Dental Press Journal of Orthodontics, Volume: 23, Issue: 6, Published: 2018
  • To William Proffit, a Brazilian farewell Editorial

    Artese, Flávia; Almeida, Marco Antonio de Oliveira
  • Premaxilla: up to which age it remains separated from the maxilla by a suture, how often it occurs in children and adults, and possible clinical and therapeutic implications: Study of 1,138 human skulls Orthodontic Insight

    Trevizan, Mariana; Nelson Filho, Paulo; Franzolin, Solange de Oliveira Braga; Consolaro, Alberto

    Abstract in Portuguese:

    RESUMO Objetivo: avaliar aspectos topográficos e temporais do osso pré-maxilar e da sutura pré-maxilar/maxilar, por serem elementos anatômicos fundamentais pouco explorados clinicamente. Métodos: foram avaliados 1.138 crânios secos humanos, sendo 116 (10,19%) dos espécimes crianças e 1.022 (89,81%) adultos. Os crânios foram fotografados e determinou-se a porcentagem de abertura da sutura pré-maxilar/maxilar. Posteriormente, os dados foram tabulados e submetidos a análise estatística, adotando-se nível de significância de 5%. Resultados: a progressão de fechamento da sutura pré-maxilar/maxilar do nascimento aos 12 anos de idade foi de 3,72% ao ano. Em 100% dos crânios até 12 anos, observou-se a sutura pré-maxilar/maxilar aberta na região palatina, enquanto 6,16% dos adultos apresentavam diferentes graus. Conclusões: a pré-maxila existe de forma independente dentro do complexo maxilar e a presença da sutura pré-maxilar / maxilar justifica o sucesso de expansões anteroposteriores para estimular o crescimento do terço médio da face, solucionando problemas anatômicos e funcionais.

    Abstract in English:

    ABSTRACT Objective: To evaluate topographic and temporal aspects of premaxillary bone and premaxillary-maxillary suture, since they are fundamental anatomical elements little explored clinically. Methods: 1,138 human dry skulls were evaluated, of which 116 (10.19%) of the specimens were children, and 1,022 (89.81%) were adults. The skulls were photographed and the percentage of premaxillary-maxillary suture opening was determined. Subsequently the data were tabulated and submitted to statistical analysis, adopting a level of significance of 5%. Results: The progression of premaxillary suture closure from birth to 12 years of age was 3.72% per year. In 100% of the skulls up to 12 years, the premaxillary-maxillary suture open in the palatal region was observed, while 6.16% of adults presented different degrees of opening. Conclusions: The premaxilla exists in an independent way within the maxillary complex and the presence of the premaxilla-maxillary suture justifies the success of anteroposterior expansions to stimulate the growth of the middle third of the face, solving anatomical and functional problems.
  • An interview with Jeffrey Okeson Interview

    Okeson, Jeffrey; Porto, Felipe Borges; Furquim, Bruno D’Aurea; Feu, Daniela; Sato, Fábio; Cardinal, Lucas
  • Force decay evaluation of latex and non-latex orthodontic intraoral elastics: in vivo study Original Article

    Notaroberto, Daniela Ferreira de Carvalho; Martins, Mariana Martins e; Goldner, Maria Teresa de Andrade; Mendes, Alvaro de Moraes; Quintão, Cátia Cardoso Abdo

    Abstract in Portuguese:

    RESUMO Objetivo: o objetivo deste estudo clínico foi avaliar e comparar o comportamento dos elásticos de látex e não látex quanto à perda de força ao longo do tempo. Método: os pacientes (n = 15) foram avaliados usando ambos os tipos de material (látex e não látex) em cada tempo: 0, 1, 3, 12 e 24 horas. Os elásticos foram transferidos para a máquina de ensaios mecânicos (EMIC DL-500 MF) e os valores de força foram registrados após a distensão dos elásticos a uma distância de 25 mm. Foi aplicado o teste t pareado, e a análise de variância (ANOVA) foi realizada para verificar a variação das forças geradas em todos os tempos estudados. Em seguida, o teste post-hoc LSD (Fisher’s least significant difference) foi aplicado. Resultados: quanto às forças iniciais (tempo zero), os valores de força dos elásticos não látex foram ligeiramente maiores do que dos elásticos de látex. Nos tempos subsequentes, as forças geradas pelos elásticos de látex apresentaram valores superiores às geradas pelos elásticos não látex. Em relação à degradação do material, ao fim do período de 24 horas, o maior percentual foi observado pelos elásticos não látex. Conclusões: os elásticos de látex apresentaram comportamento mais estável durante o período de estudo, em comparação aos não látex.

