Sexualidade e reprodução: usos e valores relativos ao desejo de filhos entre casais de camadas médias no Rio de Janeiro, Brasil

Sexuality and reproduction: uses and values related to the desire for children among middle-class couples in Rio de Janeiro, Brazil

Este trabalho analisa aspectos constitutivos da dinâmica sexual conjugal moderna entre casais de orientação heterossexual como parte dos resultados de uma pesquisa etnográfica realizada com "casais inférteis" no Rio de Janeiro, Brasil (2004-2005). O grupo investigado pode ser culturalmente definido por sua imersão na configuração de valores individualistas. Analisamos certos aspectos referidos pelos casais a partir dos investimentos em recursos médicos conceptivos. Destacam-se as idéias de "privacidade" e "espontaneidade" como expressões obrigatórias do exercício da sexualidade e da reprodução. Partiu-se do pressuposto de que tanto a experiência reprodutiva quanto a sexual enfatizam a primazia da representação de uma suposta liberdade de escolha. Como estratégia metodológica, privilegiou-se a trajetória de vida dos casais utilizando entrevistas semi-estruturadas e observação no contexto das entrevistas. Os resultados apontam formas divergentes, ou mesmo contraditórias, de vivenciar a experiência da parentalidade: de um lado, o filho como resultado "natural" da relação conjugal e, de outro, como fruto de uma escolha racional.

Sexualidade; Reprodução; Planejamento Familiar


Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca, Fundação Oswaldo Cruz Rua Leopoldo Bulhões, 1480 , 21041-210 Rio de Janeiro RJ Brazil, Tel.:+55 21 2598-2511, Fax: +55 21 2598-2737 / +55 21 2598-2514 - Rio de Janeiro - RJ - Brazil
E-mail: cadernos@ensp.fiocruz.br