Accessibility / Report Error

Conhecimentos e atitudes relativas a SIDA/AIDS em uma população de favela do Rio de Janeiro

Knowledges and attitudes related to AIDS in a slum population of Rio de Janeiro

Com o objetivo de avaliar o grau de conhecimento e atitudes relativos à SIDA/AIDS, realizou-se um inquérito numa amostra de moradores da Favela da Rocinha, Rio de Janeiro, com idades entre 13 e 45 anos. Optou-se pela metodologia denominada Rapid Survey Methodology, sobretudo pelo seu baixo custo e por permitir um conhecimento quase que imediato das questões de maior interesse. Embora a maior parte dos indivíduos da amostra tenha demonstrado um grau elevado de conhecimento no que se refere às formas de transmissão sexual do VIH, mais da metade destes referiu a picada de mosquito, a doação de sangue e o beijo na boca como meio de adquirir a SIDA/AIDS. Com relação ao uso de preservativos, apenas 57,6% dos entrevistados acreditaram tratar-se de um método seguro de prevenção, e somente 21,9% referiram utilizá-lo, ainda que de modo irregular.

AIDS; Transmissão VIH; Conhecimento; Comportamentos; Prevenção


Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca, Fundação Oswaldo Cruz Rua Leopoldo Bulhões, 1480 , 21041-210 Rio de Janeiro RJ Brazil, Tel.:+55 21 2598-2511, Fax: +55 21 2598-2737 / +55 21 2598-2514 - Rio de Janeiro - RJ - Brazil
E-mail: cadernos@ensp.fiocruz.br