Educação e Pesquisa, Volume: 32, Issue: 2, Published: 2006
  • EDITORIAL Editorial

    Carvalho, Marília Pinto de
  • Are we all workers in Education? Reflections about teacher identities from the teachers' Union perspective Artigos

    Ferreira, Márcia Ondina Vieira

    Abstract in Portuguese:

    O trabalho discute implicações do fenômeno da sindicalização docente sobre as identidades da categoria, em especial ao considerar-se o alegado processo de proletarização e a inclusão de funcionários nas entidades sindicais docentes. Baseia seus argumentos em duas pesquisas realizadas com sindicalistas do CPERS/SINDICATO (Centro dos Professores do Estado do Rio Grande do Sul - Sindicato dos Trabalhadores em Educação), que apresentam diferentes graus de participação na hierarquia política da organização. O referencial teórico recupera a gênese da escola e da docência, abordando duas de suas mais significativas imagens: trabalho feminino e proletarizado. Discorre sobre a sindicalização docente no Brasil, fenômeno que se oficializa a partir da promulgação da Constituição de 1988, mas que se consolida anteriormente a isso: durante as lutas por liberdades democráticas no contexto ditatorial. A análise revela uma variedade de posições, entre os sindicalistas, sobre a identidade dos docentes com relação à sua condição de trabalhadores em Educação ou de profissionais, ainda que um traço unificador seja a ausência de menção às modificações no processo de trabalho docente para justificar a proletarização. Também há concordância quanto ao aspecto instrumental das filiações, isto é, que a maior parte das pessoas se filia para obter vantagens pessoais. Nas conclusões, aponta-se para o caráter híbrido das atuais identidades docentes. Também se propõe para análise o fato de que, embora o termo 'trabalhadores em Educação' pudesse indicar uma diluição do professorado nos demais segmentos que atuam na escola, é perceptível o oposto, sendo os funcionários subsumidos na categoria docente.

    Abstract in English:

    The work discusses implications of the phenomenon of teacher Union affiliation upon the identities of this category, especially when considering the alleged process of its proletarianization, and the inclusion of other school personnel in the teachers Unions. The arguments are based on two studies carried out with Union officials from CPERS/SINDICATO (Teachers Center of the State of Rio Grande do Sul - Union of Workers in Education), representing different degrees of participation in the political hierarchy of the organization. The theoretical framework used recovers the genesis of school and teaching, approaching two of its most significant images: women's work and proletarian work. The article speaks of the affiliation of teachers to Unions in Brazil, a phenomenon that becomes official after the promulgation of the 1988 Constitution, but that had consolidated before that: during the struggles for democracy under the dictatorship. The analysis reveals a variety of positions among Union officials with regard to the teachers' identities as workers in Education or as professionals, even though a universal feature is the absence of mentions to the modifications in the process of teacher work to justify the proletarianization. There is also agreement with respect to the instrumental aspect of the affiliations, that is, to the fact that most people become affiliated to obtain personal advantages. The conclusions point out to the hybrid character of the current teachers' identities. They also present for analysis the fact that, although the phrase "workers in Education" might indicate a dilution of teachers among the other categories of workers of the school, the opposite is noticeable: the teacher category subsumes the other school personnel.
  • Discussion groups in the research with teenagers and youngsters: theoretical-methodological contributions and analysis of an experience with the method Artigos

    Weller, Wivian

    Abstract in Portuguese:

    Trabalhar com grupos juvenis de contextos interculturais e sociais distintos àquele do pesquisador exige cuidado e rigor no procedimento e na escolha dos métodos a serem utilizados para a coleta de dados, assim como uma preparação para o trabalho de campo. Mesmo assim, o pesquisador será confrontado com códigos de comunicação e estilos de vida que lhe são alheios. A decodificação desses sistemas exige uma espécie de imersão do pesquisador no meio pesquisado e um controle metodológico permanente do processo de interpretação, de forma a evitar vieses ou afirmações distorcidas sobre a realidade social de seus entrevistados. Nos últimos anos, o número de dissertações e teses sobre infância e juventude tem aumentado consideravelmente. No entanto, pela necessidade de entregarmos os trabalhos nos prazos estipulados ou por atribuirmos ao referencial teórico maior grau de importância, poucas vezes nos dedicamos a reconstruir a trajetória percorrida durante a fase de coleta e análise dos dados empíricos e a justificar as escolhas teórico-metodológicas realizadas. O presente artigo reconstrói o percurso de uma pesquisa de campo realizada com jovens em São Paulo e em Berlim, apresenta os instrumentos utilizados na coleta de dados e analisa o emprego dos grupos de discussão como um método de pesquisa que privilegia as interações e uma maior inserção do pesquisador no universo dos sujeitos, reduzindo, assim, os riscos de interpretações equivocadas sobre o meio pesquisado.

