Editorial

Jaime Amaya Farfan

Editorial

Jaime Amaya Farfan

Ao finalizar o segundo ano de atividades da atual Comissão Editorial, a Sociedade Brasileira de Ciência e Tecnologia de Alimentos entrega a seus sócios o terceiro fascículo do volume 22 da revista Ciência e Tecnologia de Alimentos, com um total de 20 artigos. É motivo de grande satisfação para todos ter sido possível encaminhar aos associados cada um dos três últimos fascículos, rigorosamente dentro do período quadrimestral estabelecido para o periódico, fato sem precedentes na história da sbCTA. Trata-se de um empenho da Diretoria da Sociedade e da Comissão Editorial, no sentido de reorganizar e agilizar o processo de revisão com a concomitante adoção de técnicas modernas para a confecção da Revista.

Todos sabemos das várias etapas e operações necessárias para a produção de uma publicação científica de alto gabarito. No atual contexto, entretanto, merecem destaque a qualidade e ineditismo dos artigos e, em particular, a pontualidade de cada edição. No aprimoramento e manutenção da qualidade dos trabalhos publicados, a atuação decisiva do corpo editorial e dos revisores continua sendo de vital importância. Se para a Sociedade a manutenção de uma revista bem conceituada é motivo de orgulho, seu padrão de qualidade será motivo de estímulo e recíproco reconhecimento entre os autores. Para tanto, os revisores devem necessariamente ser críticos e exigentes, submetendo cada contribuição a um crivo, que vise a seleção do melhor e, sempre que possível, proporcione ainda seu aprimoramento. É por essa razão que nos periódicos de prestígio internacional o Editor Chefe e seus associados mantêm constante e direto envolvimento no processo de seleção dos trabalhos. A contribuição individual de todo revisor é normalmente avaliada pelo Editor. Essa atuação chega ao extremo de desconsiderar pareceres que não atendam aos padrões da revista. Por tudo isso, é desejável para o processo que o revisor ao receber a solicitação para a emissão de um parecerdeva-se auto-questionar se gostaria de ver um artigo de sua autoria publicado no mesmo periódico.

Os periódicos científicos de qualidade internacional, geralmente são estruturados contemplando dois setores independentes, a saber: o primeiro, de caráter técnico-científico, se constitui da Comissão Editorial e seu corpo de revisores e, o segundo, formado de equipe distinta de revisores especializados de texto e um número de técnicos em diagramação e operadores das oficinas gráficas, que é responsável pela produção. A sbCTA não está estruturada de tal forma, tendo por essa razão que realizar a revisão dos textos na segunda fase, além de contratar os serviços de terceiros necessários para a produção e, ao mesmo tempo, manter a supervisão geral em todos os estágios. Este procedimento certamente poupa recursos financeiros à Sociedade aumentando consideravelmente, no entanto, o trabalho para a mesma equipe que se encontra simultaneamente comprometida nas atividades decisórias das etapas iniciais do processo. Em anos anteriores, os Editores da Revista, invariavelmente optaram por negligenciar algumas características qualitativas, dando prioridade à manutenção dos critérios que foram considerados como mais importantes. Entretanto, muitas mudanças ocorreram nos critérios de indexação nos últimos quinze anos que resultaram em maiores exigências, em parte devidas à crescente competitividade entre os periódicos.

As novas metas de C&TA são consoantes com as exigências das agências de indexação, que consideram como não-negociável o parâmetro pontualidade. Isto significa que, além de manter a qualidade dos artigos, em hipótese alguma, se permitirá aos editores de uma revista indexada que um fascículo seja encaminhado aos seus assinantes com atraso, por mínimo que seja. É imprescindível, portanto, o cumprimento simultâneo de todos os parâmetros de qualidade, o que, sem dúvida significa maiores responsabilidades e mais trabalho.

A Revista, no final do ano de 2002, completa com o fascículo 22(3) um ano de trajetória impecável no cumprimento das exigências de indexação impostas pelo ISI. Cada novo Editor e sua equipe devem assumir a responsabilidade de que a indexação é importante para C&TA e todos os autores que nela publicam. Por esta razão, o trabalho executado pela Comissão Editorial somente poderia continuar dependendo da atuação e envolvimento de profissionais com amplo conhecimento nas diversas áreas, detentores de habilidade especial para essa modalidade de gestão e ainda, que mostrem disponibilidade de tempo suficiente, visando garantir o novo padrão de qualidade para o que pode se consolidar como o maior periódico científico na área de ciência e tecnologia de alimentos da América Latina.

Datas de Publicação

  • Publicação nesta coleção
    30 Mar 2004
  • Data do Fascículo
    Dez 2002
Sociedade Brasileira de Ciência e Tecnologia de Alimentos Av. Brasil, 2880, Caixa Postal 271, 13001-970 Campinas SP - Brazil, Tel.: +55 19 3241.5793, Tel./Fax.: +55 19 3241.0527 - Campinas - SP - Brazil
E-mail: revista@sbcta.org.br