O problema da avaliação das habilidades socioemocionais como política pública: explicitando controvérsias e argumentos

The socioemotional habilities assessment as public policy: making explicit controversies and arguments

Le problème de l'évaluation des compétences socio-émotionnelles en tant que politique publique: controverses et arguments

Ana Luiza Bustamante Smolka Adriana Lia Friszman de Laplane Lavinia Lopes Salomão Magiolino Débora Dainez Sobre os autores

Este texto analisa a proposta de avaliação de competências sócioemocionais - Social and Emotional Non-cognitive Nationwide Assessment (SENNA) - que vem sendo disseminada como consensual e inovadora no Brasil. O artigo explicita controvérsias; examina os fundamentos do construto Big Five que sustenta a proposta; discute a utilização da análise fatorial como base para o estudo da personalidade; problematiza a separação das dimensões cognitiva e emocional e contesta a redução da personalidade a poucos traços analisáveis separadamente. Diante dos riscos de simplificar a complexidade do desenvolvimento humano e de estigmatizar alunos que não demonstrem as competências estipuladas como desejáveis, questiona-se a pertinência de se assumir tal proposta como política pública.

Avaliação; Personalidade; Desenvolvimento humano; Competências socioemocionais; Política pública


Centro de Estudos Educação e Sociedade - Cedes Av. Berttrand Russel, 801 - Fac. de Educação - Anexo II - 1 andar - sala 2, CEP: 13083-865, +55 12 99162 5609, Fone / Fax: + 55 19 3521-6710 / 6708 - Campinas - SP - Brazil
E-mail: revistas.cedes@linceu.com.br