Incidência de fratura do quadril em área urbana do Nordeste brasileiro

Hip fracture incidence in an urban area in Northeast Brazil

A fratura do quadril causa grande morbidade e mortalidade e envolve alto custo, sendo reconhecida como um problema de saúde pública. Sua incidência varia amplamente entre vários países e mesmo entre cidades de uma mesma região. O objetivo do estudo foi determinar a taxa de incidência de fratura de quadril na cidade de Fortaleza, Ceará, Brasil. Foram identificados prospectivamente todos casos de fratura de fêmur, em indivíduos acima de 45 anos, atendidos nos hospitais públicos e privados da cidade de Fortaleza no período de julho de 2001 a junho de 2002. Seiscentos e setenta e três pacientes fraturaram o fêmur, sendo 382 provenientes da cidade de Fortaleza. A incidência anual de fratura de quadril na cidade de Fortaleza em indivíduos acima de 60 anos foi de 21,7/10 mil habitantes (13/10 mil no sexo masculino e 27,7/10 mil no sexo feminino). As fraturas de quadril foram mais freqüentes no sexo feminino e aumentaram progressivamente com a idade. A taxa de incidência do quadril na cidade de Fortaleza foi uma das mais baixas quando comparadas com estudos realizados em várias partes do mundo.

Fraturas do Quadril; Incidência; Fatores de Risco


Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca, Fundação Oswaldo Cruz Rua Leopoldo Bulhões, 1480 , 21041-210 Rio de Janeiro RJ Brazil, Tel.:+55 21 2598-2511, Fax: +55 21 2598-2737 / +55 21 2598-2514 - Rio de Janeiro - RJ - Brazil
E-mail: cadernos@ensp.fiocruz.br