Estudo comparativo entre interacionismo sociodiscursivo e linguística sistêmico-funcional

Comparative study between socio-discursive interactionism and systemic functional linguistics

Aliny Sousa MENDES Wagner Rodrigues SILVA Paulo da Silva LIMA Sobre os autores

RESUMO

Apresentamos, neste artigo, um estudo comparativo entre as abordagens teóricas desenvolvidas no Interacionismo Sociodiscursivo (ISD) e na Linguística Sistêmico-Funcional (LSF). Objetivamos identificar as semelhanças e/ou diferenças entre essas duas correntes teóricas, visto que ambas têm contribuído significativamente para os estudos linguísticos desenvolvidos no Brasil, seja no campo teórico ou aplicado. Embasamo-nos, principalmente, em Bronckart (2003BRONCKART, Jean-Paul. 2003. Atividade de linguagem, textos e discursos: por um Interacionismo sócio-discursivo. Trad. Anna Raquel Machado, Péricles Cunha. São Paulo: EDUC.; 2013_____. 2013. The language system at the heart of the systems make up the human being. In: Gouveia, Carlos; Alexandre, Marta Filipe. Languages, metalanguages, modalities, cultures: functional and socio-discursive perspectives. Lisboa: BonD & ILTEC. p. 65-84.), e Halliday e Matthiessen (2014)_____; MATTHIESSEN, Christian. 2014. An Introduction to Functional Grammar. Hodder Education. . Os resultados da pesquisa demonstram que há semelhanças entre as duas correntes teóricas na forma como ambas concebem a linguagem, em como veem a linguagem em uso e, também, nas suas concepções de texto. Foram identificadas divergências na forma como as teorias linguísticas abordam a questão de tipo de discurso e gênero textual.

Palavras-chave:
Linguística Aplicada; linguagem; gramática; texto

Pontifícia Universidade Católica de São Paulo - PUC-SP PUC-SP - LAEL, Rua Monte Alegre 984, 4B-02, São Paulo, SP 05014-001, Brasil, Tel.: +55 11 3670-8374 - São Paulo - SP - Brazil
E-mail: delta@pucsp.br
Accessibility / Report Error