Cadernos Pagu, Issue: 55, Published: 2019
  • Anthropological Engagements with the Prison: gender perspectives Dossiê Prisões Em Etnografias:perspectivas De Gênero

    Padovani, Natália Corazza; Hasselberg, Ines; Boe, Carolina Sanchez
  • The Passage: “Social locations” and the field of prisons* Dossiê Prisões Em Etnografias:perspectivas De Gênero

    Padovani, Natália Corazza

    Abstract in Portuguese:

    Resumo Por meio da descrição etnográfica dos meus processos de entrada em três unidades prisionais femininas de São Paulo – como pesquisadora, voluntária e como visita familiar –, proponho analisar como os métodos etnográficos da pesquisa estiveram intimamente relacionados às territorialidades e aos procedimentos de exame dos sujeitos que atravessam os checkpoints , os postos fronteiriços, das instituições penitenciárias. Com base na literatura feminista e antropológica, argumento que falar da caminhada etnográfica pelos corredores dos pavilhões penitenciários é necessariamente falar de tecnologias de gênero. Elas produzem e hierarquizam sujeitos localizados diferentemente nas geografias de poder que edificam as prisões.

    Abstract in English:

    Abstract With an ethnographic description of my processes of entering three female prisons in São Paulo – as a researcher, volunteer and family visitor – I analyze how ethnographic research methods were intimately related to the territorialities and procedures of the examination of the subjects that crossed the checkpoints, the border posts of the penitentiary institutions. Based on a feminist and anthropological literature, I argue that to speak of the ethnographic passage through the corridors of the penitentiaries necessarily involves speaking of technologies of gender. They produce and create hierarchies of subjects with different locations in the geographies of power that edify prisons.
  • Between Prison Borders and Folds: Tracing Cartographies on a Feminist Ethos Dossiê Prisões Em Etnografias:perspectivas De Gênero

    D’Angelo, Luisa Bertrami; Hernández, Jimena de Garay; Uziel, Anna Paula

    Abstract in Portuguese:

    Resumo Neste artigo, discutimos, a partir da noção de fronteira, como relações de afeto e confiança tecidas em nossas trajetórias de pesquisa permitem pensar os atravessamentos entre prisão, gênero e nossas inserções como pesquisadoras. Para tanto, partimos de pesquisas cartográficas realizadas por nós em unidades prisionais femininas e masculinas da cidade do Rio de Janeiro. Pensando gênero como categoria de análise e também como elemento constitutivo da gestão cotidiana e dos corpos no contexto prisional, nos debruçamos sobre as moralidades e forças que produzem feminilidades, masculinidades e relações nesse contexto, assim como abordamos os desafios e possibilidades para a construção de uma cartografia feminista na/da prisão.

    Abstract in English:

    Abstract In this article, we discuss the notion of borders and how affection and trust-based relationships woven into our research trajectories allow us to debate the crossings between prison, gender and our insertions as researchers. The analysis is conducted by our cartographic researches in female and male prison units in the city of Rio de Janeiro. By thinking about gender as an analytical category and also as a constitutive element of daily management and of bodies in the prison context, we discuss the moralities and forces that produce femininity, masculinity and relationships in this context, and address the challenges and possibilities for a feminist cartography in/of prison.
  • Ethnography in Contexts of Incarceration: Exploring potentials and limits* Dossiê Prisões Em Etnografias:perspectivas De Gênero

    Frois, Catarina; Osuna, Carmen; Lima, Antónia Pedroso de

    Abstract in Portuguese:

    Resumo Este artigo compara duas pesquisas etnográficas em contexto penitenciário – uma prisão masculina em Portugal e uma prisão feminina em Espanha – a partir de duas perspectivas: 1) uma dimensão metodológica: ser uma antropóloga mulher tem influência no desenrolar da investigação empírica em prisões femininas e em prisões masculinas, condiciona o acesso ao terreno, observação do quotidiano prisional e as relações que se constroem com os interlocutores; 2) uma dimensão analítica: as relações de género são centrais para perceber as dinâmicas construídas entre a população reclusa, nos seus processos de convivência quotidiana e de estabelecimento de hierarquias, mas elas devem ser integradas nas relações de classe e género em que estão inseridas. Assim, defendemos uma perspectiva interseccional para compreender as dinâmicas relacionais entre os diferentes sujeitos na prisão – guardas, administradores, trabalhadores, presos – e entre eles e as pesquisadoras. No final, reflectimos sobre subjectividade e reflexividade em trabalho de campo que apresenta exigências particulares no modo como gerimos emoções, distância e proximidade.