    Abstract in English:

    Working with groups of youngsters from social and intercultural contexts distinct from those of the researcher requires care and rigor in the procedure and choice of methods to be used in data collection, just as in the preparation for the fieldwork. Even so, the researcher will be confronted with codes of communication and lifestyles that are alien to him/her. The decoding of these systems demands a kind of immersion of the researcher into the medium studied, and a constant methodological control of the process of interpretation, so as to avoid biases and distorted statements about the social reality of the interviewees. In the last years, the number of theses and dissertations about childhood and youth has increased considerably. However, because of the need to comply with deadlines, or for attributing to the theoretical framework a higher level of importance, we seldom dedicate ourselves to reconstruct the trajectory followed during the phases of collection and analysis of the empirical data, and to justify our theoretical-methodological choices. The article reconstructs the path followed by a fieldwork carried out with youngsters in São Paulo and in Berlin, describes the instruments used to collect data, and analyzes the use of discussion groups as a research method that privileges interactions and the greater insertion of the researcher in the subjects' universe, thereby reducing the risk of mistaken interpretations about the medium researched.
  • Reading and literacy in Brazil: a search beyond polarization Artigos

    Belintane, Claudemir

    Abstract in Portuguese:

    Este artigo apresenta algumas reflexões sobre o ensino de leitura e a alfabetização no Brasil, tomando como ponto de partida os confrontos contemporâneos entre os chamados 'métodos' e 'metodologias' ou ainda 'linhas', 'filosofias', 'teorias' de alfabetização e de leitura. Situa sua argumentação a partir de alguns embates e algumas preocupações que vêm ocorrendo nesse campo do ensino nesta primeira década do milênio e, como exemplo, analisa um documento publicado pela Comissão de Educação e Cultura da Câmara dos Deputados, intitulado "Relatório final do grupo de trabalho; Alfabetização infantil: os novos caminhos", (Brasília, 2003). Toma essa análise como uma referência para discutir a relação entre a produção científica no campo do ensino da leitura e da alfabetização e seus efeitos no ensino público. No final do texto, o autor evidencia sua perspectiva de pesquisa e expõe algumas sugestões específicas para a abordagem da alfabetização e do ensino da leitura no Brasil, enfatizando as singularidades da escola brasileira em que a oralidade - desde que vista a partir de suas possibilidades autênticas de uso - pode desempenhar um papel fundamental no ensino e na aprendizagem da leitura. Conclui afirmando que a política, muitas vezes, assume este ou aquele método como forma de fugir da responsabilidade mais complexa, que é a de assumir a alfabetização como prioridade absoluta do Estado.

    Abstract in English:

    This article presents reflections on the teaching of reading and literacy in Brazil, taking as its point of departure the current disputes among the so-called 'methods' and 'methodologies', or still, 'lines', 'philosophies', 'theories' of literacy and reading. The text weaves its arguments from some of the clashes and concerns taking place in this field of teaching in this first decade of the new millennium and, as an example, analyzes a document published by the Commission for Education and Culture of the Federal House of Representatives entitled "Final report of the workgroup Child Literacy: the new paths", (Brasília, 2003). This analysis is taken as a reference to discuss the relation between the scientific production in the field of the teaching of reading and literacy, and its influence on public education. Towards the end of the text, the author explains his research perspective and describes specific suggestions to approach the issue of literacy and the teaching of reading in Brazil, emphasizing the singularities of the school in Brazil in which orality - if viewed in its authentic possibilities of use - can play a fundamental role in the teaching and learning of reading. The article's conclusion affirms that, many times, politics adopts this or that method as a way of evading the more complex responsibility of assuming literacy as an absolute priority of the State.
  • Reading in a foreign language: from secondary education to university admission exams Artigos

