AVALIAÇÃO DOS ASPECTOS QUALITATIVOS DE CARCAÇAS DE NOVILHOS CANCHIN, AUMENTADOS COM DIFERENTES VOLUMOSOS

EVALUATION OF CARCASS QUALITATIVE ASPECTS OF CANCHIN BREED STEERS FINISHED WITH DIETS CONTAINING DIFFERENT ROUGHAGES

No presente trabalho fez-se uso de 18 novilhos da raça Canchin, com 24 meses de idade aproximadamente, e de 3 tratamentos: T1 - Silagem de milho + concentrado + uréia; T2 - Silagem de milho (70%) + silagem de aveia emurchecida (Avena strigosa Screb) (30%) + concentrado + uréia e T3 - Silagem de milho (40%) + silagem de aveia emurchecida (60%) + concentrado. O concentrado utilizado foi de igual composição para os tratamentos. A uréia adicionada ao T1 e T2, teve como função tornar os 3 tratamentos isonitrogenados (12% de proteína bruta). Os animais foram mantidos sob regime de confinamento durante 123 dias. As carcaças do T2 apresentaram uma menor percentagem de músculo, 62,78% contra 65,45% para T1 e 65,3% para T3 (P < 0,02411) e não se observou diferença significativa entre os 3 tratamentos para as percentagens de osso (P > 0,05) e gordura (P > 0,18853). O marmoreio da carne foi de 5,67; 7,17 e 4,67 pontos para T1, T2 e T3 respectivamente (P > 0,09488). Os resultados para coloração e textura da carne foram similares entre os tratamentos. O estudo da carne, em laboratório, mostrou que as percentagens de perda de peso no descongelamento e cocção não diferiram estatisticamente, sendo de 10,70 e 20,27 para T1; 11,25 e 23,54 para T2 ; 11,87% e 19,79% para T3 (P > 0,05 para ambas as variáveis). O sabor, suculência e a maciez foram similares para T1, T2 e T3. Conclui-se que as carcaças dos novilhos do T2 apresentaram uma menor percentagem de músculo. Já em relação as demais variáveis estudadas não houve diferença significativa quando se adicionou silagem de aveia emurchecida junto à silagem de milho na alimentação dos animais.

confinamento; canchin; silagem de milho; silagem de aveia emurchecida; características de carcaça; qualidade da carne


Universidade Federal de Santa Maria Universidade Federal de Santa Maria, Centro de Ciências Rurais , 97105-900 Santa Maria RS Brazil , Tel.: +55 55 3220-8698 , Fax: +55 55 3220-8695 - Santa Maria - RS - Brazil
E-mail: cienciarural@mail.ufsm.br