• 20 years of experience with the Brazilian Unified National Health System: strides and challenges for oral health Editorial

    Frazão, Paulo
  • Effect of psychological stress on blood pressure increase: a meta-analysis of cohort studies Review

    Gasperin, Daniela; Netuveli, Gopalakrishnan; Dias-da-Costa, Juvenal Soares; Pattussi, Marcos Pascoal

    Abstract in Portuguese:

    Estudos sugerem que a exposição crônica ao estresse tenha influência no aumento dos níveis pressóricos. Foi realizada uma revisão sistemática seguida de metanálise com o objetivo de avaliar o efeito do estresse psicológico no aumento da pressão arterial. As principais bases de dados utilizadas foram Ingenta, Psycinfo, PubMed, Scopus e Web of Science. Os critérios de inclusão foram: publicado entre janeiro de 1970 e dezembro de 2006, delineamento de coorte prospectiva, adultos, estresse psicológico/emocional como exposição principal, hipertensão arterial ou aumento na pressão arterial > 3,5mmHg como desfecho. A busca resultou em 2.043 artigos, sendo 110 coortes. Desses, seis eram elegíveis, os quais geraram 23 grupos de comparação e 34.556 sujeitos. A mediana do tempo de seguimento e do percentual de perdas foi 11,5 anos e 21%. Indivíduos com maior reação a tarefas estressoras possuíam 21% mais chances de apresentar aumento na pressão arterial quando comparados com aqueles com menor reação (OR = 1,21; IC95%: 1,14-1,28; p < 0,001). Embora com magnitude de efeito relativamente modesta, os resultados sugerem a importância do controle do estresse psicológico no tratamento não medicamentoso da hipertensão arterial sistêmica.

    Abstract in English:

    Studies have suggested that chronic exposure to stress may have an influence on increased blood pressure. A systematic review followed by a meta-analysis was conducted aiming to assess the effect of psychological stress on blood pressure increase. Research was mainly conducted in Ingenta, Psycinfo, PubMed, Scopus and Web of Science. Inclusion criteria were: published in any language; from January 1970 to December 2006; prospective cohort design; adults; main exposure psychological/emotional stress; outcome arterial hypertension or blood pressure increase > 3.5mmHg. A total of 2,043 studies were found, of which 110 were cohort studies. Of these, six were eligible and yielded 23 comparison groups and 34,556 subjects. Median follow-up time and loss to follow-up were 11.5 years and 21%. Results showed individuals who had stronger responses to stressor tasks were 21% more likely to develop blood pressure increase when compared to those with less strong responses (OR: 1.21; 95%CI: 1.14-1.28; p < 0.001). Although the magnitude of effect was relatively small, results suggest the relevance of the control of psychological stress to the non-therapeutic management of high blood pressure.
  • Trends in the AIDS epidemic in groups at highest risk in Brazil, 1980-2004 Artigo

    Barbosa Júnior, Aristides; Szwarcwald, Célia Landmann; Pascom, Ana Roberta Pati; Souza Júnior, Paulo Borges de

    Abstract in Portuguese:

    O presente trabalho tem por objetivo apresentar as tendências da epidemia de AIDS em grupos populacionais sob maior risco no Brasil. A técnica de análise discriminante foi utilizada para reclassificação dos casos masculinos com categoria de exposição ignorada em um dos três grupos homens que fazem sexo com homens (HSH), usuários de drogas injetáveis (UDI) ou heterossexuais. Foram estimadas as taxas de incidência de AIDS por sexo e categoria de exposição no período 1980-2004. No período 1980-1988, os casos homossexuais ou bissexuais masculinos correspondiam a 63,6% dos casos, e a proporção de mulheres era de 10%. Posteriormente, há um decréscimo importante no papel desempenhado pelos HSH e ocorre um acréscimo nas outras categorias de exposição. Apesar das tendências de decréscimo para as incidências de casos HSH e UDI e acréscimo entre os heterossexuais masculinos e as mulheres, quando as taxas de incidência são comparadas o risco é maior entre os HSH e UDI. A análise da dinâmica da epidemia de AIDS no Brasil mostra a importância dos grupos HSH e UDI masculinos enquanto grupos de risco diferenciado.

    Abstract in English:

    The objective of this paper was to present the trends in the AIDS epidemic in the population groups at highest risk in Brazil. Discriminant analysis was used to reclassify cases with unknown risk into one of the three groups: IDU (injecting drug users), MSM (men who have sex with men), and heterosexuals. AIDS incidence rates by gender and exposure category were estimated for the period 1980-2004. In 1980-1988, 63.6% of AIDS cases were homosexual or bisexual males and 10% were females. Since 1988, there has been a decrease in the proportion of MSM and an increase in the other categories. Despite the incidence trends observed by exposure category, when the incidence rates were compared, the risk was much higher among MSM as compared to heterosexuals. Analysis of the AIDS epidemic dynamics in Brazil emphasizes the importance of MSM and male IDU as higher-risk groups.
  • Compliance with and response to hepatitis B vaccination in remaining quilombo communities in Central Brazil Article

    Motta-Castro, Ana Rita C.; Gomes, Selma A.; Yoshida, Clara F. T.; Miguel, Juliana C.; Teles, Sheila A.; Martins, Regina M. B.

    Abstract in Portuguese:

    A adesão e resposta à vacina contra hepatite B foram avaliadas em comunidades remanescentes de quilombos no Brasil Central. Um total de 708 indivíduos suscetíveis à infecção pelo vírus da hepatite B foi convidado para participar do programa de vacinação contra hepatite B em oito comunidades. Apesar de 567 (80%) indivíduos terem recebido a primeira dose, somente 198 (28%) aderiram ao esquema completo de vacinação. De 148 sujeitos que concordaram em dosar o anti-HBs, 123 (83,1%; IC95%: 75,9-88,6) responderam à vacina. Um título geométrico médio de 512mUI/mL (IC95%: 342,5-765,3) foi encontrado. Sexo masculino e idade foram independentemente associados com ausência de resposta. Programas adicionais de educação em saúde e esquemas alternativos de vacinação contra hepatite B são necessários para melhorar a cobertura vacinal nessas comunidades no Brasil Central.