    Fernández, Gretel Eres; Kanashiro, Daniela S. Kawamoto

    Abstract in Portuguese:

    O presente estudo parte de uma breve discussão sobre o papel da compreensão leitora em língua estrangeira - espanhol - nos cursos de idiomas, bem como sobre as concepções de leitura que subjazem em alguns documentos oficiais, como no Quadro comum europeu de referência para as línguas: aprendizagem, ensino e avaliação e nos Parâmetros Curriculares Nacionais, tanto para o ensino médio quanto para o ensino fundamental. Num segundo momento, tecem-se comentários acerca de como a compreensão leitora é avaliada em alguns exames de vestibular em língua estrangeira. Nossa hipótese inicial centrava-se na existência de coerência entre as orientações oficiais, o que efetivamente deveria ser valorizado nas aulas de idiomas do ensino médio e o conhecimento exigido dos candidatos nas provas de seleção para ingresso em cursos superiores. Nossas análises revelaram, entretanto, uma discrepância significativa entre os três pontos tomados como referência: embora as diretrizes postulem que o ensino de idiomas deva valorizar o desenvolvimento da competência comunicativa dos aprendizes, é freqüente a prevalência - seja nas aulas, seja nos exames seletivos - de uma concepção tradicionalista do ensino de línguas estrangeiras, que privilegia o conhecimento lingüístico pautado no domínio da metalinguagem e de regras gramaticais, assim como no conhecimento lexical. A ênfase nesses aspectos gera, como uma de suas conseqüências, a restrição significativa da função da compreensão leitora na medida em que o texto assume a função de um simples pretexto para a aferição dos conhecimentos lingüísticos dos candidatos, o que sugere a necessidade de realizar pesquisas específicas destinadas a detectar as causas das divergências constatadas e a apontar caminhos que possam evitá-las ou, ao menos, minimizá-las.

    Abstract in English:

    The present study starts with a brief discussion about the role of reading comprehension in a foreign language - Spanish - in language courses, and also about the conceptions of reading underlying some of the official documents, such as the Common European Framework of Reference for Languages: Learning, Teaching, Assessment, and the Brazilian National Curriculum Parameters for secondary education and for the fundamental school. After that, a few comments are made with respect to how reading comprehension is being assessed in some of the university admission exams. Our initial hypothesis was centered on the existence of coherence between three aspects: the official guidelines, what was supposed to be encouraged in foreign language classes in secondary education, and the kind of knowledge of a foreign language required from candidates in higher education admission exams. However, our analyses have revealed a significant discrepancy between those three reference points: although the guidelines stipulate that the teaching of languages must emphasize the development of the student's communication competence, what often prevails - both in the classroom and in admission exams - is a traditionalist perspective of the teaching of foreign languages that privileges the linguistic knowledge based on the command of the metalanguage and of grammatical rules, as well as of lexical knowledge. The emphasis on these aspects has as one of its consequences the significant restriction of the function of reading comprehension, given that the text assumes the role of a mere pretext for the evaluation of the linguistic knowledge of the candidates. This fact suggests the need for specific scientific research aimed at investigating the causes of the observed divergences, and at showing ways of preventing them, or at least minimizing them.
  • The perception of Chilean teachers about the program of focused schools: elements for the analysis of a 'positive action' education policy

    Bustamante U., Miguel; Donoso D., Sebastián

    Abstract in Spanish:

    El Programa de Escuelas Focalizadas (antes P-900) es una iniciativa educativa de larga data impulsada en Chile por el Ministerio de Educación tras el retorno de la democracia (1990). Es uno de los programas que tuvo mayor éxito, aunque su rediseño se hace inminente por los resultados derivados de diversos estudios. Su estrategia significó apoyar pedagógicamente a las escuelas cuyos resultados en las pruebas de medición de logros de los cuartos grados se situaban en el 10% con peores valores (actualmente en el 18%). El proceso pedagógico sustentado por el Programa se centra en maestros y alumnos, con una acción positiva en diversos ámbitos. Los resultados dan cuenta de la percepción de los docentes participantes en una de las áreas geográficas con más bajos resultados y mayores índices de pobreza del Chile: la Provincia de Talca. Se trabajó con 249 docentes, aplicándoles un cuestionario estructurado con escalas Likert y Nominal. Los resultados confirman que los docentes conocen el programa, que tienen una percepción positiva pero que sus nuevas prácticas aún no son valoradas como un factor de desarrollo laboral de significación. Desde el punto de vista de una política educativa de acción positiva es indispensable introducir cambios de significación que implican su rediseño, aspecto que se debate en las conclusiones del texto.

