Accessibility / Report Error

É possível trabalhar o conflito como matéria-prima da gestão em saúde?

Can conflict be used as the "raw material" for health services management?

O autor examina a possibilidade de tomar os conflitos corriqueiros na vida das organizações de saúde como objeto da gestão. Para tanto, propõe a utilização de uma "matriz de análise", com o objetivo de possibilitar aos atores envolvidos na situação conflituosa, sempre em situação auto-analítica, uma melhor compreensão da dinâmica dos conflitos. Abrir-se-iam, assim, novas possibilidades de contratualidade para a gestão do cotidiano da unidade, novas configurações nas relações entre os trabalhadores, inclusive a explicitação de conflitos encobertos que não conseguem acessar a arena decisória do serviço. O autor indica, também, as possíveis dificuldades para a adoção desse tipo de prática gerencial.

Conflito; Organizações; Gerência


Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca, Fundação Oswaldo Cruz Rua Leopoldo Bulhões, 1480 , 21041-210 Rio de Janeiro RJ Brazil, Tel.:+55 21 2598-2511, Fax: +55 21 2598-2737 / +55 21 2598-2514 - Rio de Janeiro - RJ - Brazil
E-mail: cadernos@ensp.fiocruz.br