    Abstract in English:

    Compliance with and responses to the hepatitis B vaccine were evaluated in remaining quilombo communities in Central Brazil. A total of 708 individuals who were susceptible to hepatitis B virus infection were invited to participate in the hepatitis B vaccination program in eight communities. Although 567 (80%) individuals received the first dose, only 198 (28%) complied with the full vaccination scheme. Of 148 subjects who agreed to be tested for anti-HBs, 123 (83.1%; 95%CI: 75.9-88.6) responded to the vaccine. A geometric mean titer of 512mIU/mL (95%CI: 342.5-765.3) was found. Male sex and older age were independently associated with non-response. Additional health education programs and alternative hepatitis B vaccine schedules are needed to improve the vaccination coverage in these communities in Central Brazil.
  • The relationship between dental anxiety and dental pain in children aged 18 to 59 months: a study in Recife, Pernambuco State, Brazil Article

    Oliveira, Michelle Marie T.; Colares, Viviane

    Abstract in Portuguese:

    Este estudo teve como objetivo avaliar a ansiedade e a dor relacionadas ao tratamento odontológico em crianças menores de 5 anos de idade. Este estudo transversal foi realizado com uma amostra de 2.735 crianças, de ambos os sexos. Por meio da aplicação de um questionário em forma de entrevista com os pais ou responsáveis foram obtidas as seguintes informações: dados sócio-econômicos, ansiedade relacionada ao tratamento odontológico e a experiência de dor de dente, assim como a avaliação dos pais em relação à saúde bucal das crianças. A prevalência de ansiedade odontológica foi de 34,7% e o histórico de dor de dente foi 9,1%. Verificou-se associação entre essas duas variáveis (p < 0,0001). Observou-se também associação entre dor de dente, idade, renda familiar e a avaliação dos pais em relação à saúde bucal das crianças. Saúde bucal comprometida, assim como baixa renda familiar, foram correlacionadas com alta prevalência de histórico de dor de dente. A ansiedade odontológica estava associada ao histórico de dor de dente em crianças menores de 5 anos de idade.

    Abstract in English:

    The aim of this study was to evaluate anxiety and pain related to dental treatment in children under the age of five years. This cross sectional study was carried out with 2,735 children of both sexes. Socioeconomic data, dental anxiety and dental pain experience, as well as the assessment of the child's oral health status, were obtained through a questionnaire answered by the child's parent or guardian. Dental anxiety was measured using the Dental Anxiety Question (DAQ). The prevalence of dental anxiety was 34.7% and that of dental pain was 9.1%. There was an association between these two variables (p < 0.0001). There was also an association between dental pain, age, family income and assessment of oral health status. The poorest rating of the child's oral health and the lowest family income were correlated with the highest percentages of a history of dental pain. Dental anxiety was related to a history of dental pain in children under the age of five years.
  • Regionalization of health services: challenges for the Angolan case Artigo

    Oliveira, Miguel dos Santos de; Artmann, Elizabeth

    Abstract in Portuguese:

    Este artigo apresenta a situação da saúde de Angola no período 2000-2007, discute a regionalização do sistema de saúde como importante instrumento para a melhoria tanto do acesso aos serviços de saúde daquele país, quanto da utilização destes, e aponta condições e desafios para a sua implementação. O artigo se apóia numa revisão bibliográfica de: (a) autores brasileiros, considerando-se que, no Brasil, ainda decorre a reforma sanitária com vasta produção bibliográfica sobre a temática; (b) autores africanos, ou com estudos sobre a África, e internacionais, em vista da necessidade de se analisarem experiências regionais e mundiais relativas ao assunto e (c) estudos e recomendações da Organização Mundial da Saúde sobre a descentralização/regionalização em saúde. Ficou demonstrada a necessidade de reformas no sistema de saúde de Angola, o qual apresenta enormes deficiências de estruturação e funcionamento, o que leva à baixa resolubilidade dos seus serviços. A regionalização foi considerada como uma importante estratégia para reestruturação do sistema de saúde, ao lado de outras que não são foco principal deste estudo. A avaliação do seu impacto só poderá ser feita a longo prazo.

    Abstract in English:

    This article presents the health situation in Angola from 2000 to 2007, discussing regionalization of the health system as an important instrument for improving access and the use of health services in the country, besides highlighting the conditions and challenges for implementation. The article is based on a literature review of: (a) Brazilian authors, considering that health reform is still under way in Brazil, with extensive academic output on this particular theme, (b) African authors or studies on Africa and international studies, considering the need to review regional and global experiences related to the subject, and (c) World Health Organization studies and guidelines on health decentralization and regionalization. The need for reform in the Angolan health system has been demonstrated by the enormous structural and operational deficiencies, leading in turn to low effectiveness and reliability. Regionalization was considered a key strategy for restructuring the health system. However, the evaluation of its impact will only be possible in the long term.
  • Factors associated with labor capacity in electric industry workers Artigo

    Martinez, Maria Carmen; Latorre, Maria do Rosário Dias de Oliveira

    Abstract in Portuguese:

    O Setor Elétrico passou por recente processo de reestruturação produtiva com reflexos nas condições e organização do trabalho, podendo comprometer a capacidade para o trabalho. Este estudo objetivou avaliar fatores associados à capacidade para o trabalho junto a 475 trabalhadores de uma empresa do Setor Elétrico no Estado de São Paulo, Brasil. Neste estudo transversal foi realizada análise descritiva e análise de regressão linear múltipla. A média do Índice de Capacidade para o Trabalho (ICT) foi de 41,8 pontos (escala de 7,0 a 49,0 pontos). A análise múltipla mostrou que os fatores que melhor explicaram a variabilidade do ICT foram estresse no trabalho (p < 0,001) e saúde física (p < 0,001 em todas as dimensões). Em outra análise, excluídas as dimensões da saúde, as variáveis associadas ao ICT foram estresse no trabalho (p < 0,001), local de trabalho (p = 0,022), prática de atividade física (p = 0,001), consumo de álcool (p = 0,012) e índice de massa corporal (p < 0,001). Os resultados identificaram aspectos a serem considerados no desenvolvimento de medidas visando a preservação da capacidade para o trabalho, com ênfase no controle do estresse no trabalho e na promoção da saúde.

    Abstract in English:

    The Brazilian electric utility sector has recently undergone major industrial restructuring, with impacts on working conditions and work organization that could jeopardize the capacity for work. This study aimed to evaluate factors associated with labor capacity in a sample of 475 workers from an electric utility company in the State of São Paulo, Brazil. This cross-sectional study included descriptive and multiple linear regression analyses. The mean labor capacity index (LCI) was 41.8 points (on a scale from 7.0 to 49.0). Multiple regression showed that the factors that best explained LCI variability were work stress (p < 0.001) and physical health (p < 0.001 in all the dimensions). In a separate analysis, excluding all the health dimensions, the variables associated with LCI were work stress (p < 0.001), workplace (p = 0.022), physical activity (p = 0.001), alcohol consumption (p = 0.012), and body mass index (p < 0.001). The results highlighted aspects to be considered when developing measures to protect labor capacity, with an emphasis on stress prevention and health promotion.
  • Body cult and use of anabolic steroids by bodybuilders Artigo

    Iriart, Jorge Alberto Bernstein; Chaves, José Carlos; Orleans, Roberto Ghignone de

    Abstract in Portuguese:

    O objetivo do estudo foi investigar as motivações para a prática da musculação e uso de anabolizantes, assim como as representações e usos sociais do corpo entre usuários de anabolizantes praticantes de musculação. Foi realizado um estudo etnográfico com observação participante em academias de musculação de bairros de classe média e classes populares de Salvador, Bahia, Brasil, e realização de 43 entrevistas em profundidade com usuários de anabolizantes. A prática da musculação e o uso de anabolizantes, tanto entre usuários de classe média quanto populares, são motivados sobretudo por razões estéticas. A insatisfação com corpo real em comparação ao padrão ideal disseminado pela mídia, o receio de ser desvalorizado ou excluído do grupo de pares, o capital simbólico associado ao corpo "trabalhado" e o imediatismo na obtenção dos resultados favorecem o uso de anabolizantes. Faz-se necessária a realização de campanhas de prevenção voltadas para os jovens que aliem a visão crítica na desconstrução dos valores associados ao corpo na sociedade de consumo à veiculação de informação de qualidade sobre os riscos à saúde no consumo de anabolizantes.

