Prática de cultivo e uso de plantas domésticas em diferentes cidades brasileiras

Cultivation and use of domestic plants in different Brazilian cities

Juliana de Mello Botelho Ana Paula do Nascimento Lamano-Ferreira Mauricio Lamano Ferreira Sobre os autores

O cultivo de plantas tem uma relação com o homem desde as primeiras organizações humanas. O uso de plantas em quintais é uma tradição que tem passado de geração a geração em determinadas localidades. O objetivo deste trabalho foi levantar a ocorrência de quintais domésticos em diferentes cidades de três estados brasileiros, além de conhecer uso das plantas cultivadas para fins alimentícios, medicinais e ornamentais. Este estudo foi realizado nas cidades de três estados brasileiros: Mato Grosso (Cuiabá e Cáceres); Sergipe (Aracajú e Lagarto) e Paraná (Curitiba e Campo Mourão), localizados em diferentes regiões do país (Centro Oeste, Nordeste e Sul; respectivamente). Foram realizadas entrevistas semi-estruturadas com moradores das capitais e cidades interioranas. Os dados foram avaliados quanto ao conhecimento popular em relação ao uso das plantas pelas populações, bem como as estruturas vegetais utilizadas. A maior parte dos entrevistados possuía quintais com plantas cultivadas. Foi observado um maior cultivo e uso de plantas alimentícias pelos entrevistados. As pessoas das cidades interioranas apresentaram maior hábito de cultivar plantas quando comparadas às pessoas residentes nas capitais dos estados. Dentre os órgãos da planta mais citados, a folha se destacou na maioria dos entrevistados. Assim, conclui-se que há prática de cultivo de plantas nos municípios estudados, entretanto, o uso varia de uma região para outra

quintais; plantas ornamentais; plantas medicinais; plantas alimentícias; sustentabilidade


Universidade Federal de Santa Maria Universidade Federal de Santa Maria, Centro de Ciências Rurais , 97105-900 Santa Maria RS Brazil , Tel.: +55 55 3220-8698 , Fax: +55 55 3220-8695 - Santa Maria - RS - Brazil
E-mail: cienciarural@mail.ufsm.br