Epizootia de raiva na área urbana de Ribeirão Preto, SP, Brasil

Rabies epizootic in the urban area of Ribeirão Preto, São Paulo, Brazil

Este estudo objetiva descrever uma epizootia de raiva iniciada em 1995 na área urbana de Ribeirão Preto e estudar os fatores que propiciaram o seu aparecimento. Foram revistos e estudados todos os casos laboratorialmente confirmados de raiva animal ocorridos a partir de janeiro de 1995. Paralelamente, foram levantadas informações relativas à cobertura vacinal e às atividades de vigilância. Em 1995, além de um caso humano, ocorreram 58 casos de raiva animal (54 cães, três gatos e um morcego). Em 1996, foram observados vinte casos (18 cães e dois gatos). A concentração de casos foi diferente conforme as áreas distritais, com maiores valores sendo observados nas regiões mais pobres da cidade. A distribuição de casos não variou conforme os meses do ano. Baixas coberturas vacinais e quase ausência de atividades de vigilância, traduzida pelo não-envio sistemático de amostras para exames laboratoriais nos anos imediatamente anteriores a 1995, foram os fatores determinantes do aparecimento da epizootia. Este evento ilustra os riscos de se negligenciar a profilaxia permanente da raiva, mesmo numa cidade com razoável estrutura dos serviços de saúde e localizada numa das áreas de maior desenvolvimento econômico do País.

Raiva; Zoonose; Epidemiologia


Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca, Fundação Oswaldo Cruz Rua Leopoldo Bulhões, 1480 , 21041-210 Rio de Janeiro RJ Brazil, Tel.:+55 21 2598-2511, Fax: +55 21 2598-2737 / +55 21 2598-2514 - Rio de Janeiro - RJ - Brazil
E-mail: cadernos@ensp.fiocruz.br