historiográfica o trato com as fontes e o perfil dos autores que leram e divulgaram a respectiva obra em nosso país nos trinta primeiros anos de sua edição.

Palavras-chave:
Nietzsche; recepção; Nascimento da tragédia ; inteligência brasileira

Grupo de Estudos Nietzsche Rodovia Porto Seguro - Eunápolis/BA BR367 km10, 45810-000 Porto Seguro - Bahia - Brasil, Tel.: (55 73) 3616 - 3380 - São Paulo - SP - Brazil
E-mail: cadernosnietzsche@ufsb.edu.br