    Abstract in English:

    ABSTRACT Objective: This clinical study was conducted in order to evaluate force decay over time of latex and non-latex orthodontic intraoral elastics. Methods: Patients (n = 15) were evaluated using latex and non-latex elastics in the periods of : 0, 1, 3, 12 and 24 hours. The rubber bands were transferred to the testing machine (EMIC DL-500 MF), and force values were recorded after stretching the elastic to a length of 25mm. Paired t test was applied and analysis of variance (ANOVA) was used to evaluate the variation of force generated. LSD (Fisher’s least significant difference) post-hoc test was thus employed. Results: As regards the initial forces (zero time), the values of force for non-latex elastic were slightly higher than for the latex elastic. In the subsequent times, the forces generated by the latex elastic showed higher values. Regarding the material degradation, at the end of 24 hours the highest percentage was observed for non-latex elastic. Conclusions: The latex elastics had a more stable behavior during the studied period, compared with non-latex.
  • The maxillary incisor display at rest: analysis of the underlying components Original Article

    Jeelani, Waqar; Fida, Mubassar; Shaikh, Attiya

    Abstract in Portuguese:

    RESUMO Introdução: a exposição dos incisivos superiores é um dos fatores mais importantes na estética do sorriso. Objetivo: o objetivo desse estudo foi determinar a relação entre a exposição dos incisivos superiores em repouso (EISR) e diferentes componentes em tecidos moles, tecidos duros e dentários. Métodos: um estudo transversal foi conduzido com 150 pacientes (75 homens, 75 mulheres), com idades entre 18 e 30 anos. A EISR foi obtida nos registros pré-tratamento ortodôntico. Os seguintes parâmetros foram analisados nas radiografias laterais: ângulo ANB; ângulo do plano mandibular; ângulo do plano palatino; altura facial anterior inferior; altura facial anterior total; inclinação dos incisivos superiores; altura dentoalveolar anterior superior; comprimento, espessura e protrusão do lábio superior. A relação entre a EISR e os diferentes componentes esqueléticos, dentários e em tecidos moles foi analisada por meio de uma análise de regressão linear. Resultados: a EISR média foi significativamente maior nas mulheres do que nos homens (p= 0,011). Foi encontrada correlação positiva significativa entre a EISR e: o ângulo ANB, ângulo do plano mandibular e a altura facial anterior inferior. Uma correlação negativa significativa foi encontrada entre a EISR e o comprimento e a espessura do lábio superior. A análise de regressão linear mostrou que o comprimento do lábio superior foi o maior preditor da EISR, explicando 29,7% das variações na exposição dos incisivos superiores em repouso. Um modelo de regressão linear múltipla baseado no ângulo do plano mandibular, na altura facial anterior inferior, comprimento do lábio superior e espessura do lábio superior explicou cerca de 63,4% das variações na EISR. Conclusões: a exposição dos incisivos em repouso foi, de um modo geral, maior nas mulheres do que nos homens. Múltiplos fatores exercem influência na quantidade da exposição dos incisivos superiores em repouso; porém, o comprimento do lábio superior foi identificado como o maior preditor das variações na EISR.

    Abstract in English:

    ABSTRACT Introduction: Maxillary incisal display is one of the most important attributes of smile esthetics. Objective: The aim of this study was to determine the relationship between maxillary incisal display at rest (MIDR) and various soft tissue, hard tissue and dental components. Methods: A cross-sectional study was conducted on 150 subjects (75 males, 75 females) aged 18-30 years. The MIDR was recorded from the pretreatment orthodontic records. The following parameters were assessed on lateral cephalograms: ANB angle, mandibular plane angle, palatal plane angle, lower anterior and total anterior facial heights, upper incisor inclination, upper anterior dentoalveolar height, and upper lip length, thickness and protrusion. The relationship between MIDR and various skeletal, dental and soft tissue components was assessed using linear regression analyses. Results: The mean MIDR was significantly greater in females than males (p = 0.011). A significant positive correlation was found between MIDR and ANB angle, mandibular plane angle and lower anterior facial height. A significant negative correlation was found between MIDR and upper lip length and thickness. Linear regression analysis showed that upper lip length was the strongest predictor of MIDR, explaining 29.7% of variance in MIDR. A multiple linear regression model based on mandibular plane angle, lower anterior facial height, upper lip length and upper lip thickness explained about 63.4% of variance in MIDR. Conclusions: Incisal display at rest was generally greater in females than males. Multiple factors play a role in determining MIDR, nevertheless upper lip length was found to be the strongest predictor of variations in MIDR.
  • Three-dimensional assessment of external apical root resorption after maxillary posterior teeth intrusion with miniscrews in anterior open bite patients Original Article