    Abstract in English:

    This study focused on the reasons for practicing bodybuilding and the use of anabolic steroids, as well as the social representations and uses of the body among bodybuilding steroid users. This ethnographic study involved participant observation in middle and lower-class bodybuilding gyms in Salvador, Bahia State, Brazil, and 43 in-depth interviews with steroid users. Aesthetic reasons are the main motivation for bodybuilding and steroid use in both middle and lower-class users. Dissatisfaction with one's real body as compared to the ideal standard flaunted by the mass media, fear of being devalued or shunned by one's peer groups, the symbolic capital associated with a "pumped-up" body, and the sense of immediacy in obtaining results all contributed to steroid use. Preventive campaigns are needed, targeting young people and combining a critical view and deconstruction of the values assigned to the body by consumer society, counteracted by high-quality information on the health risks associated with anabolic steroid use.
  • Dental caries incidence in adolescents in a city Northeast Brazil, 2006 Artigo

    Noro, Luiz Roberto Augusto; Roncalli, Angelo Giuseppe; Mendes Júnior, Francisco Ivan Rodrigues; Lima, Kenio Costa

    Abstract in Portuguese:

    O presente estudo teve como objetivo analisar a incidência da cárie dentária em adolescentes associada à condição sócio-econômica, acesso a serviços e autopercepção. É um estudo longitudinal por meio de levantamento epidemiológico de cárie e questionário estruturado com amostra composta por 688 adolescentes residentes no Município de Sobral, Ceará, Brasil. A incidência aumentou progressivamente com a idade, passando de 1,60 nos adolescentes com 12 anos até 2,28 para os com 15 anos, registrando-se uma incidência média de 1,86 dentes cariados por adolescente. Entre as variáveis estudadas, dor de dente nos últimos seis meses [RR = 1,46 (1,22-1,76)], merenda escolar [RR = 1,45 (1,21-1,74)], freqüência de consulta ao dentista [RR = 1,48 (1,33-1,79)] e acesso à unidade de saúde [RR = 1,21 (1,01-1,45)], ajustadas por morbidade referida apresentaram relação com a alta incidência de cárie. É fundamental que gestores e profissionais de saúde formulem políticas públicas que não se restrinjam a aspectos como atendimento clínico e prevenção de doenças, estimulando a população na luta pela conquista por melhores condições de vida, viabilizando eqüidade no acesso aos serviços e desenvolvendo uma gestão coletiva das ações de saúde.

    Abstract in English:

    The main objective of this study was to evaluate the incidence of tooth decay in adolescents, associated with socioeconomic status, access to services, and self-perceived oral health. This was a longitudinal study using an epidemiological survey of dental caries and a structured questionnaire with a sample of 688 adolescents residing in Sobral, Ceará State, Brazil. Incidence increased progressively with age, from 1.60 at 12 years of age to 2.28 at 15, with a mean incidence of 1.86 decayed teeth per adolescent. Among the study variables, tooth pain in the previous six months [RR = 1.46 (1.22-1.76)], school lunch [RR = 1.45 (1.21-1.74)], frequency of dental appointments [RR = 1.48 (1.33-1.79)], and access to the Health Service [RR = 1.21 (1.01-1.45)], adjusted by perceived need for treatment, were associated with high caries incidence. It is essential for health professionals and health system managers to formulate public policies that are not limited merely to clinical and preventive aspects, encouraging the population to struggle for better living conditions and allowing equitable access to services and developing collective management of health actions.
  • Frequency of healthy eating habits measured by the 10 Steps to Healthy Eating score proposed by the Ministry of Health: Pelotas, Rio Grande do Sul State, Brazil Artigo

    Vinholes, Daniele Botelho; Assunção, Maria Cecília Formoso; Neutzling, Marilda Borges

    Abstract in Portuguese:

    O presente estudo tem o objetivo de medir a freqüência e fatores associados ao hábito saudável de alimentação por meio da observação da adesão aos 10 Passos para uma Alimentação Saudável propostos pelo Ministério da Saúde, na população adulta da cidade de Pelotas, Rio Grande do Sul, Brasil. Foi realizado um estudo transversal de base populacional com amostragem por conglomerados, no qual foram entrevistados 3.136 adultos residentes em Pelotas. A freqüência de cada passo da alimentação saudável foi coletada por intermédio de perguntas elaboradas com o objetivo de avaliar a execução do que foi preconizado em cada passo. A análise dos dados consistiu de análise descritiva, seguida de análise bivariada usando-se o teste qui-quadrado. Apenas 1,1% da população segue todos os passos recomendados. O número médio de passos realizados foi seis. O passo que apresentou maior freqüência de realização foi o 4, relativo ao consumo de sal; e o que apresentou menor freqüência foi o 9, relativo à prática de atividade física. O conhecimento dos hábitos alimentares na população e sua distribuição conforme variáveis demográficas e sócio-econômicas são importantes para orientar estratégias locais e nacionais, a fim de promover hábitos saudáveis de alimentação e conseqüente melhoria da qualidade de vida.

    Abstract in English:

    This study aimed to measure frequency of healthy eating habits and associated factors using the 10 Steps to Healthy Eating score proposed by the Ministry of Health in the adult population in Pelotas, Rio Grande do Sul State, Brazil. A cross-sectional population-based survey was conducted on a cluster sample of 3,136 adult residents in Pelotas. The frequency of each step to healthy eating was collected with a pre-coded questionnaire. Data analysis consisted of descriptive analysis, followed by bivariate analysis using the chi-square test. Only 1.1% of the population followed all the recommended steps. The average number of steps was six. Step four, salt intake, showed the highest frequency, while step nine, physical activity, showed the lowest. Knowledge of the population's eating habits and their distribution according to demographic and socioeconomic variables is important to guide local and national strategies to promote healthy eating habits and thus improve quality of life.
  • Prevalence of intimate partner violence and associated factors: a population-based study in Lages, Santa Catarina State, Brazil, 2007 Artigo

    Anacleto, Adriana Jaqueline; Njaine, Kathie; Longo, Giana Zarbato; Boing, Antonio Fernando; Peres, Karen Glazer

    Abstract in Portuguese:

    Estimou-se a prevalência da violência entre parceiros íntimos e os fatores associados em Lages, Santa Catarina, Brasil. Realizou-se um estudo transversal de base populacional domiciliar com mulheres de 20-59 anos (n = 1.042), da zona urbana. As prevalências de agressão verbal, violência física menor e violência física grave foram estimadas pelo questionário Conflict Tactics Scales - Form R. Questões sobre aspectos sócio-econômicos e demográficos foram investigadas. As associações foram testadas pelo teste do qui-quadrado de Pearson e o de tendência linear. A prevalência de violência entre casais para agressão verbal, agressão física menor e agressão física grave foram de 79%, 14,9% e 9,3%, respectivamente. Casais com menos de trinta anos, com renda per capita inferior a meio salário mínimo mensal e vivendo em locais com mais de dois indivíduos por cômodo dormitório apresentaram maiores prevalências das violências mensuradas quando comparados com casais mais velhos, com maior rendimento e menor aglomeração, respectivamente. Programas preventivos, além de estudos qualitativos, podem ser estratégias efetivas para melhor compreender a violência entre parceiros íntimos.

