Taxas longitudinais de retenção e evasão: uma metodologia para estudo da trajetória dos estudantes na educação superior

Longitudinal dropout and evasion rates: a methodology for studying the trajectory of students in higher education

Tasas Longitudinales de Retención y Evasión: una metodología para estudio de la trayectoria de los estudiantes en la educación superior

Paulo Lima Junior Cynthia Bisinoto Nilce Santos de Melo Mauro Rabelo Sobre os autores

Resumo

Com a expansão do sistema federal de educação superior, a evasão e a retenção têm sido redescobertas pela pesquisa educacional. Neste artigo, avaliam-se criticamente as taxas empregadas pelo Ministério da Educação (MEC) e Tribunal de Contas da União (TCU) para controle e acompanhamento da trajetória dos alunos nas universidades brasileiras. Partindo dessa crítica, são propostos indicadores alternativos para quantificar a evasão e a retenção: a taxa longitudinal de evasão (TLE) e a taxa longitudinal de retenção (TLR). Esses indicadores foram testados com dados extraídos do registro acadêmico da Universidade de Brasília (UnB). Os resultados dessa instituição indicam, progressivamente, aumento da evasão e redução da retenção. Essas transformações podem estar relacionadas ao próprio processo de expansão do sistema educacional.

Evasão; Retenção; Educação superior

Fundação CESGRANRIO Rua Santa Alexandrina 1011, Rio Comprido, 20261-235 Rio de Janeiro - RJ - Brasil, Tel.: + 55 21 2103 9600, Fax: + 55 21 2103 9600 r.338, - Rio de Janeiro - RJ - Brazil
E-mail: ensaio@cesgranrio.org.br