    Abstract in English:

    Abstract This article compares two ethnographic studies in a penitentiary context – a male prison in Portugal and a female prison in Spain. Two perspectives are used: 1) a methodological dimension: to be a woman anthropologist influences the conduct of the empiric investigation in female and male prisons, conditions access to the terrain, observation of daily prison life and the relations constructed with interlocutors; 2) an analytical dimension: gender relations are central to perceiving the dynamics constructed between the inmate population in their processes of daily conviviality and establishment of hierarchies, but they must be integrated in the relations of class and gender in which they are inserted. Thus, we defend an intersectional perspective to understand the relational dynamics between the different subjects in the prison – guards, administrators, workers, inmates – and between them and the researchers. In conclusion, we reflect on subjectivity and reflexivity in field work that has particular demands in how we manage emotions, distance and proximity.
  • Facing the Diversity of Carceral Environments in Prison Research: Lessons From my Fieldwork with Women in Three Prisons in Spain Dossiê Prisões Em Etnografias:perspectivas De Gênero

    Ballesteros-Pena, Ana

    Abstract in Portuguese:

    Resumo Reflexões acerca de questões metodológicas e éticas têm progressivamente surgido na pesquisa em prisões. O propósito deste artigo é contribuir para esse debate a partir de uma abordagem feminista, considerando as particularidades do contexto prisional espanhol. O artigo irá explorar um conjunto de questões associadas à obtenção de acesso a instituições penitenciárias, a relação entre pesquisador e participantes, bem como outros aspectos do trabalho de campo, para refletir sobre suas implicações para o processo de pesquisa. Ao compartilhar experiências de pesquisa e reconhecer o papel das emoções na pesquisa social, podemos aprender uns com os outros e fortalecer os conjuntos de ferramentas disponíveis, contribuindo para a construção da pesquisa social como uma atividade genuinamente humana engajada com a justiça social.

    Abstract in English:

    Abstract Reflections on methodological and ethical issues have been emerging progressively in prison research. The purpose of this paper is to contribute to this debate from a feminist approach considering the particularities of the Spanish prison context. The article will explore a set of issues associated to gaining entrance to a penitentiary institution, the relationship between the researcher and participants as well as other aspects of fieldwork to reflect on their implications for the process of inquiry. By sharing research experiences and recognizing the role of emotions in social research, we can learn from each other and strengthen the toolkits available, contributing to the construction of social research as a genuinely humane activity engaged with social justice.
  • Looking through the Prison Gate: access in the field of ethnography Dossiê Prisões Em Etnografias: Perspectivas De Gênero

    Gaborit, Liv S.

    Abstract in Portuguese:

    Resumo Este artigo discute o conceito de “acesso” no contexto da etnografia. A concepção de Schatz do acesso como a identificação do ponto de observação mais próximo é o fundamento da discussão sobre 15 meses de trabalho de campo realizado em Myanmar para um estudo de experiências de encarceramento que obteve pouco acesso a essas instituições. O artigo vai além de uma compreensão de acesso definida em termos de um foco em dentro e fora e demonstra como acessar um campo a partir de vários pontos de observação possibilita várias perspectivas e qualifica compreensões nuançadas. O artigo demonstra como espaço, tempo e relações interpessoais afetam os pontos de observação acessíveis ao pesquisador. Adicionalmente, ele conclui que trabalhar com egressos prisionais após sua liberação oferece pontos de observação potencialmente claros que são inacessíveis dentro de prisões.

    Abstract in English:

    Abstract This article discusses the concept of ‘access’ within ethnography. Schatz’s conception of access as finding the nearest possible vantage point lays the foundation for a discussion of 15 months of fieldwork conducted in Myanmar for a study of experiences of imprisonment that had little access to the inside of these institutions. The article goes beyond an understanding of access framed by a focus on inside and outside and demonstrates how accessing a field from multiple vantage points allows for various views and qualifies nuanced understandings. The article shows how space, time and interpersonal relations affect the vantage points accessible to the researcher. Further, it concludes that working with former prisoners after their release offers potentially clear vantage points that are inaccessible inside prisons.
  • Days and Nights in Tamara – Prisons and Tensions about Gender in Conversations with the “Women of Prisoners” Dossiê Prisões Em Etnografias: Perspectivas De Gênero

    Lago, Natália Bouças do

    Abstract in Portuguese:

