Accessibility / Report Error

Celestina, SUS e Sertão: uma experiência de palhaçaria na educação popular em saúde

Celestina, SUS and Sertão: a therapy clown experiment in popular education in health

Resumo

Objetivo de promover reflexão sobre a palhaçaria, à luz da Educação Popular em Saúde. Descreve e analisa intervenções realizadas entre outubro de 2020 e dezembro de 2021, com usuários e servidores públicos no Sertão Central. A palhaça abriu alas para a territorialização e se mostrou potente tecnologia para uma atuação humanizada da enfermeira residente. Como interlocutora entre o saber científico e o popular, em sua corporalidade cenopoética, lidava de forma criativa e leve com assuntos tabus para a saúde comunitária, promovendo uma educação problematizadora e dialógica com seu público. A experiência fez-nos refletir nas lacunas de investimentos para viabilizar projetos como esse, fortalecendo a institucionalização da Educação Popular em Saúde. Assim, defendemos a implementação de formações e oficinas sobre conceitos, desafios e potencialidades da Educação Popular em Saúde. A palhaçaria, como proposta de atuação, é tecnologia transformadora que inspira o protagonismo à comunidade por meio de conhecimento, cuidado amoroso e arte.

Palavras-chave:
Promoção da Saúde; Educação Popular em Saúde; Terapia do Riso

ABRASCO - Associação Brasileira de Saúde Coletiva Av. Brasil, 4036 - sala 700 Manguinhos, 21040-361 Rio de Janeiro RJ - Brazil, Tel.: +55 21 3882-9153 / 3882-9151 - Rio de Janeiro - RJ - Brazil
E-mail: cienciasaudecoletiva@fiocruz.br