Anemia e capacidade funcional em idosos brasileiros hospitalizados

O presente estudo avaliou a associação entre anemia e a capacidade física funcional em idosos hospitalizados. Estudo transversal, com amostra de 709 participantes com idades ≥ 60 anos, internados no Hospital Madre Teresa, em Belo Horizonte, Minas Gerais, Brasil. Foram utilizados os testes de Mann-Whitney ou "t" e qui-quadrado ou teste exato de Fisher para as variáveis quantitativas e categóricas, respectivamente, e um modelo hierárquico de regressão logística foi usado para identificar as variáveis preditoras associadas. A presença de anemia foi encontrada em 30% dos participantes e associada a uma diminuição significativa da funcionalidade em ambos os índices utilizados - AVD (atividades da vida diária) e AIVD (atividades instrumentais da vida diária). A idade avançada também foi independentemente associada com anemia. Os resultados deste estudo demonstraram uma forte associação entre a redução da capacidade funcional e a presença de anemia. Investigações adicionais são necessárias para avaliar o impacto do tratamento da anemia na melhora da funcionalidade e independência em pessoas idosas.

Anemia; Atividades Cotidianas; Idoso


Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca, Fundação Oswaldo Cruz Rua Leopoldo Bulhões, 1480 , 21041-210 Rio de Janeiro RJ Brazil, Tel.:+55 21 2598-2511, Fax: +55 21 2598-2737 / +55 21 2598-2514 - Rio de Janeiro - RJ - Brazil
E-mail: cadernos@ensp.fiocruz.br