    Abstract in English:

    The aim of this study was to estimate the prevalence of intimate partner violence and associated factors in Lages, Santa Catarina State, Brazil. A population-based household study included 20-59-year-old women (n = 1,042) living in the urban area. The Conflict Tactics Scales - Form R was used to investigate verbal aggression, minor physical violence, and severe physical violence. A questionnaire covering socioeconomic and demographic variables was applied. Pearson qui-square and linear trend test were used to test associations. Prevalence rates for verbal aggression and minor and severe physical abuse within couples were 79.0%, 14.9%, and 9.3%, respectively. Couples under 30 years of age, with per capita income less than half the minimum wage (approximately U$90/month), and in households with more than two family members per bedroom were more likely to report all types of violence as compared to older couples, those with better incomes, and those living with less crowding, respectively. Preventive programs and qualitative studies could be effective strategies to shed further light on intimate partner violence.
  • Child health in poor areas: findings from a population-based study in Caracol, Piauí, and Garrafão do Norte, Pará, Brazil Artigo

    Cesar, Juraci A.; Chrestani, Maria Aurora D.; Fantinel, Everton J.; Gonçalves, Tatiane S.; Neumann, Nelson A.

    Abstract in Portuguese:

    Este estudo teve por objetivo conhecer indicadores básicos de saúde infantil nos municípios de Caracol, Piauí, e Garrafão do Norte, Pará, Brasil. Mediante visitas domiciliares por amostragem sistemática, aplicaram-se questionários às mães de menores de cinco anos, investigando nível sócio-econômico, condições de habitação e saneamento da família, características demográficas, padrão de morbidade, de utilização de serviços de saúde e de assistência recebida durante a gestação e o parto. A análise consistiu da comparação de indicadores entre os dois municípios e foi avaliada através dos testes t e qui-quadrado. Das 1.728 crianças estudadas, 60% de suas famílias possuíam renda inferior a um salário mínimo mensal; 41% não contavam com qualquer tipo de sanitário; 10% de suas mães não realizaram uma única consulta de pré-natal; 30% nasceram no domicilio; 30% foram levadas à consulta médica nos últimos três meses; 20% apresentavam déficit > 2 desvios-padrão para o indicador altura/idade. Todos os indicadores estudados foram ruins em ambos os municípios, sobretudo em Garrafão do Norte. Aumentar a oferta de cuidados em saúde e melhorar as condições de habitação e saneamento deveriam ser prioridades nessas localidades.

    Abstract in English:

    The aim of this study was to evaluate child health indicators in the municipalities (counties) of Caracol, Piauí State, and Garrafão do Norte, Pará State, Brazil. Through household visits using systematic sampling, previously trained interviewers applied a standard questionnaire to mothers of under-five children, investigating socioeconomic status, housing and environmental sanitation, demographic characteristics, disease patterns, and prenatal and childbirth care. The analysis used the t-test and chi-square test to compare indicators between the two municipalities. Of the 1,728 children studied, 60% were from families with incomes less than one monthly minimum wage (approximately U$200), 41% had no type of sewage treatment or disposal, 10% of mothers reported zero prenatal visits, 30% of the children were born in the same municipality, and 30% had been taken to a pediatric consultation in the previous 3 months; 20% had a height-for-age deficit > 2 standard deviations. All target indicators were deficient in both the municipalities (especially in Garrafão do Norte). Expanding health care supply and improving housing and sanitation conditions are priorities in both municipalities.
  • The mental health of Korean immigrants in São Paulo, Brazil Article

    Kang, Sam; Razzouk, Denise; Mari, Jair Jesus de; Shirakawa, Itiro

    Abstract in Portuguese:

    Este estudo verificou a freqüência de transtornos psiquiátricos em uma comunidade de imigrantes coreanos na cidade de São Paulo, Brasil. A amostragem snowball com vários focos foi utilizada para contatar os imigrantes coreanos, acima de 18 anos e residentes em São Paulo. Foram selecionados 324 sujeitos, cuja saúde mental foi avaliada por meio de uma entrevista estruturada, Composite International Diagnostic Interview 2.1, nas versões em português e coreano. Foi utilizado o critério de diagnóstico CID-10. A freqüência de algum diagnóstico psiquiátrico na vida foi de 41,9%. As freqüências de principais diagnósticos na vida foram: transtornos de ansiedade, 13% (transtorno de estresse pós-traumático, 9,6%); transtornos do humor, 8,6%; transtornos somatoformes, 7,4%; transtornos dissociativos, 4,9%; transtornos psicóticos, 4,3%; transtornos alimentares, 0,6%; transtornos decorrentes de substâncias (álcool, tabaco ou drogas), 23,1%. A freqüência de diagnósticos psiquiátricos na vida, excluindo-se os decorrentes de álcool e tabaco, foi de 26,2%. Os imigrantes coreanos apresentam mais transtornos psiquiátricos do que a população coreana na Coréia, especialmente transtorno de estresse pós-traumático, e uma taxa semelhante à encontrada na população brasileira. As autoridades de saúde mental devem promover uma integração mais saudável por meio de programas culturalmente sensíveis aos imigrantes coreanos.

    Abstract in English:

    This study investigated the frequency of lifetime mental disorders among Korean immigrants in the city of São Paulo, Brazil. Snowball sampling with multiple focuses was used to recruit Korean immigrants older than 18 years and living in São Paulo. A total of 324 Korean immigrants were selected and their mental status was evaluated using a structured interview, namely the Portuguese or the Korean version of the Composite International Diagnostic Interview 2.1. The diagnoses of mental disorders were made according to the ICD-10. The frequency of any lifetime psychiatric disorder was 41.9%. The frequencies of main disorders were: anxiety disorder, 13% (post-traumatic stress disorder, 9.6%); mood disorder, 8.6%; somatoform disorders, 7.4%; dissociative disorder, 4.9%; psychotic disorder, 4.3%; eating disorder, 0.6%; any substance (tobacco, alcohol, drugs) use disorder, 23.1%. The frequency of any psychiatric disorder except alcohol and tobacco use disorders was 26.2%. Korean immigrants have more psychiatric disorders than the Korean population in Korea, particularly post-traumatic stress disorder, and almost the same rate as the Brazilian population. Mental health authorities should promote a healthier integration and the development of culturally sensitive mental health programs for Korean immigrants.
  • Epidemiological surveillance at the municipal level: evaluation of the degree of implementation Artigo