    Abstract in English:

    The Program of Focused Schools (formerly P-900) is a long-standing education initiative promoted in Chile by the Ministry for Education in the wake of the return to democracy (1990). It is one of the most successful programs, even if its redesign is already needed in face of results derived from several studies. Its strategy was to give pedagogical support to the schools whose pupils from the first four grades were within the 10% worst results in assessment exams (nowadays the 18% worst results). The pedagogical process proposed by the Program centers on teachers and pupils, with a positive action in several spheres. The text reports on the perception of participating teachers from one of the geographical areas with the worst results and levels of poverty in Chile: the Talca Province. The work involved 249 teachers, with the application of structured questionnaires with Likert and Nominal scales. The results confirm that the teachers know about the program, that they have a positive perception of it, but that its new practices are still not valued as a significant factor of professional development. From the point of view of an education policy based on positive action it is essential to introduce changes of meaning, implying in the redesign of the program, an aspect discussed in the conclusions of the article.
  • Education and resistance: report of an experience Artigos

    Guedes, Lizandra; Depieri, Adriana

    Abstract in Portuguese:

    Este artigo se constitui como uma primeira comunicação de reflexões acumuladas por um coletivo de educadoras a partir da experiência do Projeto Piá. O Piá é um projeto de educação autogestionado, formado por alunos da Universidade de São Paulo que, movidos pela elaboração de uma concepção de educação e de uma práxis para além dos moldes escolares vigentes, vem desenvolvendo suas ações desde fins de 1997. Hoje, o Piá, que tem como um de seus princípios uma educação de caráter público, atende gratuitamente 45 crianças da região da Barra Funda em dois espaços: o Espaço de Educação Infantil - para crianças de dois a seis anos - e o Espaço de Educação Complementar à Escola - para crianças maiores de sete anos. As reflexões expostas neste artigo partem do que chamamos de vicissitudes da práxis, em que tentamos, narrando um pouco de nossa trajetória na educação, das formulações e reformulações pelas quais o projeto passou, dos impasses por nós enfrentados, apresentar algumas discussões que julgamos importantes de serem pensadas quando falamos sobre uma educação voltada verdadeiramente para a formação de sujeitos. O resultado é um relato, misto de história, teorias e questões, que vai compondo nossa experiência, a partir da qual esperamos suscitar em outros educadores e pesquisadores questionamentos acerca das (im)possibilidades da educação.

    Abstract in English:

    This article represents a first communication of the accumulated reflections of a group of educators on their experience with the Piá Project. The Piá Project is a self-managed project in education constituted by students of the University of São Paulo who, motivated by the development of a conception of education and a praxis that go beyond the current school molds, have been carrying out their activities since the end of 1997. Having as one of its principles the public character of education, the Piá Project today serves at no cost 45 children from the Barra Funda area, using two spaces: the Child Education Space - for children from two to six years of age - and the Complementary Education Space - for seven or more year old children. The reflections presented in this article start from what we call the vicissitudes of the praxis, in which we describe our trajectory in education, the formulations and reformulations experienced by the project, the impasses we faced, and we propose discussions we feel to be important when we talk about an education truly dedicated to the formation of subjects. The result is a narration, part history, part theories and questions, that gradually sketches our experience, which we hope will raise questions in other researchers' minds about the (im)possibilities of education.
  • Apresentação Em Foco: Histórias De Vida E Formação

    Chamlian, Helena Coharik; Bueno, Belmira Oliveira
  • Life histories in formation: genesis of a movement of existential action-formation-research Em Foco: Histórias De Vida E Formação

