A polissemia dos conceitos e suas implicações para a sociologia: os usos do termo "sistema"

The polysemy of concepts and their implications for sociology: the uses of the term "system"

La polysémie des concepts et ses implications en sociologie: les usages du terme "système"

Fernando Coutinho Cotanda Sobre o autor

No presente artigo, examinamos a polissemia do termo "sistema" na Sociologia, com o propósito de demonstrar que o processo comunicacional, inescapável na prática científica, se fragiliza e, por vezes, se impossibilita se os termos empregados forem tomados fora das orientações teóricas e epistemológicas do autor. Acreditamos que a polissemia, fenômeno de ocorrência habitual na vida cotidiana, tem seus efeitos negativos amplificados quando se trata de termos que, no contexto argumentativo, possuem status de conceito. O emprego da palavra não garante por si só o compartilhamento intersubjetivo de significados, podendo ocorrer a produção de significados não desejada por aqueles que buscam se comunicar. Por outro lado, buscar um significado unívoco, sem ambiguidades e sem polissemias, para termos que operam abstrações significativas nas Ciências Sociais nos parece improvável, senão impossível.

Teoria sociológica; Sistema; Polissemia.


Centro de Estudos Educação e Sociedade - Cedes Av. Berttrand Russel, 801 - Fac. de Educação - Anexo II - 1 andar - sala 2, CEP: 13083-865, +55 12 99162 5609, Fone / Fax: + 55 19 3521-6710 / 6708 - Campinas - SP - Brazil
E-mail: revistas.cedes@linceu.com.br