Estado nutricional de idosos no Brasil: uma abordagem multinível

Nutritional status of elderly Brazilians: a multilevel approach

Estado nutricional de ancianos en Brasil: un enfoque multinivel

Ingrid Freitas da Silva Pereira Maria Helena Constantino Spyrides Lára de Melo Barbosa Andrade Sobre os autores

Resumo:

O objetivo deste estudo foi diagnosticar o estado nutricional da população idosa brasileira, identificando fatores associados. Utilizou-se dados da Pesquisa de Orçamentos Familiares (POF 2008/2009) de 20.114 idosos, cujo perfil nutricional foi avaliado segundo o índice de massa corporal (IMC). As análises de fatores associados foram testadas com base no teste de qui-quadrado de Pearson e modelos lineares multiníveis. Na análise hierárquica constatou-se efeito significativo da Unidade da Federação na variância do IMC (valor de p = 0,001). Em nível individual detectou-se associação negativa (valor de p < 0,001) com: cor/raça amarela, sexo masculino, idosos que residiam sozinhos e idade; e positiva com a renda per capita. Observou-se ainda, maiores prevalências de baixo peso em idosos residentes no estrato rural (26,3%) e nas regiões Nordeste (23,7%) e Centro-oeste (20,9%), e de obesidade em idosos que residem nas regiões Sul (45,1%) e Sudeste (38,3%) e no estrato urbano (39%). Sugere-se aprofundar o estudo das características do estado nutricional de idosos utilizando-se variáveis contextuais.

Palavras-chave:
Estado Nutricional; Índice de Massa Corporal; Idoso; Inquéritos Demográficos

Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca, Fundação Oswaldo Cruz Rua Leopoldo Bulhões, 1480 , 21041-210 Rio de Janeiro RJ Brazil, Tel.:+55 21 2598-2511, Fax: +55 21 2598-2737 / +55 21 2598-2514 - Rio de Janeiro - RJ - Brazil
E-mail: cadernos@ensp.fiocruz.br