    Pineau, Gaston

    Abstract in Portuguese:

    O texto faz um sobrevôo histórico contemporâneo sobre a emergência das práticas multiformes que trabalham com histórias de vida no período de 1980 a 2005. Três períodos se destacam nesse histórico: um período de eclosão (os anos de 1980), um período de fundação (os anos de 1990) e, finalmente, um período de desenvolvimento diferenciador (os anos de 2000). Essa eclosão será interpretada como uma corrente de pesquisa-ação-formação existencial às voltas com 25 anos de vida. Vinte e cinco anos é pouco na escala da história. É, contudo, suficiente para provocar problemas de construção de sentido e de comunicação intergeracional, que serão discutidos neste artigo, a partir de questões como as que seguem: Quais práticas auto-reflexivas de construção histórica geram ou não, mais ou menos conscientemente, essa corrente? Como, ao lado de outras tendências (biográfica, autobiográfica, relatos de vida), essa corrente se inscreve em um movimento biorreflexivo de construção de novos espaços conceituais para trabalhar o crescimento multiforme de problemas vitais inéditos? A nosso ver, na sua modesta escala, ela pode contribuir para fazer de suas práticas uma arte poderosa de autoformação da existência ou, ao contrário, de submissão, conforme permite ou não aos sujeitos apropriarem-se do poder de refletir sobre suas vidas e, desse modo, ajudá-los a fazer delas uma obra pessoal.

    Abstract in English:

    The text presents an overview of the contemporary history of the emergence of multiform practices dealing with life histories in the 1980-2005 period. Three periods can be highlighted within this history: a period of eruption (the 1980s), a period of foundation (the 1990s), and finally a period of differentiating development (the 2000s). The eruption will be interpreted as a movement of existential action-formation-research dealing with its 25 years of life. Twenty-five years is little in terms of history. It is, however, enough to cause problems of construction of meaning and inter-generational communication, which shall be discussed in this article starting from issues such as the following: Which self-reflective practices of historical construction produce or do not produce, more or less consciously, this movement? How, next to other trends (biographical, autobiographical, life stories), this movement is inscribed in a bio-reflective school of construction of new conceptual spaces to work with the multiform growth of novel vital problems? In our view, in its modest scale, this movement can contribute to turn its practices into a powerful art of self-formation of the existence or, otherwise, of submission, depending on whether or not we allow subjects to incorporate for themselves the power to reflect upon their lives and, in so doing, help them to turn their lives into personal realizations.
  • The education of adults confronted by the biographical imperative Em Foco: Histórias De Vida E Formação

    Dominicé, Pierre

    Abstract in Portuguese:

    O texto tem como foco a questão da educação de adulto nos dias de hoje. Tem em vista oferecer elementos que contribuam para a formação de outrem ao considerar que todo formador precisa conhecer melhor o que foi formador em sua própria história de vida. Defende a idéia de que a construção biográfica tende a se tornar a finalidade principal da formação de adultos, mas é preciso buscar novos horizontes de construção biográfica, pois o curso da vida experimenta, em razão da ruptura de linearidade que tem caracterizado a maior parte dos percursos profissionais, novas tensões, mas também aberturas inusitadas. Nesse sentido, considera a pluralidade biográfica que caracteriza os contextos sociais da vida contemporânea. A instabilidade ambiente, a perda de referências culturais, a rapidez da emergência das novas tecnologias obrigam a uma espécie de reconversão das bases educativas nas quais se fundam as histórias de vida. O processo de formação torna-se uma longa busca de si em um mundo que demanda uma forte consistência pessoal para enfrentar os desafios que cada um deve encarar na sociedade atual. Essa experimentação existencial irá de certo surpreender, particularmente em contextos de conformidade social, porque ela favorecerá trajetórias insólitas e opções aparentemente contraditórias. Nós estaremos, em todo o caso, diante de confrontos entre gerações que, por causa de suas divergências biográficas, podem ter dificuldade de se reconhecer mutuamente. O relato biográfico educativo praticado no ensino universitário, em Genebra, fornece inúmeras ilustrações dos desafios biográficos enfrentados especialmente pelos profissionais da formação.

