Estratégias para o controle da hanseníase e integração dos serviços de saúde: uma perspectiva internacional

Jan Visschedijk Anrik Engelhard Peter Lever Maria Aparecida de Faria Grossi Pieter Feenstra Sobre os autores

O artigo apresenta a integração entre os serviços de hanseníase e os serviços gerais de saúde como a estratégia central para garantir que o controle da hanseníase permaneça custo-eficaz e eqüitativo e, como conseqüência, sustentável ao longo dos próximos anos. Os autores apresentam uma revisão extensa sobre a integração dos serviços de hanseníase com os serviços gerais de saúde. Após uma discussão sobre a justificativa pela integração, o artigo destaca diversas inovações recentes no controle da hanseníase e no setor da saúde que ajudam a sustentar o processo de integração. Os autores apresentam um panorama sobre as experiências recentes em países que já iniciaram o processo de integração. Com base nessas experiências, lições importantes podem ser aprendidas e incorporadas a um modelo para o processo de integração. Tal modelo, que é apresentado no final do artigo, irá auxiliar os diversos países na integração dos serviços de hanseníase com os serviços gerais de saúde.

Hanseníase; Serviços de Saúde; Estratégias


Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca, Fundação Oswaldo Cruz Rua Leopoldo Bulhões, 1480 , 21041-210 Rio de Janeiro RJ Brazil, Tel.:+55 21 2598-2511, Fax: +55 21 2598-2737 / +55 21 2598-2514 - Rio de Janeiro - RJ - Brazil
E-mail: cadernos@ensp.fiocruz.br