O contraste entre oclusivas alveolares e velares em dados típicos de fala: análises acústica e ultrassonográfica

Roberta Michelon Melo Helena Bolli Mota Larissa Cristina Berti Sobre os autores

RESUMO

Objetivo

Caracterizar acústica e articulatoriamente o contraste entre oclusivas alveolares e velares em dados típicos de fala, além de comparar os parâmetros (acústicos e articulatórios) de adultos e de crianças com desenvolvimento típico de fala.

Método

A amostra consistiu de 20 adultos e 15 crianças com desenvolvimento típico de fala. O corpus analisado no presente estudo foi composto por cinco repetições de cada palavra-alvo (/’kap ə/, /‘tapə/, /‘galo/ e /‘daɾə/). Essas palavras foram inseridas em frase-veículo e o indivíduo foi instruído a nomeá-las espontaneamente. Foi realizada a gravação simultânea de áudio e vídeo (imagens de ultrassom de língua). Os dados passaram por análise acústica (voice onset time; pico espectral e momentos espectrais do burst; transição consoante/vogal e medidas de duração relativa) e articulatória (proporção de eixos significantes da região anterior e posterior de língua e descrição das curvas de língua).

Resultados

Os parâmetros acústicos e articulatórios investigados foram sensíveis em marcar o contraste entre oclusivas alveolares e velares, principalmente, no grupo de adultos. Ambas as análises de fala sinalizaram também algumas diferenças estatisticamente significantes entre os dois grupos da pesquisa.

Conclusão

Os parâmetros acústicos e articulatórios investigados forneceram indícios para a caracterização do contraste fônico alvo do estudo. Dentre as principais contribuições da comparação da fala adulta e infantil, destaca-se a evidência de um período de refinamento/amadurecimento articulatório, mesmo após a aquisição dos segmentos oclusivos.

Descritores
Fala; Ultrassonografia; Acústica da Fala; Adulto; Criança

Sociedade Brasileira de Fonoaudiologia Al. Jaú, 684, 7º andar, 01420-002 São Paulo - SP Brasil, Tel./Fax 55 11 - 3873-4211 - São Paulo - SP - Brazil
E-mail: revista@codas.org.br