    Al-Falahi, Bilal; Hafez, Ahmad Mohammad; Fouda, Maher

    Abstract in Portuguese:

    RESUMO Objetivo: o objetivo desse estudo foi verificar a existência de reabsorção radicular apical externa (RRAE) em dentes posterossuperiores após intrusão ancorada em mini-implantes. Métodos: quinze pacientes (13 mulheres e 2 homens) com a idade variando entre 14,5 e 22 anos (média de 18,1 ± 2,03 anos) foram selecionados para participar desse estudo. Todos os pacientes possuíam mordida aberta anterior de 3mm ou mais. Uma força de 300 gramas foi aplicada em cada lado para intruir os dentes posterossuperiores. Tomografias computadorizadas de feixe cônico (TCFC), adquiridas antes do tratamento e após a intrusão, foram comparadas para se avaliar a RRAE. Resultados: os dentes posterossuperiores foram intruídos em média 2,70 ± 0,46 mm (p< 0,001) em 5,1 ± 1,3 meses, e todas as raízes examinadas mostraram RRAE estatisticamente significativa (p< 0,05), com média de 0,55 mm, exceto pela raiz distovestibular dos primeiros molares permanentes esquerdos, e pelas raízes palatina e vestibular dos primeiros pré-molares esquerdos, que não apresentaram mudanças estatisticamente significativas. Conclusões: os dentes avaliados apresentaram RRAE estatisticamente significativa, a qual, porém, não foi considerada clinicamente significativa, devido à sua reduzida magnitude. Além disso, a TCFC possibilitou uma boa visualização de todas as raízes nos três planos espaciais, e foi eficaz para detecção de níveis mínimos de RRAE.

    Abstract in English:

    ABSTRACT Objective: The objective of this study was to assess the external apical root resorption (EARR) of the maxillary posterior teeth after intrusion with miniscrews. Methods: Fifteen patients (13 females and 2 males) with age ranging from 14.5 to 22 years (mean 18.1 ±2.03 years) were selected to participate in this study. All patients presented with anterior open bite of 3 mm or more. An intrusion force of 300 g was applied on each side to intrude the maxillary posterior teeth. Cone beam computed tomography (CBCT) scans were taken pretreatment and post-intrusion and were analyzed to evaluate the EARR. Results: The maxillary posterior teeth were intruded in average 2.79 ± 0.46 mm (p< 0.001) in 5.1 ± 1.3 months, and all examined roots showed statistically significant EARR (p< 0.05) with an average of 0.55 mm, except the distobuccal root of the left first permanent molars and both the palatal and buccal roots of left first premolars, which showed no statistically significant changes. Conclusions: The evaluated teeth presented statistically significant EARR, but clinically, due to the small magnitude, it was not considered significant. Moreover, the CBCT provided a good visualization of all roots in all three planes, and it was effective in detecting minimal degrees of EARR.
  • Effect of two erosive protocols using acidic beverages on the shear bond strength of orthodontic brackets to bovine enamel Original Article

    Santos, Catielma Nascimento; Matos, Felipe de Souza; Rode, Sigmar de Mello; Cesar, Paulo Francisco; Nahsan, Flávia Pardo Salata; Paranhos, Luiz Renato

    Abstract in Portuguese:

    Resumo Objetivo: avaliar o efeito de curto prazo de dois protocolos de desafio erosivo, in vitro, na resistência adesiva de braquetes ortodônticos metálicos em esmalte bovino. Métodos: Sessenta incisivos bovinos foram selecionados e divididos aleatoriamente em seis grupos: SA7 (saliva artificial - 7 dias, Grupo Controle); CC7 (Coca-Cola® - 7 dias); SL7 (suco de limão - 7 dias); SA30 (saliva artificial - 30 dias, Grupo Controle); CC30 (Coca-Cola® - 30 dias); SL30 (suco de limão - 30 dias). Foi realizado o teste de microdureza antes do desafio erosivo, para verificar a padronização das amostras. A imersão foi realizada quatro vezes ao dia, por cinco minutos, durante 7 ou 30 dias. Finalizadas as imersões, os braquetes foram colados e, após 48 horas, foi avaliada a resistência ao cisalhamento. O Índice de Adesivo Remanescente (IAR) também foi avaliado. Para análise dos dados, foram utilizados os testes ANOVA dois fatores, seguido do post-hoc de Tukey e teste t de Student para amostras pareadas, e o teste não-paramétrico de Kruskal-Wallis (α?#8197;= 5%). Resultados: a média e o desvio-padrão do teste de microdureza das amostras totais foi igual a 281,89 ± 44,51 KHN. Não houve diferença estatisticamente significativa na resistência ao cisalhamento para o fator tempo (7 ou 30 dias; F5,54= 0,105; p= 0,901). Contudo, houve diferença estatisticamente significativa para o fator solução (F5,54=6,671; p= 0,003). Essas diferenças ocorreram entre as soluções de Saliva x Coca-Cola® (p= 0,003) e Coca-Cola® x suco de limão (p= 0,029). Ao avaliar o Índice de Adesivo Remanescente, não foi possível verificar diferença significativa entre os grupos. Conclusões: o tempo de imersão utilizado nos protocolos de erosão não afetou a resistência de união dos braquetes aos dentes. A Coca-Cola® induziu valores de resistência ao cisalhamento significativamente mais altos do que o suco de limão e a saliva artificial. No entanto, os efeitos em curto prazo de 7 e 30 dias, nesse estudo in vitro, não podem ser extrapolados para os estudos in vivo. Estudos clínicos devem ser conduzidos, fundamentando os resultados laboratoriais.

    Abstract in English:

    Abstract Objective: To assess the short-term effect of two in vitro erosive challenge protocols on the bond strength of metal orthodontic brackets on bovine enamel. Methods: Sixty bovine incisors were selected and randomly divided into six groups: AS7 (artificial saliva - 7 days, Control Group); CC7 (Coca-Cola™ - 7 days); LJ7 (lime juice - 7 days); AS30 (artificial saliva - 30 days, Control Group); CC30 (Coca-Cola™ - 30 days); LJ30 (lime juice - 30 days). Microhardness testing was performed prior to the erosive challenge to verify the standardization of samples. Immersion was performed 4x/day for five minutes, for either 7 or 30 days. After immersions were concluded, the brackets were bonded and shear bond strength was assessed after 48 hours. The Adhesive Remnant Index (ARI) was also assessed. Data were analyzed by two-way ANOVA, followed by Tukey’s post-hoc and Student’s t test for paired samples, and the Kruskal-Wallis non-parametric test (α = 5%). Results: The mean and standard deviation of microhardness testing of total samples were 281.89 ± 44.51 KHN. There was no statistically significant difference in shear bond strength for the time factor (7 or 30 days; F5.54= 0.105; p = 0.901). However, there was a statistically significant difference for the solution factor (F5.54= 6.671; p = 0.003). These differences occurred among solutions of Saliva x Coca-Cola™ (p = 0.003) and Coca-Cola™ x Lime Juice (p = 0.029). The assessment of the Adhesive Remnant Index showed no significant difference between groups. Conclusions: The immersion time used in the erosion protocols did not affect the bond strength of brackets to teeth. Coca-Cola™ induced significantly higher shear bond strength values than lime juice and artificial saliva. However, the short term effects of 7/30 days in this in vitro study may not be extrapolated for in vivo ones. Clinical studies should be conducted, substantiating the laboratory results.
  • Macroscopic and microscopic evaluation of flapless alveolar perforations on experimental tooth movement Original Article

    Pedraza, Jose Luis Munoz; Marquezan, Mariana; Nojima, Lincoln Issamu; Nojima, Matilde da Cunha Gonçalves

    Abstract in Portuguese:

    Resumo Objetivo: o objetivo do presente estudo foi avaliar a técnica cirúrgica sem retalho como alternativa à tradicional corticotomia alveolar utilizada para acelerar o movimento dentário experimental. Métodos: para induzir a movimentação dentária experimental em ratos Wistar, foram aplicados 40 cN de força ortodôntica aos primeiros molares superiores esquerdos. Quarenta ratos foram distribuídos nos grupos (n = 5) controles (GC1, GC3, GC7 e GC14) e experimentais (GE1, GE3, GE7, GE14), nos quais foram realizadas perfurações alveolares com uma ponta lança. As datas de eutanásia foram estabelecidas em 1, 3, 7 e 14 dias, respectivamente, após o início do movimento dentário. A quantidade de deslocamento dentário foi medida com um paquímetro e os osteoclastos presentes no ligamento periodontal da raiz mesial do dente movimentado foram contados por meio de avaliação histológica (coloração por fosfatase ácida resistente ao tartarato, TRAP). Resultados: embora não tenha havido diferença na quantidade de deslocamento dentário dentro dos subgrupos dos períodos experimentais correspondentes (p> 0,05), quando GC14 e GE14 foram comparados, um número maior de osteoclastos foi contado no grupo experimental (p< 0,00). Conclusão: os autores concluíram que as perfurações alveolares corticais sem retalho levaram a uma atividade osteoclástica mais intensa no décimo quarto dia; entretanto, nenhuma evidência de movimento dentário acelerado pôde ser notada.

    Abstract in English:

    Abstract Objective: The aim of this study was to evaluate a flapless surgical technique as an alternative to traditional alveolar corticotomy used to accelerate orthodontic tooth movement (OTM). Methods: To induce OTM in Wistar rats, 40 cN of orthodontic force were applied to the maxillary left first molars. Forty rats were distributed into control groups (CG1, CG3, CG7 and CG14) and experimental groups (n= 5), in which alveolar perforations were made using a spear-shaped guide bur (EG1, EG3, EG7, EG14). Euthanasia dates were set at 1, 3, 7 and 14 days, respectively, after tooth movement began. The amount of OTM was measured with a caliper, and osteoclasts present in the periodontal ligament of the mesial root of the moved tooth were counted by means of histological evaluation (tartrate-resistant acid phosphatase staining, TRAP). Results: Although there was no difference in the amount of OTM within subgroups of corresponding experimental periods (p> 0.05), when EG14 and CG14 were compared, a larger number of osteoclasts was counted in the experimental group (p< 0.00). Conclusion: The authors concluded that flapless cortical alveolar perforations led to more intense osteoclastic activity on the fourteenth day; nevertheless, no evidence of accelerated OTM could be noted.
  • Facial asymmetry: virtual planning to optimize treatment predictability and aesthetic results Bbo's Selected Article

    Brito, Hélio Henrique de Araújo; Mordente, Carolina Morsani

    Abstract in Portuguese:

    Resumo A assimetria facial é uma condição capaz de comprometer a função oclusal e as interações sociais e, consequentemente, a qualidade de vida dos indivíduos. Nessas condições, para se obter oclusão estável e melhora significativa na estética facial, o tratamento ortodôntico-cirúrgico pode estar indicado. A simulação virtual da cirurgia permite planejar de forma adequada, e antecipada, os movimentos cirúrgicos a serem efetuados na maxila, mandíbula e mento. Esses movimentos são, então, realizados com sucesso graças ao uso de guias prototipados obtidos a partir do planejamento virtual. Assim, os objetivos do presente artigo consistem em relatar o estado da arte no planejamento virtual do tratamento de um paciente com assimetria facial e protrusão do mento, e enfatizar a importância da abordagem multidisciplinar para se atingir resultados estéticos previsíveis e funcionalmente estáveis.