    Bezerra, Luciana Caroline Albuquerque; Freese, Eduardo; Frias, Paulo Germano de; Samico, Isabella; Almeida, Cínthia Kalyne Alves de

    Abstract in Portuguese:

    O objetivo deste estudo foi avaliar o grau de implantação da vigilância epidemiológica na Secretaria Municipal de Saúde do Recife, Pernambuco, Brasil. A estratégia do trabalho consistiu num estudo de caso utilizando-se uma abordagem normativa. Foi delineado o modelo lógico da vigilância epidemiológica, a partir do qual foram selecionados critérios que compuseram uma matriz submetida a especialistas usando-se a técnica de consenso - método Delphos. Essa matriz consensuada originou os questionários das entrevistas. Foram abordados três níveis de análise: nível central, 6 distritos sanitários e 62 equipes de saúde da família. O estudo revelou que a vigilância epidemiológica está parcialmente implantada no município, a partir do grau de implantação dos três níveis de análise, sendo o nível central o único em que a vigilância epidemiológica encontra-se implantada, enquanto que nos distritos sanitários e nas equipes de saúde da família está parcialmente implantada. Em que pese a descentralização das ações de vigilância epidemiológica para os municípios, os níveis do sistema municipal possuem necessidades diferenciadas para atender ao que está normatizado, entre elas, a elaboração de normas internas especificando as atribuições dos três níveis.

    Abstract in English:

    This study's objective was to evaluate the degree of implementation of epidemiological surveillance activities by the Municipal Health Secretariat in Recife, Pernambuco State, Brazil. The design consisted of a case study with a normative approach. The logical model for epidemiological surveillance was outlined as the basis for selecting criteria that comprised a matrix submitted to specialists using the consensus technique or Delphi Method. This consensual matrix was used as the basis for the questionnaires used in the interviews. Three analytical levels were approached: the central level, 6 health districts, and 62 family health teams. According to the study, epidemiological surveillance has been partially implemented in the municipality, based on the degree of implementation at the three levels (already implemented at the central level and partially implemented in the health districts and family health teams). Despite the decentralization of epidemiological surveillance activities to the municipalities, different levels in the municipal system have different needs in dealing with the standards and norms, including the elaboration of internal guidelines to define responsibilities at the three levels.
  • Assessment of reproducibility and validity of a food frequency questionnaire in a sample of adults living in Porto Alegre, Rio Grande do Sul State, Brazil Artigo

    Zanolla, Anelise Fernanda; Olinto, Maria Teresa Anselmo; Henn, Ruth Liane; Wahrlich, Vivian; Anjos, Luiz Antonio dos

    Abstract in Portuguese:

    O estudo avaliou a reprodutibilidade e a validade relativa de um questionário de freqüência alimentar (QFA) em 83 indivíduos adultos, do Sul do Brasil. Utilizou-se o coeficiente de correlação Intraclasse (ICC), classificação em quartos de ingestão pelo QFA e IR24h e índice Kappa ponderado. Os nutrientes foram log transformados e corrigidos para calorias. A atenuação nas correlações foi corrigida pela variabilidade intrapessoal. Para a reprodutibilidade, os valores das correlações variaram de 0,44 (IC95%: -0,19-0,76) a 0,83 (IC95%: 0,72-0,90) para carboidrato e vitamina C, respectivamente. No estudo de validade, os coeficientes deatenuados variaram de 0,23 (IC95%: -0,22-0,61) a 0,86 (IC95%: 0,21-1,16) para a vitamina A e lipídeos, no QFA1, e de 0,50 (IC95%: -016-0,91) a 0,95 (IC95%: 0,79-1,05) para vitamina A e energia, no QFA2. O índice Kappa ponderado apresentou valor mais baixo para o cálcio (0,10; IC95%: 0,00-0,26) e valores mais altos para vitamina C no QFA1 (0,38; IC95%: 0,23-0,53) e energia no QFA2 (0,38; IC95%: 0,24-0,52). Os resultados indicam reprodutibilidade satisfatória para todos os nutrientes, com exceção do carboidrato, e validade relativa razoável, especialmente para os macronutrientes e vitamina C.

    Abstract in English:

    The reproducibility and validity of a Food Frequency Questionnaire (FFQ) was evaluated in 83 adults living in a State capital in southern Brazil. The reproducibility and validity were tested with intra-class correlation coefficients (ICC). Mean nutrient intakes from three 24-hour dietary recalls (24hDR) were compared to mean intakes from each FFQ (FFQ1 and FFQ2), adjusted for energy intake and within-person variation. Nutrients were categorized into quartiles and assessed using weighted kappa statistics. Mean ICC for the test-retest FFQ ranged from 0.44 (95%CI: -0.19-0.76) to 0.83 (95%CI: 0.72-0.90) for energy-adjusted carbohydrate and vitamin C intakes, respectively. Mean ICC, energy-adjusted and corrected for within-person variability, ranged from 0.23 (95%CI: -0.22-0.61) to 0.86 (95%CI: 0.21-1.16) for vitamin A and lipids for the FFQ1, and 0.50 (95%CI: -0.16-0.91) to 0.95 (95%CI: 0.79-1.05) for vitamin A and energy for the FFQ2. For the FFQ1, calcium showed the lowest weighted kappa value (0.10; 95%CI: 0.00-0.26), while vitamin C (0.38; 95%CI: 0.23-0.53) and total energy (0.38; 95%CI: 0.24-0.52) had the highest weighted kappa for the FFQ2. The FFQ showed good reproducibility and reasonable relative validity.
  • Acute intentional and accidental poisoning with medications in a southern Brazilian city Article

    Margonato, Fabiana Burdini; Thomson, Zuleika; Paoliello, Monica Maria Bastos

    Abstract in Portuguese:

    A proliferação do mercado farmacêutico no século XX propiciou mudanças importantes no consumo de medicamentos em todo o mundo. O objetivo do presente estudo foi analisar as intoxicações medicamentosas agudas intencionais e não intencionais segundo fatores relacionados ao intoxicado, à intoxicação e ao medicamento envolvido. Trata-se de um estudo transversal, com coleta de dados secundários referentes a todos os casos de intoxicações medicamentosas agudas notificadas em 2003 e 2004 pelo Centro de Controle de Intoxicações do Hospital Universitário Regional de Maringá, Paraná, Brasil. Foram estudados 546 casos de intoxicações medicamentosas agudas. O sexo feminino foi o mais acometido nos casos intencionais (79,8%), e a faixa etária de 0-9 anos foi predominante entre as intoxicações não intencionais (51,9%). Os medicamentos mais freqüentemente envolvidos foram os de ação no sistema nervoso central (57,2%), com predomínio de fármacos que requerem retenção de receita na dispensação, principalmente entre os casos intencionais (66,2%). Os resultados evidenciaram as características das intoxicações medicamentosas agudas em Maringá, confirmando a necessidade da implantação de medidas preventivas que contribuam para a utilização racional de medicamentos.

