Concepções e ações de professoras sobre propostas de um programa de educação integral

Conceptions and actions of female teachers related to full-time education proposals

Concepciones y acciones de profesoras sobre propuestas de un programa de educación integral

Marisa Irene Siqueira Castanho Marjorie Cristina Rocha da Silva Sonia Casarin Letícia de Sousa Dorighello Sobre os autores

Resumo

O objetivo deste trabalho foi identificar concepções e ações de professores em relação a um programa de educação integral. Foram analisadas respostas de 11 professoras de Ensino Fundamental I, de uma rede municipal de ensino, a partir de um roteiro semiestruturado de entrevista e questionários sociodemográficos. A análise de conteúdo, com apoio no software Iramuteq, evidenciou a contribuição socializadora da educação integral para a educação formal; as dificuldades de integração entre os professores dos dois currículos; as tentativas de aproximar os pais e a ausência da noção de comunidade; o reconhecimento da importância das atividades não formais e lúdicas; o uso da motivação e interesse do aluno pelas atividades das oficinas como condicionantes da frequência na sala de aula; a predominância da visão assistencialista. Sugere-se a ampliação de pesquisas, o investimento na formação de professores, visando à melhor compreensão e à atuação em programas articulados e planejamento de políticas públicas.

Jornada escolar ampliada; Formação de professores; Ensino Fundamental; Políticas públicas

Fundação CESGRANRIO Rua Santa Alexandrina 1011, Rio Comprido, 20261-235 Rio de Janeiro - RJ - Brasil, Tel.: + 55 21 2103 9600, Fax: + 55 21 2103 9600 r.338, - Rio de Janeiro - RJ - Brazil
E-mail: ensaio@cesgranrio.org.br