    Resumo Proponho, neste trabalho, uma reflexão teórico-metodológica que trata da pesquisa sobre prisões desde o lado de “fora”. Argumento que as pessoas (em sua maioria mulheres) que visitam esposos e filhos privados de liberdade são parte crucial na conformação da prisão extramuros. As relações que as “mulheres de preso” estabelecem com seus familiares, produzidas e mediadas pela prisão, demandam que elas atravessem as fronteiras prisionais para abastecer os presos com alimentos, roupas, cuidados e informações. Esse processo envolve trânsitos entre cidades, redes de solidariedade, confianças, desconfianças e discussões que ocorrem nas filas na porta da prisão e nas hospedarias que abrigam mulheres no período de visitas. A pesquisa de campo que informa este artigo se desenvolve em uma dessas hospedarias e na porta de uma prisão, contribuindo para a perspectiva de que os esforços analíticos sobre a prisão devem considerar os seus movimentos do lado de “fora”. As conversas entre mulheres, visitas e antropóloga também indicam articulações com gênero e sexualidade em relação aos desafios etnográficos que envolvem as muitas tensões em campo.

    Abstract in English:

    Abstract In this study I propose a theoretical-methodological reflection on prison research from the "outside". I argue that people (mostly women) who visit spouses and sons deprived of their liberty are crucial to shaping prisons outside their walls. The relationships that "women of prisoners" establish with their family members, produced and mediated by the prison, demand that they cross prison boundaries to supply prisoners with food, clothing, care and information. This process involves movements between cities, solidarity networks, trust, suspicion and discussions that take place on the lines to enter the prison and in the rooming houses where women stay during the visiting period. The field research that informs the article took place at one of these lodgings and at the prison gate, contributing to the perspective that analysis of prisons should consider movements on the "outside". Conversations between women, visitors and the anthropologist also indicate gender and sexuality articulations in relation to the ethnographic challenges that involve the many tensions in the field.
  • Contagions, Frontiers, and Encounters: Articulating Analytical Cisgender Experience/Perspective through Ethnographic Accounts in Prison Investigations Dossiê Prisões Em Etnografias: Perspectivas De Gênero

    Cavalcanti, Céu; Sander, Vanessa

    Abstract in Portuguese:

    Resumo Este artigo propõe um diálogo entre duas pesquisadoras que investigam temas afins: as experiências de travestis e transexuais em privação de liberdade. Partindo das formulações de Donna Haraway (1995), pretendemos debater sobre a particularidade e a corporificação de toda visão etnográfica através de um eixo de diferenciação central para nossas vivências em campo: a identidade de gênero. Céu Cavalcanti discute sobre os encontros etnográficos e o desenvolvimento de sua pesquisa enquanto uma pessoa trans; Vanessa Sander faz o mesmo debatendo os caminhos de sua investigação como pessoa cisgênera. Os diálogos e as ressonâncias entre as duas vozes que aqui se encontram possibilitam um afluente de conexões, em que as tramas interseccionais que circundam nossa visão são objeto inicial de análise. Nas dinâmicas teórico-metodológicas temos um ponto de encontro das nossas perspectivas que nos convidam a conversar sobre o elemento central deste texto: as identificações de cisgeneridade e transgeneridade nos próprios marcadores das pesquisadoras que se propõem a produzir conhecimento junto à pluralidade das vivências trans.

    Abstract in English:

    Abstract Haraway (1995)
  • Ethnography and Gender: Reflections from within Some Brazilian Prisons Dossiê Prisões Em Etnografias: Perspectivas De Gênero

    Ordóñez-Vargas, Laura

    Abstract in Portuguese:

    Resumo O objetivo deste artigo é analisar como o gênero, enquanto tecnologia de poder e em articulação com outras categorias de diferenciação, opera em três dimensões e escalas heterogêneas nas prisões e no fazer etnográfico nesse campo. Na primeira, analiso as formas como gênero constitui a instituição penitenciária. Depois, exploro como gênero atravessa e articula as inserções e a produção do campo etnográfico. Por fim, examino as maneiras como gênero opera enquanto dispositivo de agência e resistência entre a população carcerária.

    Abstract in English:

    Abstract The aim of this paper is to analyze the ways in which gender as a technology of power (articulated with other categories of differentiation) operates in three dimensions in relation to prisons and in ethnographic doing in prisons. First, in the ways in which gender technologies constitute the penitentiary institution, evident in the strongly gendered masculine character of state punishment. Second, in the ways in which gender devices traverse and produce the ethnographic field. Finally, gender operates in prisons as agency and resistance devices among the inmate population.
  • Motherhood as Resistance to State Violence Artigos

    Santiago, Vinicius

    Abstract in Portuguese:

    Resumo Este trabalho analisa o movimento de mães que perderam seus filhos, assassinados por policiais militares nas favelas do Rio de Janeiro, como um dos efeitos perversos da política de pacificação das favelas. A luta das mães pela responsabilização e pelo reconhecimento do Estado brasileiro pelas mortes de seus filhos as inscreve em um movimento que mobiliza a maternidade como símbolo central para o engajamento político. É sobre os limites e ambivalências da maternidade que as mães mobilizam as condições para catalisar um espaço de aliança e resistência. A violência perpetrada sobre os filhos também atinge essas mulheres, cujos corpos maternos se tornam protagonistas no enfrentamento à violência de Estado.

