Accessibility / Report Error

Experiências e tendências internacionais de modelos de cuidado para com o idoso

International experiences and trends in health care models for the elderly

Renato Peixoto Veras Sobre o autor

A profunda transformação socioeconômica do Brasil é impulsionada, inclusive, pela mudança demográfica. Gastos em saúde aumentarão devido ao aumento da população idosa e ao maior uso dos serviços de saúde. A Agência Nacional de Saúde Suplementar publicou uma resolução que incentiva a participação de beneficiários de planos de saúde em programas de envelhecimento ativo, com a possibilidade de descontos nas mensalidades. Assim, idosos passam a receber benefícios pecuniários para aderir a programas de saúde preventiva e de detecção precoce de doenças. Avaliamos as perspectivas nos Estados Unidos e no Reino Unido, analisando seus erros e acertos, aprendizado que talvez permita a formulação de ações de saúde mais adequadas para nossos idosos e com melhor relação custo-benefício. Este artigo de Opinião visa demonstrar às operadoras brasileiras que é hora de mudar e estimular a discussão sobre a necessidade de novas estratégias. O foco criativo deve ser dirigido ao cuidado dos idosos, que são os que mais sofrem os efeitos de sua própria fragilidade e os que mais demandam serviços de saúde.

Envelhecimento; Gastos em saúde; Modelos assistenciais; Promoção da saúde; Manutenção da capacidade funcional


ABRASCO - Associação Brasileira de Saúde Coletiva Av. Brasil, 4036 - sala 700 Manguinhos, 21040-361 Rio de Janeiro RJ - Brazil, Tel.: +55 21 3882-9153 / 3882-9151 - Rio de Janeiro - RJ - Brazil
E-mail: cienciasaudecoletiva@fiocruz.br