    Abstract in English:

    The focus of this text is the issue of adult education in our days. It aims at offering elements to contribute to form someone, by considering that every educator needs to know what was formative in his/her own life history. The text defends the idea that the biographical construction tends to become the main purpose of the education of adults, but that we have to seek new horizons of biographical construction, because the course of life has experienced, in consequence of the rupture of linearity that has characterized most professional paths, new tensions, but also unsuspected possibilities. In this sense, the article considers the biographical plurality that is a feature of the social contexts of contemporary life. The ambient instability, the loss of cultural references, the speed of emergence of new technologies, all force a kind of readaptation of the educative basis upon which life histories are founded. The process of formation then becomes a prolonged search for oneself in a world that demands a strong personal consistency to face the challenges posed to each person in today's society. Such existential experimentation will certainly bring surprises, particularly in contexts of social conformity. We shall be, at any rate, before a confrontation of generations which, by virtue of their biographical divergences, may have difficulty to recognize each other. The educative biographical report practiced at Geneva's higher education offers countless illustrations of the biographical challenges faced especially by the professionals of education.
  • Formation and socialization: the project biographical workshops Em Foco: Histórias De Vida E Formação

    Delory-Momberger, Christine

    Abstract in Portuguese:

    A partir de um quadro geral de caminhos de formação por meio das histórias de vida, que apelam para procedimentos de exploração e se inscrevem contra uma definição acadêmica e instrumental da intervenção formativa, a proposta deste artigo é a de apresentar um dispositivo particular - os ateliês biográficos de projeto. O texto desenvolve, ao mesmo tempo, os princípios teóricos relativos a esse dispositivo, em suas modalidades práticas, e os desafios de formação de que ele é portador. O ateliê biográfico de projeto é um procedimento que inscreve a história de vida em uma dinâmica prospectiva que liga o passado, o presente e o futuro do sujeito e visa fazer emergir seu projeto pessoal, considerando a dimensão do relato como construção da experiência do sujeito e da história de vida como espaço de mudança aberto ao projeto de si. No quadro de um grupo de 12 pessoas, as histórias de vida individuais são o objeto de um trabalho de exploração e de socialização que passa por atos de escritura de si (autobiografia) e pela compreensão do outro (heterobiografia). O procedimento de formação acionado tem por objetivo explícito, portanto, colocar os participantes em situação de extrair um projeto de si profissional.

    Abstract in English:

    Starting from a broad picture of paths of formation through life histories that make use of exploration procedures and position themselves against an academic and operational definition of the formative intervention, this article proposes to present a specific instrument: the project biographical workshops. At the same time, the text develops the theoretical principles related to this instrument in its practical modalities, and the challenges for the formation that it brings with it. The biographical workshop is a procedure that inscribes the life history in a dynamical prospective that links the past, the present and the future of the subject, and aims to make emerge his/her personal project, considering the dimension of the narrative as construction of the subject's experience and of the life history as a space of changes open to the project of the self. Within a group of twelve people the individual life histories are the object of an exploratory and socializing work that involves acts of writing about oneself (autobiography) and of understanding of the other (heterobiography). The formation procedure put into motion has therefore as its explicit objective to place the participants in a position to create a project for their professional selves.
  • The connecting figures in the narratives of formation: formative, deformative and transformative connections Em Foco: Histórias De Vida E Formação

    Josso, Marie Christine

    Abstract in Portuguese:

    O procedimento de histórias de vida, centrado na reconstrução das histórias de formação que praticamos há mais de vinte anos, alterna tempos de trabalho individual e tempos de trabalho em grupo articulados a uma leitura dos relatos com olhares cruzados. Nesse sentido, integra a criação de ligações consigo mesmo e com outros participantes. As figuras de ligação discutidas neste texto são apresentadas a partir da metáfora dos nós de marinheiro. A tentativa do uso dessa metáfora é dar a perceber que a ligação é, ao mesmo tempo, o que dá uma sustentação, que prende e que mantém uma relativa estabilidade, que permite o movimento em um perímetro definido, mas também o que impede sair desse perímetro, o que entrava, o que pode ficar machucando quando se tenta a liberdade sem consegui-la, o que se desfaz mais ou menos facilmente para encontrarmos a liberdade de movimento. O nó faz referência, ainda, à complexidade da ligação, reúne dois fios ou cordas a muitos outros fios. Há, portanto, nessa metáfora, também, o dois e o maior número. Não há ser humano que não esteja, religado, ligado, nem que seja simbolicamente como Robinson Crusoé. Daí a importância da temática da ligação na compreensão de nosso processo de formação e de conhecimento.