    Abstract in English:

    Abstract This paper analyzes the political movement of mothers whose children were killed by military police in the slums of Rio de Janeiro, one of the most perverse effects of the favela pacification program. The mothers' claim for justice to the Brazilian state due to their children's deaths mobilizes motherhood as a central symbol for political engagement. Within the limits and ambivalences of motherhood the mothers catalyze a space of alliance and resistance. The violence perpetrated on their sons also affects these women whose maternal bodies become key agents in the confrontation of state violence.
  • The Role of Black Women on The São Paulo State Council on The Condition of Women in Brazil (1983-1988) Artigo

    Silva, Tauana Olivia Gomes; Wolff, Cristina Scheibe

    Abstract in Portuguese:

    Resumo Durante o período de transição democrática nos anos 1980, no Brasil, as mulheres negras participaram ativamente do processo de reestruturação das instâncias governamentais e de reorganização dos movimentos sociais. Este trabalho visa assim, analisar as contribuições das mulheres negras no Conselho Estadual da Condição Feminina de São Paulo. Objetivamos também discutir as divergências e redes de solidariedade entre os diferentes grupos de mulheres que constituíram esse órgão governamental na década de 1980.

    Abstract in English:

    Abstract During Brazil's democratic transition in the 1980s black women actively participated in the restructuring of government institutions and reorganizing of social movements. This paper analyzes the contributions of black women on the São Paulo State Council on the Condition of Women. We also discuss networks of solidarity among the various women's groups, and differences between them, that participated in this governmental institution in the 1980s.
  • The "Cigarreiras Revoltosas" and The Labor Movement: A History of The First Strike by Working Women in Recife and Representations of Women Workers in The Press Artigo

    Souza, Felipe Azevedo e

    Abstract in Portuguese:

    Resumo A greve das cigarreiras de 1903 foi encetada pela demissão das primeiras quatro mulheres a ingressarem no movimento operário do Recife. Com o objetivo de compreender as motivações que levaram essas trabalhadoras a se organizarem politicamente, este artigo analisa os eventos em torno da greve e as representações sociais que situavam o trabalho de mulheres em fábricas como uma prática moralmente reprovável. O exame das questões propostas evidencia que as cigarreiras se apropriaram das plataformas de ação fornecidas pelo movimento operário para conquistar visibilidade em um processo de estabelecimento de uma identidade de gênero relacionada ao trabalho.

    Abstract in English:

    Abstract A 1903 strike of tobacco worker's was triggered by the layoff of the first four women who joined the labor movement in the city of Recife. To understand why these women workers organized politically, the article analyzes events related to the strike and social representations of female work in factories as morally reprehensible. The examination of the questions raised reveals that the tobacco workers appropriated the platforms for action provided by the labor movement to gain visibility in a process of establishing a work-related gender identity.
  • Dancers in the "Integrated Circuit" of Television: Gender and Sexuality Troubles in The Search for Audience Artigo

    Bispo, Raphael

    Abstract in Portuguese:

    Resumo O objetivo deste artigo é contribuir para uma história do audiovisual no Brasil a partir da experiência das chacretes, dançarinas que acompanhavam Chacrinha, nos anos 1970, no programa de televisão que apresentava. Busca-se refletir sobre as questões de gênero e sexualidade recorrentes nas estratégias de mercado adotadas pelos produtores de TV. A fim de matizar tais narrativas técnico-científicas de busca pela audiência, a proposta é realçar também as conexões afetivas tecidas pelas chacretes com seus telespectadores, particularmente com as "mulheres donas de casa", "público-alvo" dos programas de auditório.

