Accessibility / Report Error

Análise quantitativa dos fatores que influenciam a aprovação de disciplinas de cursos de graduação de uma instituição pública de Ensino do Sul do Brasil

Resumo

Buscar melhorias de índices de formação, êxito e redução de retenção dos estudantes de graduação suportam o desenvolvimento regional. Nosso artigo, por meio de um estudo de caso, tem como objetivo identificar se fatores relacionados a docentes e discentes impactam as taxas de aprovação do curso de graduação em processos de gestão de uma instituição pública de Ensino do sul do Brasil. Na análise quantitativa realizada, percebeu-se que fatores relacionados aos docentes, como formação (apenas graduação, mestrado ou doutorado), tipo de vínculo (permanente ou temporário) e possuir licenciatura com licenciatura, não afetam as taxas de aprovação. No entanto, fatores relacionados aos alunos influenciam a taxa de aprovação, por exemplo, as taxas de frequência em sala de aula e a idade dos alunos influenciam as taxas de aprovação. Os alunos com maior frequência na sala de aula e os alunos com mais de 30 anos têm taxas de aprovação mais elevadas do que os restantes. Este trabalho auxiliou a identificar quais os fatores que impactam negativamente nas taxas de aprovação, por exemplo, que alunos mais jovens e frequência de alunos em sala de aula têm taxas de aprovação mais baixas nas disciplinas.

Índices de Aprovação; Aprovação de Alunos; Ensino Superior; Processos de Gestão; Índices de Aprovação de Impacto

Fundação CESGRANRIO Revista Ensaio, Rua Santa Alexandrina 1011, Rio Comprido, 20261-903 , Rio de Janeiro - RJ - Brasil, Tel.: + 55 21 2103 9600 - Rio de Janeiro - RJ - Brazil
E-mail: ensaio@cesgranrio.org.br