    Abstract in English:

    The expansion of the pharmaceutical market in the 20th century led to important changes in the consumption of medications worldwide. The objective of the current study was to analyze acute intentional and accidental poisoning with medications according to factors related to the individual, the poisoning, and the drug involved. This was a cross-sectional study that collected secondary data on all cases of acute poisoning with medications reported from 2003 to 2004 by the Poison Control Center at the Regional University Hospital in Maringá, Paraná State, Brazil. We studied a total of 546 cases of acute poisoning with medications. Females predominated among intentional cases (79.8%), and the 0-9-year age bracket was the most common among accidental cases (51.9%). The most frequently involved drugs were those acting on the central nervous system (57.2%), predominantly those requiring controlled prescriptions, especially among the intentional cases (66.2%). The results demonstrate the characteristics of acute poisoning from medications in Maringá, confirming the need for preventive measures that contribute to the rational use of medications.
  • Meanings and use of educational materials on Hansen disease according to public health officials in the Municipality of Rio de Janeiro, Brazil Artigo

    Kelly-Santos, Adriana; Monteiro, Simone; Rozemberg, Brani

    Abstract in Portuguese:

    O artigo objetiva refletir sobre os processos comunicativos de Programas de Controle de Hanseníase (PCH) do Sistema Único de Saúde (SUS), por meio da análise da recepção de materiais educativos por profissionais de dois serviços de saúde pública no Rio de Janeiro, Brasil. O trabalho discute em que medida a análise de impressos favorece a negociação dos sentidos e das práticas sobre hanseníase vigentes nos PCH. Foram analisados 38 materiais produzidos entre 1993 a 2005, por instituições governamentais e não-governamentais e realizados dois grupos focais com profissionais atuantes no PCH. Durante os grupos focais 6 materiais foram examinados. Os resultados revelaram a verticalidade e fragmentação nos processos comunicativos, expressas pela: ênfase em campanhas, produção centralizada, homogeneização dos públicos e conteúdos e privilégio dado ao saber biomédico. As atividades horizontais e participativas não eram comuns. Foi identificada uma lacuna entre a institucionalização do discurso da hanseníase, como alternativa à terminologia da lepra, e a sua circulação e consumo entre os diferentes atores sociais.

    Abstract in English:

    This article reflects on the communications processes in the Hansen Disease Control Programs under the Unified National Health System (SUS) in Brazil, analyzing how professionals at two public health services in Rio de Janeiro perceive the educational materials on the disease. The article discusses how analysis of printed materials favors negotiation of prevailing meanings and practices on Hansen disease in the programs. Thirty-eight different educational materials were analyzed (produced from 1993 to 2005 by governmental and nongovernmental institutions) through two focus groups with program staff. Six materials were examined during the focus groups. The findings showed the communications processes are vertical and fragmented, with an emphasis on campaigns, centralized production of materials, homogenization of target publics, and a focus on biomedical knowledge. Horizontal and participatory activities were uncommon. A gap was identified between the institutionalization of the discourse on Hansen disease as an alternative to leprosy terminology and its circulation and uptake among different social actors.
  • Impact of immunization measures by the Family Health Program on infant mortality from preventable diseases in Olinda, Pernambuco State, Brazil Artigo

    Guimarães, Tânia Maria Rocha; Alves, João Guilherme Bezerra; Tavares, Márcia Maia Ferreira

    Abstract in Portuguese:

    Este artigo aborda o impacto do Programa Saúde da Família (PSF) na saúde infantil no Município de Olinda, Pernambuco, Brasil, por meio da avaliação da vacinação e mortalidade infantil por causas evitáveis. Realizou-se um estudo de série temporal com os dados dos principais sistemas de informação em saúde, usando-se a análise dos indicadores ex-ante e ex-post da implantação do PSF, em 1995. A variável independente foi o ano de nascimento relacionado com grau de cobertura da população pelo PSF. Analisou-se três períodos: 1990/1994 (anterior), 1995/1996 (implantação: cobertura de 0% a 30%), 1997/2002 (intervenção: cobertura de 38,6% a 54%). A tendência dos indicadores foi analisada pela regressão linear simples, sendo testada a significância pelo teste t. No período de implantação houve aumento de todas as médias das coberturas vacinais (176% BCG, 223% pólio, 52% DPT, 61% sarampo) e redução da mortalidade infantil por causas evitáveis (12,7 óbitos/ano), mesmo não havendo diminuição da pobreza absoluta no município ou aumento das coberturas das redes públicas de saúde nem de esgotamento. A melhoria nos indicadores demonstra a efetividade das ações do PSF no município.

    Abstract in English:

    This article analyzes the impact of the Family Health Program (FHP) on infant health in Olinda, Pernambuco State, Brazil, evaluating immunization and infant mortality from vaccine-preventable diseases. A time-series study was conducted with data from the principal health information systems, analyzing indicators before and after implementation of the FHP in 1995. The independent variable was year of birth, related to degree of population coverage by the FHP. Three periods were analyzed: 1990-1994 (prior), 1995-1996 (implementation phase: 0 to 30% coverage), and 1997-2002 (intervention: coverage of 38.6% to 54%). Trends in the indicators were analyzed by simple linear regression, testing significance with the t test. During the implementation period there was an increase in all the vaccination coverage rates (176% BCG, 223% polio, 52% DPT, 61% measures) and a decrease in infant mortality from preventable diseases (12.7 deaths/year), even without a decrease in absolute poverty in the municipality or an increase in either coverage by the public health care system or the sewage system. Improvement in the indicators demonstrates the effectiveness of FHP actions in the municipality.
  • Factors associated with anemia in children and adolescents in public schools in Salvador, Bahia State, Brazil Artigo

    Borges, Cristiane Queiroz; Silva, Rita de Cássia Ribeiro; Assis, Ana Marlúcia Oliveira; Pinto, Elizabete de Jesus; Fiaccone, Rosemeire Leovigildo; Pinheiro, Sandra Maria Conceição

    Abstract in Portuguese:

    Trata-se de um estudo para avaliar os fatores associados à anemia. Participaram deste estudo 1.013 indivíduos com idade entre 7 e 14 anos, matriculados na rede pública de ensino em Salvador, Bahia, Brasil. Os participantes foram submetidos a exame de sangue para dosagem de hemoglobina, exame antropométrico e obtiveram-se informações sobre consumo alimentar e condições sócio-econômicas, domiciliares e ambientais da família, além do cuidado materno dispensado à criança. Foi detectada uma prevalência de 24,5% de anêmicos entre os participantes, com valor médio dos níveis de hemoglobina de 12,68g/dL, concentração mínima de 7,7g/dL e máxima de 16,8g/dL. A anemia foi significativamente associada à inadequação crescente de consumo de ferro biodisponível (ORadequação entre 50% a 99,9% = 1,57; IC95%: 1,07-2,29;p = 0,020 e ORadequação < 50% = 1,68; IC95%: 1,10-2,56; p = 0,016) e à renda familiar menor do que 1 salário mínimo (OR = 1,42; IC95%: 1,03-1,96; p = 0,035). A prevalência de anemia em crianças e adolescentes é elevada, especialmente em indivíduos mais pobres e com baixo consumo de ferro biodisponível.