    Abstract in English:

    Abstract The objective of the article is to contribute to a history of audiovisual production in Brazil based on the experience of chacretes, who were dancers on the television program "Chacrinha" in the 1970s. The text reflects on recurrent gender and sexuality issues in the market strategies adopted by TV producers. To qualify the technical-scientific narratives used to attract audiences, the affective connections created by the chacretes with their viewers is also highlighted, particularly with the "housewives"who were the"target audience" of the programs recorded before live audiences.
  • Museums, Women and Gender: A Look at the Past to find Current Possibilities Artigos

    Brulon, Bruno

    Abstract in Portuguese:

    Resumo Na Museologia, campo predominantemente constituído por mulheres no Brasil, o papel dessas profissionais se mostrou, ao longo da história da disciplina, submetido à tutela masculina, reproduzida e naturalizada nos museus. Por meio da análise histórica, este artigo busca evidenciar a subversão da dominação masculina no campo acadêmico da Museologia, por meio da mudança do papel desempenhado por museólogas brasileiras no século XX. As reflexões sobre o passado nos levam a considerar as relações de gênero na Museologia, evidenciando relações de poder construídas historicamente nesse campo, ou, ainda, nos levam a pensar uma museologia pelo viés queer, subvertendo por completo as categorias identitárias reproduzidas nos museus.

    Abstract in English:

    Abstract In museology, a field constituted predominantly by women in Brazil, the role of these professionals has been subjected to male tutelage throughout the discipline's history, and reproduced and naturalized in museums. The article uses a historic analysis to reveal the subversion of male domination in the academic field of Museology through the changing role of women museologists in the country in the 20th century. The reflections on the past allow us to consider gender relations in museology and reveal the power relations historically constructed in this field. We also use a queer perspective to consider museology, completely subverting the identity categories reproduced in museums.
  • "Making the Masculine Emerge": Notions of "Therapy" and Pathology in the Hormonization of Trans Men Artigos

    Vieira, Cleiton; Porto, Rozeli Maria

    Abstract in Portuguese:

    Resumo Descreve-se as noções de "terapia" hormonal em cenários medicalizantes nos quais homens transexuais se movem na constituição de transições de gênero. Em meio aos acessos e práticas à (auto)administração de ésteres de testosterona (cipionato e/ou propionato), esses sujeitos acionam a ideia de "terapia" - seja para se afastar ou para reiterá-la -, levando-nos a uma reflexão sobre a atual classificação da transexualidade como doença mental. Realizou-se pesquisa etnográfica em grupos de ativismo trans no Brasil com entrevistas em profundidade no período de 2014 a 2015.

    Abstract in English:

    Abstract The paper describes notions of hormonal "therapy" related to the medicalized situations through which transsexual men move in the constitution of gender transitions. Among the accesses and practices of self- administration of testosterone esters (cypionate and/or propionate), these subjects trigger the idea of "therapy" - either to avoid or reiterate it -, leading us to reflect on the current classification of transsexuality as a mental illness. Ethnographic research was conducted among trans activist groups with in-depth interviews in 2014 to 2015.
  • Multiculturalism, Interculturalism, Human Rights and Gender Violence: Brief Reflections on Female Genital Mutilation in Portugal and How to Address It Artigo

    Medeiros, Nuno; Denis, Teresa

    Abstract in Portuguese:

    Resumo A situação de multiculturalidade é hoje uma realidade crescentemente vivida nas sociedades de acolhimento de imigrantes, onde emergem cidades que se constituem como lugares de passagem, de encontro ou mestiçagem cultural, mas também de contraste ou antagonismo social. A interculturalidade aparece como utensílio de favorecimento de vinculação à ideia de outro, promovendo, por um lado, a integração e a defesa do direito à diferença, e, por outro, evitando – ou mesmo denunciando – as estruturas de hegemonização sobre minorias. Mas esta diversidade cultural só pode ser protegida, promovida e aceite desde que não coloque em causa os direitos humanos nem provoque exclusões ou desigualdades. É neste campo, difícil e persistentemente aberto ao debate (e não raro promotor de polarizações), que nos propomos a apresentar um conjunto breve de apontamentos que contribua para pensar a mutilação genital feminina na sua indissolúvel condição de violência sobre a mulher, partindo do exemplo da realidade portuguesa actual.

    Abstract in English:

    Abstract Multiculturalism is an ever-growing reality in societies with increasing numbers of immigrants, where cities emerge as places of passage, encounter or cultural miscegenation, but also of social contrast or antagonism. Interculturalism appears as a tool for encouraging links with the idea of otherness, promoting integration and upholding the right to difference, while avoiding – or even denouncing – structures of domination over minorities. But this cultural diversity can only be protected, promoted and accepted as long as it does not question human rights or provoke exclusion or inequality. It is in this difficult realm, which is open to constant debate (and that frequently promotes polarizations), that we present brief notes that contribute to considering female genital mutilation in its inextricable condition as violence against women, based on the current Portuguese reality.
  • Transgender Movement in Belo Horizonte: Preserving the Past and Mapping the Present Artigo

    Coacci, Thiago

    Abstract in Portuguese:

    Resumo Este estudo objetiva contribuir para a reflexão sobre o movimento de pessoas trans no Brasil, com um foco específico na cidade de Belo Horizonte. Apesar da grande produção sobre pessoas trans na academia, pouco se produziu sobre o movimento de pessoas trans, e menos ainda sobre o contexto local de Belo Horizonte, onde, caso não seja registrada, corre-se o risco de perder a história do movimento que, costumeiramente, é repassada de forma oral pelas travestis e transexuais mais velhas. Busca-se, então, resgatar a história do movimento em Belo Horizonte e mapear o presente, identificando quais são as principais: a) organizações e grupos do movimento trans em atividade atualmente; b) demandas do movimento; c) estratégias e táticas de ação utilizadas por tais organizações e grupos; e por último, d) parcerias e alianças realizadas. Este trabalho foi realizado por meio de entrevistas com cinco ativistas do movimento de Belo Horizonte.

    Abstract in English:

    Abstract The objective of this paper is to contribute to the study of the transgender movement in Brazil, focusing on the city of Belo Horizonte. Despite considerable academic production about trans people in Brazil, there are few studies on the transgender movement in the country, and even fewer about the local context of Belo Horizonte. If it is not recorded, there is a risk of losing the history of the movement in this city, which is routinely passed on orally by older travestis and transgender women. Therefore, this study aims to recover the history of the movement in the city and map the present, identifying the main: a) organizations and groups in the transgender movement that are currently active; b) demands of the movement; c) strategies and tactics of action used by these organizations; and d) the partnerships and alliances they form. The study was conducted through interviews with five activists from the movement in Belo Horizonte.
  • Where are The Girl Soldiers? Gender and Armed Conflict in Colombia Artigo

    Martuscelli, Patrícia Nabuco

    Abstract in Portuguese:

    Resumo Este trabalho discute o conceito de vítima e sua aplicação no estudo de crianças soldados, a partir de uma discussão global sobre o emprego de meninas soldados em conflitos armados, visto que esse grupo é duplamente invisibilizado nas categorias de mulheres e crianças. O referencial teórico adotado é a discussão sobre vítimas e infância. São utilizados relatórios de organizações internacionais, organizações de direitos humanos e fontes secundárias de pesquisas etnográficas com crianças soldados em países africanos e asiáticos. Para ilustrar essa discussão, apresenta-se uma breve discussão sobre o conflito colombiano com o uso de relatórios de organizações de direitos humanos e especialistas que entrevistaram crianças soldado no país. Na Colômbia, o alistamento voluntário de meninas é um modo de empoderamento e fuga de situações de violência, mas violência e discriminação acompanham-nas durante o período junto ao grupo armado e em sua reinserção na sociedade. Sendo assim, se por um lado elas devem ter seus status de vítimas reconhecidos, suas vozes e experiências devem ser consideradas em todo o processo para garantir a elas reintegração e direitos. Ademais, visões tradicionais de vítima não conseguem perceber essas estratégias de resistência e empoderamento.

    Abstract in English:

    Abstract This article discusses the concept of victim and its application in the study of child soldiers, considering a global discussion on the employment of girl soldiers in armed conflicts, since this group has a dual invisibility in the categories of women and children. The theoretical approach of this work is the discussion on victims and childhood. To discuss the application of the concept of victim to the situation of child soldiers, I use reports from international organizations, human rights organizations and secondary sources of ethnographic research with child soldiers in African and Asian countries. To illustrate the issue, a brief discussion is presented of the Colombian conflict using reports from human rights organizations and specialists who have interviewed child soldiers in the country. In Colombia, the voluntary enlistment of girls is a form of empowerment and escape from situations of violence, but violence and discrimination accompany them during their period with the armed group and their reintegration into the Colombian society. Thus, although they must have their status as victims recognized, their voices and experiences must be considered throughout the process to ensure their reintegration and rights. In addition, traditional views of victims fail to recognize their strategies of resistance and empowerment.
  • Bodies, Genders and Subjectivities in Dispute: Reflections on a violent event in a favela in Rio de Janeiro Artigo

    Lopes, Paulo Victor Leite

    Abstract in Portuguese:

    Resumo A partir de uma situação de violência que envolveu um casal de jovens gays, alguns moradores e traficantes do Complexo da Maré, este artigo trata de dinâmicas concernentes à relação entre violência e subjetividade, tendo como horizonte de reflexão o debate acerca das formas de produção de corpos e gêneros. Ao incorporar o convite de W. Benjamin (2013) por uma “crítica da violência”, tal fenômeno será tomado em seu caráter positivo, como um ato performático que produz corpos, moralidades e gêneros naquele contexto. Por fim, corpos, moralidades, gêneros e a própria violência são compreendidos a partir de sua (re) elaboração através do contexto narrativo.

