Accessibility / Report Error

Professores universitários: Quais são os desafios e perspectivas da pandemia?

Resumo

O objetivo foi analisar, em dois períodos, os desafios e perspectivas na vida laboral dos docentes que realizaram teletrabalho durante a pandemia da COVID-19, com docentes da Universidade Federal da Grande Dourados (UFGD). Foi utilizado questionário na plataforma Google para coleta de dados em dois momentos da pandemia. Os resultados mostraram possibilidade de continuidade do trabalho remoto, porém com alternância entre remoto e integral. Desde a etapa 1, cinco meses após o início da pandemia e, a etapa 2, em 2022, muitas situações foram sendo readequadas pelos docentes para enfrentar os tempos de pandemia e trabalho/ensino remoto. Aspectos positivos foram as facilidades trazidas pelo trabalho remoto e a pouca incidência de contágio. Sugerem a instituição melhorar a assistência nas plataformas virtuais e capacitações, porque 58% querem a continuidade integral ou parcial das atividades remotas.

Teletrabalho; Educação Superior; Pandemia; Aprendizado; Desafios

Fundação CESGRANRIO Revista Ensaio, Rua Santa Alexandrina 1011, Rio Comprido, 20261-903 , Rio de Janeiro - RJ - Brasil, Tel.: + 55 21 2103 9600 - Rio de Janeiro - RJ - Brazil
E-mail: ensaio@cesgranrio.org.br