Trombose aórtica em cão com leucemia linfocítica crônica

Angel Ripplinger Ana Paula da Silva Mathias Reginatto Wrzesinski Dênis Antonio Ferrarin Marcelo Luís Schwab Ricardo Pozzobon Mariana Martins Flores Ruth Pamela Thompson Fabiana Mario Alexandre Mazzanti Sobre os autores

RESUMO:

O objetivo do presente relato é descrever um caso de trombose aórtica (AT) secundária a leucemia linfocítica crônica (LLC). Embora diferentes tipos de neoplasmas sejam descritos como possíveis causas de trombose aórtica, a LLC ainda não foi considerada. O cão mostrou sinais de claudicação que pioravam com o exercício. O diagnóstico de AT foi realizado por exame ultrassonográfico. O diagnóstico de LLC foi feito por necropsia, que mostrou a presença de pequenos linfócitos com aparência de linfócitos maduros na medula óssea, baço, fígado e rins. Destaca-se a importância da inclusão da LLC nas possíveis causas de AT em cães, além da suspeita de AT em casos de doença neuromuscular.

Palavras-chave:
caninos; leucemia linfoide; neuromiopatia isquêmica; trombo

Universidade Federal de Santa Maria Universidade Federal de Santa Maria, Centro de Ciências Rurais , 97105-900 Santa Maria RS Brazil , Tel.: +55 55 3220-8698 , Fax: +55 55 3220-8695 - Santa Maria - RS - Brazil
E-mail: cienciarural@mail.ufsm.br