Efetividade de uma intervenção fisioterapêutica cognitivo-motora em idosos institucionalizados com comprometimento cognitivo leve e demência leve

Effectiveness of a cognitive-motorphysiotherapeutical therapy intervention in institutionalized older adults with mild cognitive impairment and mild dementia

Alessandra Vieira Menezes Alessandra da Silva de Aguiar Elysama Fernandes Alves Layse Biz de Quadros Poliana Penasso Bezerra Sobre os autores

Resumo

O objetivo desta pesquisa foi verificar a efetividade de quatro meses de intervenção fisioterapêutica cognitivo-motora, com frequência semanal única, na cognição, mobilidade e independência funcional de idosos com comprometimento cognitivo e demência leves residentes em instituição. Sob um ensaio clínico controlado, 15 sujeitos foram alocados entre grupo experimental (GE) e controle (GC). Para avaliação dos sujeitos foram aplicados os instrumentos: Mini-Exame do Estado Mental, Teste de Fluência Verbal e Bateria de Avaliação Frontal para análise das funções cognitivas; Escala de Equilíbrio Funcional de Berg e Teste Timed Up and Go para verificação da mobilidade, e Escala de Barthel e Índice de Pfeffer para mensuração da independência funcional. O procedimento estatístico envolveu a aplicação do teste t de Student, sob significância de 5%. Quanto aos resultados, o GE apresentou melhor desempenho apenas nos testes relacionados à mobilidade ao final da intervenção (p < 0,05). A intervenção proposta apresentou eficácia sobre a mobilidade, mas não na cognição e independência funcional. O curto período de tempo e a baixa frequência semanal podem estar relacionados aos resultados obtidos.

Comprometimento cognitivo leve; Instituição de longa permanência para idosos; Terapia por exercício

ABRASCO - Associação Brasileira de Saúde Coletiva Av. Brasil, 4036 - sala 700 Manguinhos, 21040-361 Rio de Janeiro RJ - Brazil, Tel.: +55 21 3882-9153 / 3882-9151 - Rio de Janeiro - RJ - Brazil
E-mail: cienciasaudecoletiva@fiocruz.br