Notas sobre o atual estatuto conceitual do dinheiro inconversível * * Gostaria de agradecer as críticas e sugestões feitas pelos pareceristas anônimos e também pelos colegas do Departamento de Economia da UFES e do Grupo de Estudos sobre Dinheiro Mundial e Financeirização, também da UFES. Por se tratar de um texto finalizado anteriormente, boa parte delas não foram incorporadas ao texto, mas servirão de baliza para futuros estudos, que muito se valerão das profícuas discussões do referido grupo.

Notes on the current conceptual status of inconvertible money

Gustavo Moura de Cavalcanti Mello Sobre o autor

Resumo

O fim da conversibilidade do dólar em ouro deu azo a um importante debate entre teóricos marxistas, em torno da atual natureza do dinheiro inconversível. Tendo em vista a especificidade da análise marxiana acerca da gênese, da essência e dos papéis desempenhados pelo dinheiro no interior da dinâmica da acumulação de capital, um ponto chave do debate diz respeito à sua atual validade. Constata-se que expressiva parte das interpretações marxistas acabam por se ater a determinações específicas e parciais do conceito de dinheiro, dissociando-o do conceito de capital. Em oposição a essa tendência, neste artigo procuramos apresentar relevantes “passos” desse conceito, para na sequência, à luz do evolver histórico, realizar uma breve incursão crítica pelo debate marxista contemporâneo em torno do tema, devotando atenção sobretudo às contribuições brasileiras. Esforça-se aí em apontar as virtudes e as deficiências de certas abordagens representativas, e se identifica nas análises de Prado (2013PRADO, E. F. S. (Neo)liberalismo: da ordem natural à ordem moral. Outubro, São Paulo, v. 18, p. 149-174, 2009., 2016aPRADO, E. F. S. Da controvérsia brasileira sobre o dinheiro mundial inconversível. Revista da Sociedade Brasileira de Economia Política, Niterói (SEP), Niterói, RJ, n. 35, p. 129-152, 2013., 2016bPRADO, E. F. S. From gold money to fictitious money. Brazilian Journal of Political Economy, São Paulo, v. 36, n. 1 (142), p. 14-28, 2016a.) um caminho para a solução de algumas controvérsias.

Palavras-chave:
Dinheiro; Dinheiro inconversível; Capitalismo contemporâneo; Capital fictício; Teoria marxiana do valor.

Instituto de Economia da Universidade Estadual de Campinas, Publicações Rua Pitágoras, 353 - CEP 13083-857, Tel.: +55 19 3521-5708 - Campinas - SP - Brazil
E-mail: publicie@unicamp.br