    Abstract in English:

    Abstract Beginning with a violent situation involving a young gay male couple and some residents and drug dealers from favelas in the Complexo da Maré region, this article examines the relationship between violence and subjectivity, having as a horizon of reflection the debate over different ways of producing bodies and genders. By incorporating W. Benjamin’s (2013) invitation to conduct a “critique of violence”, this social phenomenon will be considered from its positive aspect – as a performance act that produces bodies, moralities and genders in that context. Bodies, moralities, genders as well as violence itself are comprehended based on their (re)elaboration through the narrative context.
  • Gender Relations in the Capitalist Production of the Workplace Artigo

    Silva, Viviane Zerlotini da

    Abstract in Portuguese:

    Resumo Este artigo discute o contexto social que originou o espaço de trabalho, ou o espaço exclusivo para o desempenho de atividades produtivistas. O objetivo é demonstrar a dependência que a esfera da produção tem do universo da reprodução e, notadamente, como essa dependência é obliterada e reforçada pelas relações patriarcais. Investigo como o processo de trabalho e a sociedade são organizados segundo as teorias de organização racional do trabalho, e quais os efeitos sobre a produção do espaço. A discussão sobre as origens dos espaços de trabalho demonstrou que elas estão vinculadas à divisão do trabalho em gênero, durante o desenvolvimento do capitalismo comercial, no período entre os séculos XII e XVIII, quando as antigas unidades domésticas – indústrias domésticas rurais – e as oficinas dos artesãos urbanos foram transformadas em empresas familiares pelo modo de produção putting-out system. Com o advento desse sistema, a divisão do trabalho em gênero permitiu liberar os indivíduos do sexo masculino para o desempenho de atividades produtivas, enquanto as tarefas domésticas ou mal pagas eram destinadas às mulheres. Essa foi a primeira condição social para posteriormente, na manufatura, possibilitar-se a existência de espaços exclusivos de produção.

    Abstract in English:

    Abstract This article discusses the social context that gave origin to the workplace, or the exclusive space for the performance of productive activities. The objective is to demonstrate the dependence that the production sphere has on the universe of reproduction and especially how this dependence is obliterated and reinforced by patriarchal relations. I investigate how the labor process and society are organized according to theories of rational organization of labor, and the effects of this on the production of space. The discussion about the origins of workplaces demonstrated that they are linked to the gender division of labor, during the development of commercial capitalism between the twelfth and eighteenth centuries, when old household units – rural household industries – and urban craft workshops were transformed into family businesses by the putting-out system. With the advent of this system, the gender division of labor freed up males for productive activities, while domestic or underpaid tasks were left to women. This was the first social condition that later, in manufacturing, allowed the existence of exclusive production spaces.
  • Dressed as a Bride. Differentiation and Prestige in Dispute in the Wedding Receptions Market Artigo

    Escoura, Michele

    Abstract in Portuguese:

    Resumo Em 2015 o mercado brasileiro de festas de casamento movimentou R$17 bilhões. Neste artigo, coloco sob análise a relação entre noivas e os vestidos comercializados nesse setor de mercado. Sob perspectiva etnográfica, discuto dados produzidos em trabalhos de campo em Belém e São Paulo e mostro como os modelos de trajes têm demarcado estilos hierarquizados de feminilidade, ao mesmo tempo que o trânsito de noivas pelas lojas evidencia estratégias de diferenciação de classe. Por fim, argumento que valores de vestidos e de noivas se constituem mutuamente num processo de coprodução de distinção.

    Abstract in English:

    Abstract In 2015 the Brazilian wedding receptions market reached R$ 17 billion and, in this article, I analyze the relationship between brides and the dresses offered by the sector. From an ethnographic perspective, I discuss data produced in fieldwork in Belém and São Paulo and show how the models of gowns have demarcated hierarchical styles of femininity, while the movement of brides through stores reveals strategies of class differentiation. In conclusion, I argue that the values of dresses and brides are mutually constitutive in a process of co-production of distinction.
  • Tica Was Born to Come Up: Performative Statements on The Queen of The Reisado Santa Helena Artigo

    Oliveira, Ribamar José de

    Abstract in Portuguese:

    Resumo Este artigo objetiva analisar a performatividade de Francisca da Silva, rainha do Reisado Santa Helena, em Juazeiro do Norte, interior do Ceará. Para tanto, pretende-se discutir como as dissidências sexuais atuam nos sentidos de agência e de resistência diante do contexto regional a partir da teoria sociológica em uma perspectiva decolonial de gênero. O percurso etnográfico considera a performance de Tica um ponto-chave para perceber os atravessamentos no rito religioso e na forma como ela pode fazer um corte no núcleo duro da heteronorma, forçando a permeabilidade ao não binarismo na poética da tradição.