    Abstract in English:

    Connecting figures are represented in this text by the metaphor of sailor knots. This metaphor tries to impart the feeling that the connection is, simultaneously, that which gives support, and that which binds and maintains a certain stability; that which allows the movement within a given perimeter, but also that which precludes leaving this perimeter; that which obstructs, which can make hurt when we go for freedom and fail, that which dissolves more or less easily when we find the freedom to move. The knots are also a reference to the complexity of the connection; they tie two threads or ropes to many threads, or to even more. There is also this metaphor of the two and of the larger number. There is not a human being who is not reconnected, connected, or who is someone like Robinson Crusoe; hence the importance of the theme of the connection in understanding the process of our formation and of our knowledge.
  • Life histories and autobiographies in teacher education and teaching profession (Brazil, 1985-2003) Em Foco: Histórias De Vida E Formação

    Bueno, Belmira Oliveira; Chamlian, Helena Coharik; Sousa, Cynthia Pereira de; Catani, Denice Barbara

    Abstract in Portuguese:

    O texto apresenta uma revisão de trabalhos da área de Educação que fizeram uso das histórias de vida e dos estudos autobiográficos como metodologia de investigação científica no Brasil. Dois recortes foram efetuados, um temporal e outro temático, para focalizar o período compreendido entre 1985 e 2003 e privilegiar dois temas: formação de professores e profissão docente. O objetivo principal foi o de mapear a produção nacional, buscando identificar as temáticas que emergiram com maior força, apontando aspectos lacunares e indicando direções para futuros estudos na área. Várias fontes foram utilizadas: resumos de teses e dissertações (banco de teses da CAPES); textos completos de teses e dissertações defendidas nos programas de pós-graduação da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo - PUC-SP - e da Faculdade de Educação da Universidade de São Paulo - FEUSP -; livros; e periódicos científicos. As análises levaram a concluir que o uso dessas abordagens cresceu significativamente no Brasil a partir dos anos de 1990, porém, de modo muito disperso, foram utilizadas muito mais como fonte de dados para o desenvolvimento de um largo espectro de pesquisas e muito timidamente como dispositivos de formação. Todavia, evidenciou-se que a intensificação de tais metodologias contribuiu para renovar as pesquisas sobre os professores, ao mesmo tempo em que fez aflorar o interesse por questões e temáticas novas, tais como as que se configuram, por exemplo, nos estudos sobre profissão, profissionalização e identidades docentes.

    Abstract in English:

    The text offers a review within the area of Education of the works that make use of life histories and autobiographic studies as a scientific research methodology in Brazil. The period between 1985 and 2003 is focused under two different slants, one temporal, and the other thematic: teacher education and teaching profession. The main purpose here was to map out the national production, seeking to identify the themes that have emerged with greater strength, pointing out deficient aspects, and suggesting directions for future studies in this field. Several sources were utilized: abstracts of theses and dissertations from the CAPES database; complete texts of theses and dissertations presented to the graduate programs of the Pontifical Catholic University of São Paulo - PUC-SP - and of the Faculty of Education of the University of São Paulo - FEUSP; books; and scientific journals. The analyses have shown that the use of these approaches has grown significantly in Brazil since the 1990s but, in a very disperse manner, they have been used more as a source of data for the development of a wide spectrum of studies, and only timidly as formation devices. Nevertheless, it has become apparent that the rise of these methodologies has contributed to a renewal in the studies about teachers, at the same time that it has fostered the interest in new issues and themes, such as those developed, for example, in the researches about profession, professionalization and teacher identity.
Faculdade de Educação da Universidade de São Paulo Av. da Universidade, 308 - Biblioteca, 1º andar 05508-040 - São Paulo SP Brasil, Tel./Fax.: (55 11) 30913520 - São Paulo - SP - Brazil
E-mail: revedu@usp.br