Percepção das mães ao visitar seu filho na unidade neonatal pela primeira vez

Flávia da Veiga Ued Maria Paula Custódio Silva Isabela Lacerda Rodrigues da Cunha Mariana Torreglosa Ruiz Jesislei Bonolo do Amaral Divanice Contim Sobre os autores

Resumo

Objetivo:

identificar sentimentos, experiências e expectativas das mães durante sua primeira visita ao filho internado em uma Unidade de Cuidados Intermediários Neonatais de um hospital de ensino do interior do estado de Minas Gerais.

Método:

pesquisa qualitativa, realizada entre novembro de 2016 a abril de 2017, com 24 mães durante a primeira visita aos seus filhos na unidade de cuidados intermediários. Os dados foram coletados por meio de entrevistas semiestruturadas, posteriormente, transcritas e submetidas à Análise de Conteúdo.

Resultados:

da análise, emergiram três categorias temáticas: sentimentos que antecedem a primeira visita, a experiência da primeira visita e sentimentos maternos vivenciados durante a primeira visita.

Conclusão e implicações para a prática:

as participantes demostraram que a primeira visita aos seus filhos pode ter sentimentos positivos e experiências negativas. Estratégias para que sejam minimizados os medos e as dúvidas esclarecidas favorecem a concretização da maternidade.

Palavras-chave:
Recém-nascido; Berçários; Relações Mãe-Filho; Emoções

Universidade Federal do Rio de Janeiro Rua Afonso Cavalcanti, 275, Cidade Nova, 20211-110 - Rio de Janeiro - RJ - Brasil, Tel: +55 21 3398-0952 e 3398-0941 - Rio de Janeiro - RJ - Brazil
E-mail: annaneryrevista@gmail.com