    Abstract in English:

    This study aimed to assess factors associated with anemia in schoolchildren. All subjects (N = 1,013; age 7-14 yrs.) were students enrolled in the public school system in Salvador, Bahia State, Brazil. Blood tests were done to determine hemoglobin levels, anthropometric data were collected, and a 24-hour food recall was performed. The study also gathered socioeconomic, environmental, and household data, as well as information on care by the mother. Anemia was detected in 24.5% of subjects, with mean hemoglobin of 12.68g/dL (range 7.7g-16.8g/dL). Anemia was significantly associated with inadequate intake of bioavailable iron (OR50-99.9% adequacy = 1.57; 95%CI: 1.07-2.29; p = 0.020 and OR< 50% adequacy = 1.68; 95%CI: 1.10-2.56; p = 0.016) and family income below 1 minimum wage (OR = 1, 42; 95%CI: 1.03-1.96; p = 0.035). Anemia prevalence in children and adolescents was high, especially among the poorest subjects and those with low intake of bioavailable iron.
  • Access by hearing-disabled individuals to health services in a southern Brazilian city Artigo

    Freire, Daniela Buchrieser; Gigante, Luciana Petrucci; Béria, Jorge Umberto; Palazzo, Lílian dos Santos; Figueiredo, Andréia Cristina Leal; Raymann, Beatriz Carmen Warth

    Abstract in Portuguese:

    Este estudo transversal, de base populacional, tem como objetivo comparar o acesso dos portadores de deficiência auditiva incapacitante a serviços assistenciais e de prevenção com os ouvintes de Canoas, Rio Grande do Sul, Brasil. A amostra incluiu 1.842 pessoas com 15 anos ou mais, sendo a maioria mulheres (52,9%). A renda individual de dois salários mínimos ou mais foi a mais freqüente (42,7%). As pessoas com deficiência auditiva incapacitante tiveram 30% maior probabilidade de ter consultado nos dois meses anteriores à entrevista (RP = 1,3, IC95%: 1,10-1,51) e ter sido internado nos 12 meses anteriores à entrevista (RP = 2,1, IC95%: 1,42-3,14). Nas variáveis relativas à saúde mental, os deficientes auditivos tiveram 1,5 mais probabilidade de terem consultado para problemas de nervos (IC95%: 1,18-1,95) e 4,2 mais probabilidades de terem sido internados em hospital psiquiátrico que os ouvintes (IC95%: 2,17-8,16). Assim como encontrado na literatura, as mulheres deficientes auditivas realizaram menos auto-exame das mamas e exame citopatológico de colo uterino. Os dados encontrados indicam a necessidade de investir em educação em saúde e campanhas específicas para o grupo de pessoas investigado.

    Abstract in English:

    This cross-sectional study aimed to compare access to health services and preventive measures by persons with hearing disability and those with normal hearing in Canoas, Rio Grande do Sul State, Brazil. The sample included 1,842 individuals 15 years or older (52.9% of whom were females). The most frequent income bracket was twice the minimum wage or more, or approximately U$360/month (42.7%). Individuals with hearing disability were more likely to have visited a physician in the previous two months (PR = 1.3, 95%CI: 1.10-1.51) and to have been hospitalized in the previous 12 months (PR = 2.1, 95%CI: 1.42-3.14). Regarding mental health, individuals with hearing disability showed 1.5 times greater probability of health care due to mental disorders and 4.2 times greater probability of psychiatric hospitalization as compared to those with normal hearing. Consistent with other studies, women with hearing disability performed less breast self-examination and had fewer Pap smears. The data indicate the need to invest in specific campaigns for this group of individuals with special needs.
  • Community health agents' work process and restructuring Artigo

    Ferreira, Vitória Solange Coelho; Andrade, Cristina Setenta; Franco, Túlio Batista; Merhy, Emerson Elias

    Abstract in Portuguese:

    O presente estudo analisa a produção do cuidado pelo agente comunitário de saúde (ACS) na Saúde da Família, tendo como marcadores seu processo de trabalho, as tecnologias de cuidado e a caracterização da reestruturação produtiva. Teve como estratégia de pesquisa o estudo de caso e como fonte de coleta de dados a entrevista semi-estruturada e o grupo focal. Foram utilizados instrumentos do método cartográfico. Os resultados apontam para utilização extensiva de tecnologias leves e leve-duras na produção do cuidado, sustentada por um trabalho que teve como principal insumo o conhecimento adquirido pelo ACS na relação que estabelece com a família. Apesar de realizar um cuidado centrado no trabalho vivo em ato, governando ele mesmo suas ações e guiado por sua subjetividade, seu trabalho é subsumido pela lógica do modelo hegemônico, configurando uma permanente disputa em relação ao seu processo de trabalho. No que pese sua prática cuidadora e seu manejo acolhedor, não consegue contaminar a equipe que se encontra aprisionada pelo trabalho morto, instituído e organizado, dificultando o processo de reestruturação produtiva.

    Abstract in English:

    The current study analyzes the care provided by community health agents in the Family Health Program in Brazil, as characterized by their work process, the techniques they employ, and restructuring of their work. The research adopted a case study design, and data were collected with semi-structured interviews and focus groups. Instruments from the mapping method were used. The results indicate the extensive use of soft and soft-hard technologies in the production of care, backed by work in which the main input was the knowledge acquired by community health agents in the relationship established with target families. Although care centered on live work, in the act, where the community health agents determined their own actions, guided by their subjectivity, their work was subsumed by the logic of the hegemonic model, constituting an on-going dispute in relation to their work process. Despite their care and receptive management, community health agents were unable to "contaminate" the FHP team, shackled by defunct, established, organized work, thus hindering the restructuring process.
  • Evaluation of the Chagas Disease Control Program and presence of Panstrongylus megistus in central-western Minas Gerais State, Brazil Artigo

    Villela, Marcos Marreiro; Souza, Janice Maria Borba de; Melo, Vicente de Paula; Dias, João Carlos Pinto

    Abstract in Portuguese:

    Atualmente o Programa de Controle da Doença de Chagas (PCDCh) brasileiro está na etapa da vigilância epidemiológica, restando como um dos principais desafios à manutenção e ao aprimoramento desta vigilância. Com o processo de descentralização das ações de saúde, que promoveu a transferência das responsabilidades do controle das endemias para os Estados e municípios, algumas entidades municipais passaram a enfrentar dificuldades na execução do PCDCh visto não terem tradição no controle desta endemia. O presente trabalho objetivou avaliar a situação atual da vigilância epidemiológica da doença de Chagas em 54 municípios da região centro-oeste de Minas Gerais, com vistas à avaliação e ao aprimoramento do processo. No período de julho de 2003 até junho de 2007, foram realizadas 776 capturas, contabilizando 1.390 triatomíneos, provenientes de 37 municípios. A espécie prevalente foi Panstrongylus megistus (99,3% das capturas). A positividade para flagelados semelhantes ao Trypanosoma cruziatingiu 8,3%. A distribuição das capturas mostrou diferenças entre os municípios, e alguns motivos para as mesmas são discutidos no decorrer deste artigo. No conjunto, os dados recomendam fortemente a continuidade e aprimoramento da vigilância epidemiológica na área em questão.

