Detecção do risco para internação hospitalar em população idosa: um estudo a partir da porta de entrada no sistema de saúde suplementar

Screening for risk of hospitalization in the elderly: a study based on a single entry point in a health maintenance organization in Brazil

Kylza Estrella Claudia E. F. Oliveira Anne A. Sant'Anna Célia Pereira Caldas Sobre os autores

O envelhecimento populacional impõe a necessidade de criar estratégias de avaliação e acompanhamento para os diferentes grupos da população idosa. O objetivo do artigo é apresentar uma proposta de hierarquização da demanda de idosos em sistema de saúde complementar, com base no uso de instrumento de detecção do risco de internação hospitalar. Esse instrumento foi aplicado por meio telefônico em 2.637 usuários do plano de saúde. A seguir, realizou-se o cálculo do coeficiente de risco de cada idoso, segundo aplicação de regressão logística. A partir dessas respostas calculou-se o índice de probabilidade de admissão hospitalar: 3,23% encontravam-se nos grupos de alto risco; 7,23% de médio-alto, e 13,4% apresentaram médio risco. O modelo permitiu a hierarquização da demanda da população de idosos, de acordo com o risco de internação hospitalar, o que proporcionou melhorar o planejamento e gestão do serviço, pois passou a ser possível dimensionar o quantitativo de indivíduos para intervenção e planejar a assistência. Portanto, estudos que apontem critérios para a distribuição de recursos são cada vez mais imprescindíveis para sustentar políticas de gestão realistas e consistentes.

Idoso; Hospitalização; Saúde Suplementar


Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca, Fundação Oswaldo Cruz Rua Leopoldo Bulhões, 1480 , 21041-210 Rio de Janeiro RJ Brazil, Tel.:+55 21 2598-2511, Fax: +55 21 2598-2737 / +55 21 2598-2514 - Rio de Janeiro - RJ - Brazil
E-mail: cadernos@ensp.fiocruz.br
Accessibility / Report Error