Avaliação nutricional de mulheres no climatério atendidas em ambulatório de nutrição no norte do Rio Grande do Sul, Brasil

Nutritional evaluation of postmenopausal women treated at a nutrition clinic in the north of the State of Rio Grande do Sul, Brazil

Janine Martinazzo Gabriela Pegoraro Zemolin Roseana Baggio Spinelli Vivian Polachini Skzypek Zanardo Giovana Cristina Ceni Sobre os autores

O climatério é a fase da vida da mulher em que ocorre a transição do período reprodutivo para o não reprodutivo. O objetivo da pesquisa foi realizar a avaliação nutricional de 30 mulheres no climatério com idades entre 40 e 65 anos, compilando os dados da primeira consulta dos prontuários nutricionais referentes ao consumo alimentar, dados antropométricos e bioquímicos. Observou-se que o resultado médio encontrado para o Índice de Massa Corporal foi considerado elevado, caracterizando excesso de peso (30,7 ± 5,9kg/m2) e a circunferência da cintura apresentou risco muito alto para desenvolver doenças cardiovasculares (98,2 ± 15,9cm). As gorduras saturadas estiveram acima do preconizado (8,14 ± 3,63%), enquanto que as gorduras mono e poli-insaturada estiveram abaixo, resultando em 6,47 ± 3,40% e 5,37 ± 2,60%, respectivamente. O consumo médio de cálcio foi de 549,63 ± 315,87mg, já o de vitamina D, 549,63 ± 315,87mcg e ambos estiveram inadequados. Os triglicerídeos foram classificados como ótimos (134,3 ± 85,4mg/dL), o colesterol total limítrofe (223,9 ± 141,3md/dL), o HDL-C adequado (54,3 ± 18,5mg/dL) e o LDL-C desejável (128,4 ± 45,1mg/dL). Os resultados demonstram que o cuidado nutricional é importante, podendo prevenir comorbidades específicas desta faixa etária, contribuindo para a qualidade de vida das mulheres climatéricas.

Mulheres; Climatério; Avaliação nutricional


ABRASCO - Associação Brasileira de Saúde Coletiva Av. Brasil, 4036 - sala 700 Manguinhos, 21040-361 Rio de Janeiro RJ - Brazil, Tel.: +55 21 3882-9153 / 3882-9151 - Rio de Janeiro - RJ - Brazil
E-mail: cienciasaudecoletiva@fiocruz.br