Propriedades psicométricas do Instrumento Abreviado de Avaliação de Qualidade de Vida da Organização Mundial da Saúde no Estudo Pró-Saúde

Psychometric properties of the World Health Organization Abbreviated Instrument for Quality of Life Assessment in the Pró-Saúde Study

Arlinda B. Moreno Eduardo Faerstein Guilherme L. Werneck Claudia S. Lopes Dóra Chor Sobre os autores

Neste artigo, relatam-se propriedades psicométricas do Instrumento Abreviado de Avaliação de Qualidade de Vida da Organização Mundial da Saúde (WHOQOL-Bref), composto por 24 questões distribuídas em quatro domínios (físico, psicológico, relações sociais e meio ambiente) e duas questões globais sobre qualidade de vida e saúde global, quando aplicado no Estudo Pró-Saúde (estudo de coorte de trabalhadores de uma universidade no Estado do Rio de Janeiro, Brasil), em seu estudo piloto e entre os 3.574 participantes da fase 2 (2001) do estudo. Foi estimada a confiabilidade teste-reteste dos escores, com coeficiente de correlação intraclasse variando entre 0,76 e 0,91 nos diversos domínios. Níveis de consistência interna, avaliados pelo coeficiente alfa de Cronbach, variaram entre 0,69 e 0,79. Na análise de fatores, pelo método de fatores principais iterados e rotação varimax, não foi replicada exatamente a estrutura do instrumento original, verificada em seus testes de campo; uma das possíveis razões para as discrepâncias observadas refere-se à natureza da população de estudo, em idade laboral ativa e relativamente saudável.

Questionários; Qualidade de Vida; Psicometria


Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca, Fundação Oswaldo Cruz Rua Leopoldo Bulhões, 1480 , 21041-210 Rio de Janeiro RJ Brazil, Tel.:+55 21 2598-2511, Fax: +55 21 2598-2737 / +55 21 2598-2514 - Rio de Janeiro - RJ - Brazil
E-mail: cadernos@ensp.fiocruz.br