    Abstract in English:

    The Brazilian National Chagas Disease Control Program (PCDCh) is currently in the epidemiological surveillance phase and poses one of the principal challenges for maintaining and improving surveillance. With the decentralization of health actions, leading to the transfer of responsibilities over the control of endemic diseases to the State and Municipal governments, some municipalities have faced difficulties in implementing the Program, since they lack experience in controlling this disease. This study analyzes the current situation with epidemiological surveillance of Chagas disease in 54 municipalities (counties) in central-western Minas Gerais State, with a view towards evaluation and improvement of the process. From July 2003 to July 2007, 776 captures were performed, totaling 1,390 triatomine bugs from 37 municipalities. The most prevalent species was Panstrongylus megistus (99.3% of the specimens captured). A total of 8.3% of the specimens were positive for Trypanosoma cruzi-like flagellates. Distribution of the specimens differed between municipalities, and the article discusses some reasons for these differences. As a whole, the findings strongly suggest the need to improve Chagas disease epidemiological surveillance in the region.
  • A population-based study on factors associated with performance on the Mini-Mental State Examination in the elderly: the Bambuí Study Artigo

    Valle, Estevão Alves; Castro-Costa, Érico; Firmo, Josélia O. A.; Uchoa, Elizabeth; Lima-Costa, Maria Fernanda

    Abstract in Portuguese:

    O objetivo deste trabalho foi examinar os fatores associados ao desempenho no Mini Exame do Estado Mental (MEEM) entre idosos com baixa escolaridade. Participaram deste estudo transversal 1.558 indivíduos com > 60 anos residentes na cidade de Bambuí, Minas Gerais, Brasil. Foi utilizada a regressão logística ordinal para investigar as associações existentes entre escores do MEEM e características selecionadas. Os escores foram estratificados em percentis: abaixo do 5º (< 13), entre o 5º e abaixo do 25º (14-21) e quartis superiores (> 22). Associações positivas e independentes com o pior desempenho no MEEM foram observadas para faixa etária > 80 anos (OR = 2,20; IC95%: 1,52-3,48), sexo masculino (OR = 2,20; IC95%: 1,52-3,38), escolaridade < 4 anos (OR = 5,92; IC95%: 3,92-8,94), não possuir cônjuge (OR = 1,91; IC95%: 1,39-2,62), consumo de vegetais < 5 vezes por semana (OR = 1,94; IC95%: 1,39-2,62) e sintomas depressivos (OR = 1,94; IC95%: 1,46-2,56). Os resultados indicam que os idosos com pior desempenho no MEEM eram aqueles que possuíam outros marcadores de vulnerabilidade.

    Abstract in English:

    The aim of this study was to examine factors associated with cognitive functioning in community-dwelling older adults with low schooling. 1,588 subjects residing in Bambuí, Minas Gerais State, Brazil, and aged > 60 years participated in this cross-sectional study. Multivariate ordinal logistic regression was used to assess associations between exploratory variables and the Mini-Mental State Examination score (MMSE): < 13 (below the 5th percentile), 14-21 (between the 5th percentile and the lowest quintile), and > 22. Lower MMSE scores were significantly and independently associated with age > 80 years (OR: 2.20; 95%CI: 1.52-3.48), male gender (OR: 2.20; 95%CI: 1.52-3.38), < 3 complete years of schooling (OR: 5.92; 95%CI: 3.92-8.94), lack of spouse (OR: 1.91; 95%CI: 1.39-2.62), vegetable and fruit consumption less than 5 times a week (OR: 1.94; 95%CI: 1.39-2.62), and depressive symptoms (OR: 1.94; 95%CI: 1.39-2.62). The results suggest that individuals with poor MMSE performance also have other markers of vulnerability.
  • Health policy and management in the (re)construction of the Unified National Health System (SUS) in a large municipality: a case study of São Paulo, Brazil Artigo

    Pinto, Nicanor R. S.; Tanaka, Oswaldo Yoshimi; Spedo, Sandra Maria

    Abstract in Portuguese:

    O processo de (re)construção do SUS no Município de São Paulo, Brasil, foi analisado, no período de 2001- 2008, por meio de estudo de caso, utilizando-se distintas fontes: documentos; entrevistas com informantes-chave e observação participante. Os conceitos de política de saúde e de gestão em saúde foram utilizados na qualidade de categorias analíticas. Foram selecionadas e analisadas apenas políticas priorizadas pela gestão iniciada em 2001 e que tiveram sustentação até 2008. Discutem-se desafios para a (re)construção do SUS no município relacionados com o contexto político-institucional e com mudanças de estrutura implementadas. As reorganizações da Secretaria Municipal de Saúde de São Paulo propiciaram a constituição e manutenção de dois subsistemas municipais, um hospitalar e outro ambulatorial. Negociações entre os governos municipal, estadual e federal não avançaram para que o município assumisse a gestão de fato de todo sistema de saúde, constatando-se a coexistência de três subsistemas públicos de saúde paralelos: dois municipais e um estadual. A sustentação política do Programa Saúde da Família foi associada ao fato de que esse programa não se constituiu como marca da primeira gestão municipal e, ainda, de ser política prioritária e estimulada pelo governo federal.

    Abstract in English:

    The (re)construction of the Unified National Health System (SUS) in the Municipality of São Paulo, Brazil, from 2001 to 2008 was analyzed by means of a case study, using different sources: documents, interviews with key informants, and participant observation. Health policy and health management were used as the analytical categories. The study selected and analyzed only the policies that were prioritized by the administration that took office in 2001 and that were maintained until 2008. The article discusses challenges for (re)construction of the SUS in São Paulo, related to the political and institutional context and including the structural changes as implemented. Reorganization of the Municipal Health Secretariat in São Paulo enabled constituting and maintaining two municipal subsystems (one hospital-based and the other outpatient). Negotiations between the Municipal, State, and Federal levels failed to make headway in order for the city of São Paulo to assume the de facto management of the entire health system, so that three public health subsystems coexisted (two Municipal and one State). The Family Health Program was sustained politically, mainly because it was a Federal government priority and was not a trademark of the first Municipal administration.
  • Abortion: 20 years of Brazilian research Nota

    Diniz, Debora; Corrêa, Marilena; Squinca, Flávia; Braga, Kátia Soares
  • Saúde bucal coletiva: implementando idéias, concebendo integralidade Resenhas

    Rebelo, Maria Augusta Bessa
  • Ética em pesquisa: temas globais Resenhas

    Yannoulas, Silvia Cristina
Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca, Fundação Oswaldo Cruz Rua Leopoldo Bulhões, 1480 , 21041-210 Rio de Janeiro RJ Brazil, Tel.:+55 21 2598-2511, Fax: +55 21 2598-2737 / +55 21 2598-2514 - Rio de Janeiro - RJ - Brazil
E-mail: cadernos@ensp.fiocruz.br