Pensando a História da Educação com Raymond Williams

Thinking the History of Education with Raymond Williams

Marcus Aurelio Taborda de Oliveira Sobre o autor

Resumos

O trabalho procura evidenciar a contribuição original do pensamento de Raymond Williams para a pesquisa em história da educação. Percorre um conjunto de conceitos-chave na obra do autor galês, sugerindo sua potência para a análise e a crítica das formas de organização da sociedade e da cultura no Brasil, com destaque para diferentes formas de educação. Conclui dimensionando a atualidade do seu pensamento não só para os intelectuais ligados ao campo educacional, ou para os historiadores da educação, mas para o próprio revigoramento do pensamento da esquerda no Brasil e no mundo.

História Social da Educação; História Social; Crítica Cultural; Raymond Williams


This article seeks to emphasize the original contribution of Raymond Williams' thought to the research in history of education. It goes through an amount of key concepts in the work of the Welsh author, suggesting its potential to critique and analyze forms of society and culture organization in Brazil, with highlight to different forms of education. It concludes dimensioning the actuality of his thought not only to intellectuals linked to the educational field or to historians of education, but to the reinvigoration of the left thought in Brazil and in the world.

Social History of Education; Social History; Cultural Critique; Raymond Williams


  • APPLE, Michael. Educação e Poder Porto Alegre: Artes Médicas, 1989.
  • APPLE, Michael. Ideologia e Currículo Porto Alegre: Artmed, 2006.
  • BRESCIANI, Stella. Identidades Inconclusas no Brasil do Século XX: fundamentos de um lugar-comum. In: BRESCIANI, Stella; NAXARA, Márcia (Org.). Memória e (re)sentimento: indagações sobe uma questão sensível. Campinas: Editora Unicamp, 2004. P. 399-425.
  • CORBIN, Alain. História dos Tempos Livres Lisboa: Teorema, 2001.
  • FORQUIN. Jean-Claude. Escola e Cultura Porto Alegre: Artes Médicas, 1993.
  • GOODSON, Ivor. Currículo: teoria e história. Petrópolis: Vozes, 1995.
  • HOBSBAWM, Eric. Sobre História São Paulo: Companhia das Letras, 1998.
  • KOSELLECK, Reinhard. Futuro Passado: contribuição à semântica dos tempos históricos. Rio de Janeiro: Contraponto; Puc-Rio, 2006.
  • LOPES, Alice Casimiro; MACEDO, Elizabeth. O Pensamento Curricular no Brasil. In: LOPES, Alice Casimiro; MACEDO, Elizabeth (Org.). Currículo: debates contemporâneos. São Paulo: Cortez Editora, 2002. P. 13-54.
  • LOPES, Alice Casimiro. Quem Defende os PCNs para o Ensino Médio? In: LOPES, Alice Casimiro; MACEDO, Elisabeth (Org.). Políticas de Currículos em Múltiplos Contextos São Paulo: Cortez, 2006. P. 126-158.
  • MONARCHA, Carlos. Brasil Arcaico, Escola Nova São Paulo: Editora UNESP, 2009.
  • ODÁLIA, Nilo. As Formas do Mesmo São Paulo: Editora UNESP, 1997.
  • OSCAR, Luisa Belotti; TABORDA DE OLIVEIRA, Marcus Aurelio. Periódicos e Imprensa como Fontes para a História da Educação dos Sentidos em Minas Gerais: o tempo livre como possibilidade de formação (entre as décadas finais do séc. XIX e as décadas iniciais do séc. XX). In: CONGRESSO BRASILEIRO DE HIS TÓRIA DA EDUCAÇÃO, 7., 2013, Cuiabá. Anais... Cuiabá: SBHE, 2013.
  • PINKNEY, Tony. Modernismo e Teoria da Cultura: prefácio à edição inglesa. In: WILLIAMS, Raymond. Política do Modernismo São Paulo: UNESP, 2011. P. XIX-LX.
  • RICUPERO, Bernardo. Sete Lições sobre as Interpretações do Brasil São Paulo: Alameda, 2011.
  • SARLO, Beatriz. Paisagens Imaginárias São Paulo: EDUSP, 2005.
  • SKINNER, Quentin. Visões da Política Sobre os métodos históricos. Lisboa: Difel, 2005.
  • TABORDA DE OLIVEIRA, Marcus Aurélio. O Lugar do Intelectual: a experiência do intelectual Rocha Pombo no processo de constituição de uma longa tradição seletiva. In: HANDAN, Juliana et al. (Org.). Moderno, Modernidade e Modernização: a educação nos projetos de Brasil (séculos XIX e XX). Belo Horizonte: Mazza Editora, 2013 (no prelo).
  • WARDE, Mirian Jorge. Pesquisa e Ensino em História da Educação. In: GONDRA, José; SILVA, José Cláudio Sooma (Org.). História da Educação na América Latina: ensinar e escrever. Rio de Janeiro: EDUERJ, 2011. P. 243-264.
  • WILLIAMS, Raymond. Cultura e Sociedade São Paulo: Companhia Editora Nacional, 1978.
  • WILLIAMS, Raymond. Marxismo e Literatura Rio de Janeiro: Zahar, 1979.
  • WILLIAMS, Raymond. O Campo e a Cidade São Paulo: Companhia das Letras, 1989.
  • WILLIAMS, Raymond. Cultura Rio de Janeiro: Zahar, 1991.
  • WILLIAMS, Raymond. Você é Marxista, Não é? Praga: Revista de Estudos Marxistas, São Paulo, Boitempo, n. 2, p. 123-133, 1997.
  • WILLIAMS, Raymond. La Larga Revolución Buenos Aires: Nueva Vision, 2003.
  • WILLIAMS, Raymond. Tragédia Moderna São Paulo: Cosac Naify, 2005.
  • WILLIAMS, Raymond. Palavras-Chave: um vocabulário de cultura e sociedade. São Paulo: Boitempo Editorial, 2007.
  • WILLIAMS, Raymond. A Política do Modernismo São Paulo: Editora UNESP, 2010.
  • WILLIAMS, Raymond. Cultura e Materialismo São Paulo: Editora UNESP, 2011.

Datas de Publicação

  • Publicação nesta coleção
    13 Fev 2014
  • Data do Fascículo
    Mar 2014

Histórico

  • Aceito
    21 Jun 2013
  • Recebido
    27 Jun 2012
Universidade Federal do Rio Grande do Sul - Faculdade de Educação Avenida Paulo Gama, s/n, Faculdade de Educação - Prédio 12201 - Sala 914, 90046-900 Porto Alegre/RS – Brasil, Tel.: (55 51) 3308-3268, Fax: (55 51) 3308-3985 - Porto Alegre - RS - Brazil
E-mail: educreal@ufrgs.br