    Abstract in English:

    Abstract Facial asymmetry is a condition that compromises function and social interactions and, consequently, the quality of life. Orthodontic-surgical treatment may be indicated to achieve a stable occlusion and significant improvement in facial aesthetics. The virtual planning of the maxillary, mandibular and chin movements can be done prior to surgery. These movements can be successfully performed with the use of prototyped guides obtained from virtual planning. The aim of this article is to show the state of the art of treatments of facial asymmetries, and emphasize how important is the multi-disciplinary approach to achieve predictable aesthetic and functionally stable results in a patient with facial asymmetry and chin protrusion.
  • Orthodontic treatment time: can it be shortened? Special Article

    Moresca, Ricardo

    Abstract in Portuguese:

    Resumo Introdução: não existe consenso na literatura sobre a duração do tratamento ortodôntico, e os fatores relacionados com a sua determinação ainda não estão totalmente elucidados. Objetivo: o objetivo do presente artigo foi aprofundar a discussão dos principais fatores que podem influenciar na duração do tratamento ortodôntico, bem como apresentar algumas estratégias que têm se mostrado eficientes para controlá-la e reduzi-la. Método: a partir das evidências apresentadas na literatura, fundamentar as decisões clínicas. Conclusões: o tempo de tratamento varia de acordo com o tipo de má oclusão e com as opções de tratamento. A influência do ortodontista, as características do paciente e sua colaboração são fatores decisivos na definição do tempo de tratamento, enquanto os efeitos dos dispositivos ortodônticos e os métodos de aceleração do movimento dentário parecem ser pouco efetivos.

    Abstract in English:

    Abstract Introduction: In the literature, no consensus has been reached about orthodontic treatment time. Similarly, the determining factors of the latter have not yet been completely elucidated. Objective: The aim of the present article was to deepen the discussion on the major factors influencing orthodontic treatment time, as well as to present some strategies that have proven effective in controlling and shortening it. Method: Based on evidences found in the literature, the method focussed in providing the basis for clinical decision-making. Conclusions: Treatment time varies according to the type of malocclusion and treatment options. Orthodontist’s influence, patient’s characteristics and compliance are all decisive in determining treatment time, while the effects provided by orthodontic appliances and methods used to speed tooth movement up seem little effective.
  • Global distribution of malocclusion traits: A systematic review Online Articles

    Alhammadi, Maged Sultan; Halboub, Esam; Fayed, Mona Salah; Labib, Amr; El-Saaidi, Chrestina

    Abstract in Portuguese:

    Resumo Objetivo: considerando-se que os estudos disponíveis sobre a prevalência das más oclusões são de base local ou nacional, esse estudo teve como objetivo reunir dados para determinar a distribuição dos tipos de má oclusão em uma escala global, nas dentições permanente e mista. Métodos: foi realizada uma busca eletrônica através das ferramentas de pesquisa do PubMed, Embase e Google Acadêmico, para reunir estudos publicados até dezembro de 2016 sobre a prevalência das más oclusões, tanto na dentição permanente quanto na dentição mista. Resultados: dos 2.977 estudos encontrados, 53 foram analisados. Na dentição permanente, a distribuição mundial das más oclusões de Classe I, II e III foi, respectivamente, de 74,7% [31 - 97%], 19,56% [2 - 63%] e 5,93% [1 - 20%]. Na dentição mista, a distribuição dessas más oclusões foi de 73% [40 - 96%], 23% [2 - 58%] e 4% [0,7 - 13%]. Em relação às más oclusões verticais, observou-se prevalência de 21,98% de sobremordida profunda e 4,93% de mordida aberta. A mordida cruzada posterior afetou 9,39% da amostra. Os africanos mostraram a maior prevalência de Classe I e mordida aberta na dentição permanente (89% e 8%, respectivamente) e na dentição mista (93% e 10% respectivamente), enquanto os caucasianos apresentaram a maior prevalência de Classe II na dentição permanente (23%) e na dentição mista (26%). A má oclusão de Classe III na dentição mista foi mais prevalente entre xantodermas. Conclusão: mundialmente, nas dentições mista e permanente, as más oclusões de Classe I de Angle são mais prevalentes do que as de Classe II, especificamente entre os africanos; a menos prevalente foi a Classe III, ainda que mais prevalente entre os xantodermas na dentição mista. Na dimensão vertical, as mordidas abertas foram mais prevalentes entre xantodermas na dentição mista. A mordida cruzada posterior apresentou maior prevalência na dentição permanente na Europa.

