A individualização dos percursos formativos como princípio organizador das políticas curriculares para o Ensino Médio no Brasil

Individualizing formative paths as an organizing principle for upper secondary education curricular policies in Brazil

La individualización de los itinerarios formativos como principio organizador de las políticas curriculares para la Enseñanza Secundaria en Brasil

Roberto Rafael Dias da Silva Sobre o autor

Resumo

O presente artigo propõe-se a examinar os modos pelos quais a individualização dos percursos formativos é posicionada enquanto um princípio organizador das políticas curriculares para o Ensino Médio implementadas no Brasil, ao longo desta década. Ao inscrever-se no campo dos Estudos Curriculares, descreve e analisa como a escolarização juvenil passa a ser redimensionada no âmbito de diferentes “surtos individualizatórios”, intensificados nas condições de uma “economização da vida social” e da visibilização dos paradoxos de uma “crise do Estado”. Realiza uma análise de políticas curriculares mobilizadas nos estados do Rio Grande do Sul, de Minas Gerais e do Rio de Janeiro.

Políticas curriculares; Ensino Médio; Individualização; Brasil

Fundação CESGRANRIO Rua Santa Alexandrina 1011, Rio Comprido, 20261-235 Rio de Janeiro - RJ - Brasil, Tel.: + 55 21 2103 9600, Fax: + 55 21 2103 9600 r.338, - Rio de Janeiro - RJ - Brazil
E-mail: ensaio@cesgranrio.org.br