Análises citogenéticas em Paspalum L. revelam novas espécies e acessos diplóides

O número cromossômico foi determinado para 126 novos acessos de 50 espécies de Paspalum do Brasil, Argentina, Paraguai e Bolívia. Foram verificados os números somáticos 2n=12, 20, 24, 30, 40, 50, 60 e 80. Estas são as primeiras contagens para P. arenarium (2n=20), P. barretoi (2n=20), P. aff. ceresia (2n=40), P. corcovadense (2n=20), P. crispulum (2n=20), P. flaccidum (2n=40), P. nummularium (2n=20), P. scalare (2n=20), P. vescum (2n=20) e P. rectum (2n=20). O nível diplóide (2n=20) é reportado pela primeira vez para P. malacophyllum. Os dados confirmam a predominância de acessos tetraplóides (43,6%) no gênero e mostram um número incomumente elevado de espécies (44%) e acessos diplóides (35,7%). Estes resultados trazem novas perspectivas para programas de melhoramento, para estudos filogenéticos e para pesquisa orientada ao controle da apomixia, já que em Paspalum as plantas diplóides são tipicamente sexuais.

cromossomo; diplóide; poliplóide; híbrido; nível de ploidia; recursos genéticos


Universidade Federal de Santa Maria Universidade Federal de Santa Maria, Centro de Ciências Rurais , 97105-900 Santa Maria RS Brazil , Tel.: +55 55 3220-8698 , Fax: +55 55 3220-8695 - Santa Maria - RS - Brazil
E-mail: cienciarural@mail.ufsm.br