    Abstract in English:

    Abstract Objective: Considering that the available studies on prevalence of malocclusions are local or national-based, this study aimed to pool data to determine the distribution of malocclusion traits worldwide in mixed and permanent dentitions. Methods: An electronic search was conducted using PubMed, Embase and Google Scholar search engines, to retrieve data on malocclusion prevalence for both mixed and permanent dentitions, up to December 2016. Results: Out of 2,977 retrieved studies, 53 were included. In permanent dentition, the global distributions of Class I, Class II, and Class III malocclusion were 74.7% [31 - 97%], 19.56% [2 - 63%] and 5.93% [1 - 20%], respectively. In mixed dentition, the distributions of these malocclusions were 73% [40 - 96%], 23% [2 - 58%] and 4% [0.7 - 13%]. Regarding vertical malocclusions, the observed deep overbite and open bite were 21.98% and 4.93%, respectively. Posterior crossbite affected 9.39% of the sample. Africans showed the highest prevalence of Class I and open bite in permanent dentition (89% and 8%, respectively), and in mixed dentition (93% and 10%, respectively), while Caucasians showed the highest prevalence of Class II in permanent dentition (23%) and mixed dentition (26%). Class III malocclusion in mixed dentition was highly prevalent among Mongoloids. Conclusion: Worldwide, in mixed and permanent dentitions, Angle Class I malocclusion is more prevalent than Class II, specifically among Africans; the least prevalent was Class III, although higher among Mongoloids in mixed dentition. In vertical dimension, open bite was highest among Mongoloids in mixed dentition. Posterior crossbite was more prevalent in permanent dentition in Europe.
  • Interdisciplinary planning as a landmark for treatment: Case report with a 2-years follow-up Online Articles

    Perasso, Roberto; Imelio, Monica; Alcidi, Renato

    Abstract in Portuguese:

    Resumo Relato de caso: paciente adulta jovem, sexo feminino, buscou tratamento devido à queixa com a estética do sorriso e o aspecto dos dentes anteriores. À primeira vista, o problema parecia ser apenas o formato dos incisivos laterais superiores e um pequeno diastema entre os incisivos centrais. O diagnóstico conjunto do ortodontista e do protesista fez com que considerássemos outros aspectos importantes, tais como mordida profunda, inclinação dentária e suporte labial. A partir de todas essas constatações, consideramos que a maneira mais adequada de melhorar a estética do sorriso seria planejar o tratamento ortodôntico. Assim, o tratamento serviria não apenas para melhor distribuição dos espaços, mas também melhoraria todos os outros problemas antes da restauração dos dentes laterais superiores ser realizada com duas facetas de cerâmica. Resultados: o tratamento planejado levou à correta distribuição dos espaços nos incisivos laterais superiores, com correção significativa da inclinação dos incisivos, importante redução da sobremordida e um melhor suporte labial, com restauração dos laterais superiores usando facetas de cerâmica feldspática, obtendo-se uma integração ideal com os dentes naturais, resolvendo as reclamações da paciente. Conclusão: em casos envolvendo abordagem multidisciplinar, as etapas iniciais são fundamentais, e apenas um diagnóstico inicial discutido entre a equipe de especialistas pode determinar os problemas do paciente sob diferentes perspectivas. Dessa forma, podemos compreender melhor os campos de competência e planejar a sequência e o tempo de tratamento mais adequados.

    Abstract in English:

    Abstract Case report: young adult woman with esthetic complaints regarding her smile and frontal teeth aspect. At first glance, the problem seemed to be only the shape of the lateral upper incisors and a small diastema between the central incisors. The diagnosis shared between the orthodontist and the prosthetist led us to consider some other important aspects, such as the deep bite, the teeth inclination and the lips support. All these findings led us to consider that the right way to improve the esthetics of the patient’s smile was to plan an orthodontic treatment. This would serve not only for the distribution of the spaces, but mostly it would improve all other problems, before the restoration of the upper lateral teeth with two ceramic veneers. Results: the treatment plan achieved the right distribution of spaces for upper lateral incisors, significant correction of the incisors inclination with important reduction of overbite and better lip support, upper laterals restorations with ceramic feldspathic veneers, obtaining a good integration with natural teeth satisfying patient complaint. Conclusion: in cases which involve interdisciplinary approach, the fundamental step comes from the beginning, when only an initial diagnosis shared among the team of specialists can define the patient problems from different points of view. In this way, we can better understand the competency fields and plan the right treatment and time sequence.
Dental Press International Av. Luís Teixeira Mendes, 2712 , 87015-001 - Maringá - PR, Tel: (55 44) 3033-9818 - Maringá - PR - Brazil
E-mail: artigos@dentalpress.com.br