Consumo de barras de cereais com quinoa (Chenopodium quinoa W.) para reduzir fatores de risco de doenças cardiovasculares

A quinoa é considerada um pseudocereal com proteínas de alto valor biológico, carboidratos de baixo índice glicêmico, fitosteróis e ácidos graxos ômega 3 e 6. O objetivo deste trabalho foi verificar os efeitos da quinoa no perfil bioquímico e antropométrico e pressão arterial em humanos, parâmetros dos fatores de risco para doenças cardiovasculares. Vinte e dois estudantes com 18 a 45 anos de idade foram tratados diariamente, por 30 dias, com quinoa sob a forma de barra de cereal. As amostras de sangue foram coletadas antes e após os 30 dias do tratamento para determinar o perfil glicêmico e bioquímico do grupo. Os resultados mostraram efeitos positivos do uso da quinoa já que se observou redução significativa nos valores de colesterol total, triglicerídeos e LDL-c. Conclui-se que o uso da quinoa na alimentação pode ser considerado benéfico na prevenção e tratamento de fatores de risco de doenças cardiovasculares que estão entre a principais causas de morte no mundo globalizado, embora sejam necessários mais estudos para comprovação dos benefícios observados.

quinoa; doenças cardiovasculares; barra de cereal


Sociedade Brasileira de Ciência e Tecnologia de Alimentos Av. Brasil, 2880, Caixa Postal 271, 13001-970 Campinas SP - Brazil, Tel.: +55 19 3241.5793, Tel./Fax.: +55 19 3241.0527 - Campinas - SP - Brazil
E-mail: revista@sbcta.org.br