    Abstract in English:

    Abstract This article analyzes the performativity of Francisca da Silva, queen of the festival of the Reisado Santa Helena (associated to Three Kings Day), in Juazeiro do Norte, Ceará State. It discusses the role of sexual dissidence in agency and resistance to the regional context, based on sociological theory from a decolonial gender perspective. The ethnographic course considers Tica's performance as a key point to understand crossings in the religious rite and how they can influence heteronormativity, forcing a permeability to non binaryism in the poetics of the tradition.
  • After The Visit of The Unwanted: Mourning and Memory in the Revista Estudos Feministas (2001-2014) Artigo

    Silva, Wilton Carlos Lima da

    Abstract in Portuguese:

    Resumo Os obituários no interior das revistas acadêmicas brasileiras apresentam-se de forma diversa. Desde parágrafos padronizados que buscam simplesmente informar ao público leitor, delimitado pela área de pesquisa ou interesse específico da publicação, enquanto “notícia de falecimento”, até o texto mais elaborado, que busca apresentar o perfil de um predecessor ou igual que construiu uma obra e estabeleceu vínculos com seus pares. A Revista Estudos Feministas (REF), atualmente editada na Universidade Federal de Santa Catarina, foi lançada em 1992, e vem ocupando ao longo dos anos uma posição de destaque como publicação pioneira e privilegiada para a divulgação de estudos feministas e de gênero em diversas áreas disciplinares no país. Desde 2001 seus números estão disponibilizados no Scielo, e nesse acervo encontram-se acessíveis quase duas dezenas de homenagens fúnebres, na forma de obituários, publicação de entrevistas póstumas ou ensaios. Buscamos discutir como esse conjunto de textos apresenta uma natureza biográfica e caracteriza uma memória grupal construída e reivindicada, na qual as dimensões de luto e as relações intelectuais e institucionais de uma publicação acadêmica permitem equacionar a dor da perda no universo simbólico do grupo.

    Abstract in English:

    Abstract Obituaries, within Brazilian academic journals are presented in various forms, ranging from standardized paragraphs that simply seek to inform readers, and which are determined by the research field or specific interest of the publication as "news of a death". More elaborate texts are also found that present a profile of a predecessor or contemporary who produced a body of work and established links with his or her peers. The Revista Estudos Feministas (REF), currently published at the Federal University at Santa Catarina, was launched in 1992, and over the years has occupied a prominent position as a pioneer and privileged publication for the promotion of feminist and gender studies in various subject areas in the country. Since 2001, its issues are available on Scielo, and this collection includes almost two dozen homages to the deceased in the form of obituaries, posthumous interviews or essays. We discuss how these articles present a biographical nature and characterize a constructed and claimed group memory in which dimensions of mourning and intellectual and institutional relations of an academic publication allow facing the pain of loss in the symbolic universe of the group.
  • The Family Grant Program, Female Autonomy and Gender Equity: What do national studies indicate? Artigo

    Bartholo, Letícia; Passos, Luana; Fontoura, Natália

    Abstract in Portuguese:

    Resumo O Programa Bolsa Família (PBF), desde sua criação, prioriza as mulheres como responsáveis pelo recebimento do benefício financeiro. Esse arranjo faz com que a conexão entre o PBF e mudanças nas relações de gênero seja objeto de interesse de diversas pesquisas. O objetivo deste texto é debater os achados dessas pesquisas. A conclusão é a de que, embora seu desenho possa reforçar a ideia de que o trabalho de cuidado é responsabilidade feminina, o PBF gera inquietações relativas à autoridade masculina e amplia as redes sociais das mulheres, tendo potencial para gerar mudanças nas relações de gênero.

    Abstract in English:

    Abstract The Family Grant program has, since its inception, given priority to women as the recipients of the cash benefit. Several studies have focused on the connection between the program and changes in gender relations. The purpose of this article is to discuss the findings of these studies. The conclusion is that although its design may reinforce the idea that caregiving is a female responsibility, the family grant program leads to questioning of male authority and broadens the social networks of women, and thus has potential to generate changes in gender relations.
Núcleo de Estudos de Gênero - Pagu Universidade Estadual de Campinas, PAGU Cidade Universitária "Zeferino Vaz", Rua Cora Coralina, 100, 13083-896, Campinas - São Paulo - Brasil, Tel.: (55 19) 3521 7873, (55 19) 3521 1704 - Campinas - SP - Brazil
E-mail: cadpagu@unicamp.br